Cuiabá

Veja como fica o funcionamento na Secretaria de Saúde após medidas de reforço na biossegurança

Publicados

em


Marcos Vefgueiro

Clique para ampliar

A Secretaria Municipal de Saúde informa que, visando seguir os decretos que impõem medidas mais restritivas para conter o avanço do novo coronavírus, irá manter o sistema de revezamento entre os trabalhadores que atuam na sede da pasta (o que já vem ocorrendo desde o mês de fevereiro). Dessa forma, a cada dia, metade dos servidores trabalham no local e metade trabalham de casa, de maneira remota. 

Além disso, também segue mantida a suspensão do atendimento presencial ao público, para que o mínimo de pessoas circule pelo prédio. Os atendimentos seguem pelos telefones de cada setor, das 8h à 12h e das 14h às 18, de segunda a sexta-feira. 

Para evitar a proliferação do coronavírus, desde o início da pandemia, a Secretaria Municipal de Saúde dispõe de totem com álcool 70% na sua recepção, uso obrigatório de máscaras e desinfecção que é realizada todas as quartas-feiras, no final da tarde. 

Apesar do Decreto Estadual nº 836, que prevê medidas temporárias para contenção da contaminação com a covid-19, valer até o próximo dia 21, o atendimento nas unidades básicas de saúde funcionarão normalmente, das 7h às 11h e das 13h às 17h de segunda a sexta-feira. Unidades de Pronto Atendimento (UPA’s) e Policlínicas também seguirão funcionando 24 horas por dia. Nos hospitais da rede municipal – HMC, São Benedito e Hospital Referência à Covid-19 – o atendimento também não será afetado pelo decreto, por se tratarem de serviços essenciais. No entanto, os procedimentos eletivos estarão suspensos em toda a rede até 21 de março, conforme o artigo 20 do Decreto municipal nº 8.340, de 2 de março de 2021. 

Comentários Facebook
Propaganda

Cuiabá

Nova edição do Qualifica estima atingir 10 mil pessoas com cursos profissionalizantes

Publicados

em


Davi Valle

Clique para ampliar

O programa de formação profissional idealizado pela primeira-dama Márcia Pinheiro, o “Qualifica” vai ganhar uma nova edição. Com a meta de atingir 10 mil pessoas, o programa será executado desta vez pela Secretaria de Agricultura, Trabalho e Desenvolvimento Econômico em parceria com a Secretaria de Assistência Social, Direitos Humanos e da Pessoa com Deficiência, Secretaria da Mulher e vai utilizar dos dados do Sine para dimensionar público e demanda de mercado para ofertar os cursos de qualificação profissional.

“Tivemos três edições que deram muito certo e por isso vamos ampliar. A população de Cuiabá é trabalhadora, tem muito talento e vamos só lapidar, auxiliar no primeiro passo do caminho profissional”, disse o prefeito de Cuiabá Emanuel Pinheiro.

Investir na profissionalização da população cuiabana sempre foi uma determinação do prefeito Emanuel Pinheiro, mas durante a pandemia se tornou uma prioridade. O banco de dados do Sine Municipal será utilizado para subsidiar a definição dos cursos ofertados e também dimensionar o público, suas principais necessidades e as demandas do mercado.

“Nós fizemos hoje a primeira reunião de planejamento do cronograma das atividades de capacitação e ampliação do programa Qualifica em 2021. Vamos buscar parcerias do Senai, Sebrae, Senac, que já tem um histórico conosco e estamos abertos aos novos parceiros que queiram somar com a gestão Emanuel Pinheiro nesse programa de fomento a geração de emprego e renda para a nossa gente”, disse o secretário de Agricultura, Francisco Vuolo.

Além de oferecer cursos que atendam as demandas do mercado, a gestão Emanuel Pinheiro quer continuar a fomentar o empreendedorismo do público feminino. “Nós sabemos que muitas mulheres são as chefes de suas famílias e que outras contribuem com boa parte da renda, além de também ser uma importante ferramenta para a independência financeira de muitas, por isso é tão importante continuarmos com a capacitação voltada para este público”, comentou a secretária da Mulher, Luciana Zamproni.

O Programa Qualifica tem como principal objetivo contribuir para a qualificação profissional das famílias de baixa renda em Cuiabá. Em suas edições anteriores, foram ofertados cursos nas mais diversas áreas, como alimentação, informática, empreendedorismo, recursos humanos e estética, os participantes ficam preparados tecnicamente para o mercado de trabalho.

“Desde 2018, quando o programa foi lançado, formamos cerca de 4.5 mil pessoas em três edições. Um projeto que partiu de um sonho da primeira-dama Márcia Pinheiro e que, com a gestão humanizada do prefeito Emanuel Pinheiro tornou-se possível. Que venham as novas edições e as novas parcerias, que possamos continuar sonhando juntos e transformando a vida das pessoas”, disse a secretária de Assistência Social, Hellen Ferreira.

Por meio de uma parceria firmada com o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial- Senai, os cursos foram 100% gratuitos e realizados nas unidades dos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS), localizados próximos as residências dos alunos para facilitar o acesso do público, que muitas vezes não tem dinheiro para pagar a condução.

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana