economia

Veja como fazer dinheiro na Internet de forma fácil com marketing digital

Publicados

em


source

Viver no Brasil não tem sido fácil nos últimos tempos. Afinal, com hiperinflação e a crise causada pela pandemia da Covid-19, o dinheiro está ficando cada vez mais curto no final do mês, fazendo com que as pessoas fiquem endividados.

Dentro desse cenário, uma saída viável pode ser fazer renda extra. Contudo, entre todas as formas de ganhar dinheiro, é necessário achar algo que se encaixe com sua rotina de trabalho.

Nesse sentido, a internet se tornou um bom aliado. Entretanto, muitas pessoas ainda não conhecem um meio de renda extra que pode ser muito rentável : o marketing digital.

Leia Também

Veja a seguir como investir nesse método e como ele pode ser um excelente meio para renda extra rápida e fácil:

O que é marketing digital?

O marketing digital nada mais é do que um grupo de informações ou ações que têm a possibilidade de ser realizadas no âmbito digital, com o objetivo de promover certo produto ou empresa.

Na prática, existe um grande mercado de vendas no mundo online. Com isso, o marketing fica responsável por “promover” de forma inovadora e inteligente todo esse meio.

Como é possível ganhar dinheiro com isso?

Hoje em dia, já existem várias estratégias usadas por empresas e corretoras para ganhar dinheiro no meio do marketing digital. Entre elas, está o lançamento de Infoprodutos, venda de cursos, workshops e experiências online.

Confira a reportagem completa aqui

Comentários Facebook
Propaganda

economia

Varejo paulistano cresceu 33,8% na primeira quinzena de outubro

Publicados

em


O varejo paulistano registrou alta de 33,8% na primeira quinzena de outubro na comparação com o mesmo período de setembro, segundo Balanço de Vendas da Associação Comercial de São Paulo (ACSP), com base em amostra da Boa Vista S.A. No entanto, o varejo não recuperou os patamares anteriores ao período da pandemia.

A entidade avalia que o resultado desse mês foi impulsionado pelas compras de presentes para o Dia das Crianças e pelas vendas no e-commerce. De acordo com o economista da ACSP Marcel Solimeo, o resultado está alinhado com pesquisa anterior que havia apontado a intenção de 35,7% dos brasileiros em presentear os filhos na data. 

“O indicador é sempre melhor em outubro porque há uma data comemorativa e, naturalmente, possibilita maior movimentação para o varejo”, explicou.

Dados preliminares da ACSP, comparando a primeira quinzena de outubro deste ano com o mesmo período de 2020, apontam para alta de 17,6% nas vendas do varejo. Considerando os meses de setembro de 2021 e 2020, houve alta de 24,4%, segundo a entidade.

Segundo Solimeo, apesar de positivos, os números não atingiram o mesmo patamar registrado em 2019, ou seja, antes dos impactos do período de pandemia. Na comparação entre os meses de setembro de 2019 e 2021, houve queda de 2,6% nas vendas. O resultado preliminar de outubro de 2021 – considerando os primeiros 15 dias -, em comparação com o mesmo período de 2019, mostrou recuo de 0,5%.

“Com menos restrições e mais tempo para se programarem, os consumidores estão aos poucos indo às compras. Assim, estamos recuperando o patamar de vendas anterior, mas não as perdas ocorridas durante a pandemia”, disse Solimeo.

O economista avalia que o crescimento efetivo só deve ser registrado a partir de dezembro. Para ele, o ritmo da vacinação, a retomada da confiança do consumidor para compras, a continuidade do auxílio emergencial e a oferta de crédito disponível no mercado são fatores que devem influenciar no indicador do varejo. “O auxílio emergencial tem ajudado até aqui os mais pobres e por isso é essencial que seja mantido. O fator negativo tem sido a inflação e o desemprego que continuam em patamares altos”, acrescentou.

Edição: Fernando Fraga

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana