geografia

Bacia Platina (Rios Paraná e Paraguai)

Publicados

em


aneel

Bacia do Paraná

A influência do relevo na hidrografia, lembrando-se dos rios que somem, nas formações calcáreas, a exemplo do Rio Itiquira e outros Na Bacia Platina figura a rede do Rio Paraguai, drenando a porção sul e sudoeste do Estado. Os rios integrantes deste sistema caracterizam-se por possuir escoamento lento, correndo sobre aluviões recentes e sofrendo constantes divagações. O Rio Paraguai é navegável em todo o seu curso e os seus principais afluentes são os rios Jauru, Cabaçal, Sepotuba, Cuiabá e tributários da planície pantaneira.
O Rio Paraguai percorre uma extensão de 2.621 km, sendo 1.693 km em território brasileiro. Por tradição, neste percurso, existem quatro longos trechos com características totalmente diferentes, a saber: – Paraguai Superior, Alto Paraguai (MT – MS), Médio Paraguai e Paraguai Inferior. O Paraguai Superior corresponde a zona das nascentes ou das serras e, sendo assim caracteriza-se por apresentar um curso mais tormentoso, com diversas corredeiras. Por isto o Alto Paraguai corresponde ao trecho em que o rio desenvolve o seu curso através da imensa bacia de recepção. Num total de 1.262 km, desde a confluência do Rio Jauru até o Rio Apa, o desnível apresentado nesta extensa planície é de apenas 32 metros, com máximo de 125 e mínimo de 83 metros. Bastante fraco, em vista da extensa área perlustrada pelo histórico rio.
Os cursos d’água que se desenvolvem sobre as planícies têm muita importância, em função de seu aproveitamento sócio-econômico. Por outro lado, é importante ressaltar.

Comentários Facebook
Propaganda

geografia

Geografia

Um Estado imenso e com características únicas

Publicados

em

Por


 

Marcos Bergamasco

Morro de Santo Antônio

Mato Grosso localiza-se na região Centro-oeste do território brasileiro. O Estado ocupa uma área de 903.357km², sendo o terceiro maior em extensão territorial do país. É o único a possuir características dos três biomas: Pantanal, Cerrado e Amazônia.
Mato Grosso possui um clima caracteristicamente continental, com duas estações bem-definidas, uma chuvosa e outra seca. A estação chuvosa ocorre entre os meses de outubro a março, e a estação seca começa em abril e termina somente em setembro.
O ponto culminante fica a 1.118m de altitude e se localiza na Serra de Santa Bárbara., entre os
municípios de Pontes e Lacerda e Porto Esperidião.

Nos links abaixo você encontra informações sobre cada aspecto da geografia de Mato Grosso.

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana