agora quando

Versatilidade de serviços é a chave do negócio

Publicados

em


Reprodução

Eduardo Carvalho

Eduardo Carvalho

No instante em que estamos preocupados em oferecer o melhor produto ou serviço estamos ligados ao valor inegociável de qualidade na entrega final para o nosso cliente. É evidente para nós, que o cliente busca receber aquilo que foi combinado, mas se encanta quando recebe além do esperado. Esse é um fator que aumenta a percepção de valor do cliente em relação ao nosso produto.

 

O CXTrends, um estudo anual sobre a experiência do cliente no Brasil, revelou que a qualidade do serviço e o atendimento são os dois principais fatores que influenciam na compra. Ao todo, 68% dos entrevistados utilizaram a qualidade como critério de compra e 65% fizeram referência às condições de atendimento das empresas.

 

As altas taxas do estudo CXTrends evidenciam que a compra do cliente está mais relacionada a forma com que a empresa se posiciona diante do consumidor do que relativamente ao preço do produto. Isso é o que nós chamamos de percepção de valor. Quando o cliente compreende todos os benefícios da compra para além do seu produto.

 

Recentemente, tive a oportunidade de participar do painel “Segmentação e Experiência no Mercado de Eventos”, na 11ª Feira do Empreendedor realizada pelo Sebrae/MT. A feira tem o objetivo de ampliar as oportunidades de capacitação e de acesso a ideias de novos negócios para empresários e futuros empreendedores.

 

Para além da qualidade como espírito de um negócio, pude chamar a atenção para a importância da versatilidade no menu de serviços de uma empresa. Carregar a versatilidade como valor do negócio está ligado ao nosso relacionamento com o cliente, a nossa capacidade de estar presente sempre que ele precisar, em todas as ocasiões.

No ramo em que atuamos, estamos diretamente ligados ao sonho de nossos clientes, pois seja um casamento, bodas, formatura, aniversário ou evento corporativo, a expectativa criada é imensurável e sabemos que a nossa entrega tem que ser maior do que eles esperam.

 

Quando trabalhamos com o sonho de outra pessoa a nossa responsabilidade aumenta e, por isso, a chave do sucesso está não somente na experiência, mas na qualidade e preocupação em entender o que o cliente deseja, tornando cada evento único. Ao você conquistar esta reputação, estará pronto para aumentar seu leque de produtos, pois, neste momento, você terá um cliente fidelizado esperando mais de sua empresa e serviços.

 

Sentimos isso na prática do negócio. Ao longo desses 25 anos da Cia Sinfônica, pudemos realizar casamentos, logo depois o 1º aniversário dos filhos, mais à frente a festa de 15 anos e o casamento dos filhos de nossos primeiros clientes. É um relacionamento duradouro e uma parceria sincera que perdura ao longo da existência da empresa.

 

Mesmo com mais de duas décadas de serviços prestados nunca deixamos de estar atentos nas alterações que transformam o mundo diariamente, não somente em tecnologia, mas na mudança do comportamento humano. Numa pesquisa realizada pela GEM (Global Entrepreneurship Monitor), apontou que em torno de 52 milhões de brasileiros possuem um negócio próprio, com maior evidência de acordo com a Confederação Nacional de Jovens Empresários para os jovens empresários de 18 a 39 anos.

 

Por isso destacamos aos jovens empreendedores que estão iniciando no mundo dos negócios, que a versatilidade além de auxiliar na propagação da empresa, está diretamente ligada na perpetuação do negócio. É a chave para a inovação que te faz sempre atual no seu nicho de mercado. A nossa versatilidade possibilita ofertar serviços diferentes em lugares distintos. Isso faz o cliente ser fã de nossa marca.

 

*Eduardo Carvalho é sócio diretor da Cia Sinfônica, empresa líder no segmento de produções musicais em Mato Grosso, com atuação no Brasil e exterior

Comentários Facebook
Propaganda

agora quando

A hora da colheita

Publicados

em

Por


Francisney Liberato

Francisney Liberato

Aquele que espera pelo que plantou nunca se decepcionará. Ainda que demore, o tempo certo para que todas as coisas se cumpram, não se atrasa.

 

Qual seria o momento ideal para uma colheita? Se você é um agricultor e planta o milho, quanto tempo é necessário para colhê-lo? O momento certo da colheita traz outros fatores indispensáveis para o sucesso do plantio.

 

Segundo especialistas do ramo, antes de começarmos a pensar na colheita, é relevante que se planeje o plantio. Você precisa analisar o solo adequado para se plantar o milho, avaliar se o solo precisa de correções para que a plantação seja bem-sucedida.

 

É importante deixar o espaçamento adequado para o plantio. A depender do tipo do milho, alguns podem necessitar de mais espaços, já outros tipos, não; saber escolher bem as sementes; cuidar para que as pragas não invadam e destruam a sua plantação; suprir com irrigação necessária; colocar a temperatura apropriada. O milho precisa de muita iluminação da luz solar. Guardadas as variações das espécies dos milhos, a colheita pode acontecer em cerca de três meses ou levar até dez meses.

 

Então, qual é o tempo necessário para colheita do milho? Conforme acima dito entre três e doze meses. De todo modo, o milho precisa de tempo, entre a sua preparação até chegar o momento da colheita.

 

Já temos debatidos em outros textos sobre o plantio e sempre dei ênfase, na lição de quem planta, colhe; quem não planta, não colhe. Quem planta banana, colherá banana. Quem planta melancia, colherá melancia. Não tem como ser diferente disso, é a lógica do plantio e da colheita.

 

Além dos fatores já mencionados, é importante frisarmos de que todo plantio depende de tempo para a sua maturidade.

Na nossa vida comportamental, muitos não plantam nada, e pretendem colher; outros plantam errado e desejam colher o certo. Além do mais, é necessário tempo para que o fruto esteja maduro. Ninguém em sã consciência planta a semente hoje e espera que o fruto nasça amanhã

Qual é o momento da colheita? Depende, pois assim como o milho, que existem de vários tipos e espécies, e cada qual com o seu tempo de maturidade, nós, como seres humanos não somos diferentes disso, pois, cada indivíduo tem a sua particularidade e o seu tempo para se tornar maduro. Contudo, infelizmente, alguns nunca conseguirão obter a maturidade e gozar da colheita correta.

 

Levando em consideração a criatura ímpar que é o ser humano, a variação de cada um, o solo em que ele está vivendo, o ambiente, os cuidados que têm com a sua plantação, o zelo para que a plantação dê resultados satisfatórios, é difícil o dizer o tempo exato da colheita.

 

O momento da colheita não sabemos quando será. Porém, de um cenário eu tenho certeza, quem planta, colhe, pode ser que a colheita demore um pouco, além do seu esperado, porém, no momento exato, você colherá os frutos desejados.

 

*Francisney Liberato Batista Siqueira é Auditor Público Externo do Tribunal de Contas de Mato Grosso, Chefe de gabinete de Conselheiro do TCE-MT, Palestrante Nacional, Professor, Coach, Mentor, Advogado e Contador, Autor dos Livros “Mude sua vida em 50 dias”, “Como falar em público com eficiência” e “A arte de ser feliz”.

 

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana