cultura

Ana Botafogo participa de bate papo com Grupo de Dança do Mato Grosso

Publicado

Nesta Quinta-feira (23.07), o Grupo Caroline/ Cidarta – Companhia das Artes e Associados, conta com a presença da renomada “Primeira Bailarina do Teatro Municipal do Rio de Janeiro, Ana Botafogo”, que participará de um bate papo com a diretora do Grupo Caroline/Cidarta, Maria Hercilia Panosso, através do canal do Instagram http://@grupocarolineoficial.

A transmissão começa às 19h30, horário de Cuiabá. A participação é aberta ao público.

Sobre Ana Botafogo

Ana Botafogo, é Primeira Bailarina do Theatro Municipal do Rio de Janeiro.

Nasceu no Rio de Janeiro, onde começou desde criança seus estudos de balé. Iniciou sua carreira profissional na França integrando o Ballet de Marseille, de Roland Petit.

Participou de Festivais em Lausanne, Veneza, Havana e na Gala Iberoamericana de La Danza, representando o Brasil em Madri.

Apresentou-se ainda em vários países da Europa e das Américas do Norte, Central e do Sul.

Foi Bailarina Principal do Teatro Guaíra e da Associação de Ballet do RJ.

Em 1981, ingressou no Theatro Municipal do Rio de Janeiro já como Primeira Bailarina cargo em que permanece até hoje.

Entre seus muitos títulos, destacam-se o de Embaixadora da Cidade do Rio de Janeiro, o de Benemérito do Estado do Rio de Janeiro, Chevalier dans L’Ordre des Arts et des Lettres (Ministério da Cultura da França), o Troféu

Mambembe-1998, a Ordem do Mérito Cultural (Ministério da Cultura-Brasil)  na classe de “Comendador”, e a Medalha Pedro Ernesto.

Como artista convidada dançou com importantes companhias tais como; Saddler’s Wells Royal Ballet, Ballet Nacional de Cuba,  Ballet da Ópera de Roma, entre outras.

Apresentou-se em quase todo o Brasil com o Ballet do Theatro Municipal do Rio de Janeiro além de outras Companhias e Academias de Ballet.

Levou também para diversas capitais brasileiras os espetáculos Ana Botafogo In Concert, Três Momentos do Amor, Suíte Floral, e Isto é Brasil, este em companhia de Carlinhos de Jesus.

Em 2011 comemorou 35 anos de carreira com o espetáculo Marguerite e Armand.

A divulgação e popularização da dança é uma preocupação constante de Ana Botafogo levando sua arte para os diversos cantos do Brasil.

Além de sua dança, ministra também, palestras e workshops com o intuito de estimular e levar aos jovens bailarinos os encantos dessa arte e profissão.

Ana Botafogo, é considerada pelo público e pela crítica uma das mais importantes bailarinas brasileiras de todos os tempos.

Está é a V Edição da “Dança em Pauta”, um espaço da coluna Equilíbrio que muito em breve retorna com força total nas plataformas das redes sociais. Deixe sua pergunta através do nosso site https://www.grupocidarta.com.br.

 

Comentários Facebook
publicidade

cultura

TV produz documentário sobre o maior incêndio da história do Pantanal

Publicado

A maior planície alagada do planeta está em chamas e as consequências disso ainda são desconhecidas, mas serão registradas. A TV Assembleia (TVAL) está produzindo um documentário para contar, sob diferentes narrativas e muitas imagens, os impactos dos incêndios que até agora consumiram 20% de toda a biodiversidade do Pantanal. O material será gravado em três etapas para reproduzir parte da tragédia registrada este ano.

Equipe da TVAL levará ao mundo a história do maior incêndio do Pantanal | Foto: Anderson Sartori

O repórter Anderson Sartori sugeriu a realização do documentário após uma provocação da jornalista Lina Carvalho, que conhecendo a paixão do colega por documentários e pela natureza, sugeriu a realização de um projeto especial. Pronto, foi semeada a semente e Anderson levou a proposta para o superintendente da TVAL, Jaime Neto.

A equipe fez sua primeira inserção há duas semanas, quando uma diligência da Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT), da Câmara dos Deputados e do Senado Federal visitou o Pantanal para ver de perto as queimadas e ouvir os relatos da população local. Anderson Sartori, o cinegrafista Maximino Cruz, o operador de drone Roberto Kilila e o motorista Ronaldo Marques de Almeida percorreram a Transpantaneira de Poconé (a 102 km da Capital) até Porto Jofre, na divisa dos estados de Mato Grosso e Mato Grosso do Sul.

Com apoio de um drone, a imagens aéreas mostram a devastação do fogo até mesmo sobre as áreas úmidas. “Fiz muitas matérias no Pantanal e nunca vi assim. Você não vê água, não sei se um dia o Pantanal voltará a ser como antes”, descreve Maximino Cruz, que há 35 anos trabalha como cinegrafista.

Desafios – O jornalista Anderson Sartori diz que o objetivo do documentário é disponibilizar ao mundo as imagens e a história deste que já é considerado o maior incêndio do Pantanal. “É premissa da TV pública produzir conteúdos que possam desdobrar alguns assuntos com mais tempo e o documentário é um dos caminhos para levar informações mais aprofundadas para a comunidade”, afirma Anderson Sartori.

Além dos aspectos naturais e o dia a dia de quem está lidando com o combate ao fogo, o documentário também vai apresentar os impactos sociais e econômicos da queimada no Pantanal a partir da perspectiva de quem vive lá e também de pesquisadores e políticos. “Vimos pousadas destruídas, o ecoturismo será afetado diretamente”, exemplifica Anderson.

Para isso, a intenção é registrar a queimada, o que já foi realizado, o início das chuvas e depois, quando o Pantanal estiver cheio, gravar como será a reconstrução deste ciclo, visto que naturalmente o bioma é composto do revezamento entre a seca e a cheia de sua planície. Como o material está sendo produzido em Full HD, que garante qualidade de ponta às imagens, a equipe também precisará de uma estrutura especial para editar o documentário e apoio para realizar mais duas viagens.

A intenção é finalizar o documentário ainda no primeiro semestre de 2021. “Estamos trabalhando nos intervalos das pautas diárias e entre uma ida e a outro ao Pantanal para fazer entrevistas, pesquisar e adiantar a seleção de imagens”, explica Sartori.

Fonte: ALMT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Agronegocio

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana