POLÍCIA FEDERAL

Trabalho integrado apreende veículo, embarcação e entorpecentes no Lago de Itaipu

Publicados

em

Foz do Iguaçu/PR. Em mais uma ação integrada com as forças de segurança estaduais, no âmbito da Operação Horus, policiais federais apreenderam veículo, embarcação e diversos fardos de maconha, na área rural do município de Santa Helena/PR.

Na noite desta sexta-feira (24/06), policiais federais realizavam patrulhamento no Lago de Itaipu, em operação conjunta com policiais civis e militares, com objetivo de inibir as travessais ilegais de contrabandistas e traficantes que atuam na região.

Por volta das 21h, os policiais identificaram uma embarcação com dois indivíduos, realizando a travessia em direção ao lado brasileiro. Após diversas tentativas de aproximação e abordagem, os indivíduos fugiram em direção a um porto clandestino na localidade de Vila Celeste, onde havia um terceiro homem à espera, em um veículo.

Com a chegada dos policiais, os três indivíduos fugiram, abandonando a embarcação e um veículo, que seria, provavelmente, utilizado para o transporte da droga. Os policiais encontraram 14 fardos de maconha na embarcação, totalizando cerca de 403 quilos do entorpecente.

A embarcação, o veículo e os fardos de entorpecentes foram encaminhados para a Delegacia de Polícia Federal em Foz do Iguaçu/PR, para a lavratura da apreensão e o início das investigações.

Fazem parte do Programa V.I.G.I.A. nessa operação interagências equipes da POLÍCIA FEDERAL, BPFRON e demais Unidades da PMPR, TIGRE e GOA da PCPR, RECEITA FEDERAL e EXÉRCITO BRASILEIRO, com apoio da SEOPI – Secretaria de Operações Integradas/MJSP.

Comunicação Social da Polícia Federal em Foz do Iguaçu/PR

CS/PF/Foz

[email protected]

 

Disque-Denúncia

(45) 99116-8691 (telefone/Whatsapp)

Comentários Facebook
Propaganda

POLÍCIA FEDERAL

Polícia Federal executa extradição de uruguaio foragido da justiça do Rio Grande do Sul

Publicados

em

Santana do Livramento/RS: A Polícia Federal, em atuação conjunta com autoridades do Uruguai, extraditou, nesta quarta-feira (17/08), um cidadão uruguaio condenado pela Vara Criminal de Santana do Livramento a 6 anos e 4 meses de prisão pelo assalto a uma corretora de seguros e a um escritório de advocacia no centro da cidade, em 2018.

O extraditado cumpria pena na Penitenciária Estadual de Santana do Livramento e fez parte do grupo de oito detentos que fugiram do estabelecimento prisional em 18 de novembro de 2021. Esse foi o terceiro foragido do grupo recapturado e extraditado pela Polícia Federal.

Após a fuga, o estrangeiro teve seus dados inseridos na “Difusão Vermelha” da Interpol, lista de procurados internacionais. A partir da publicação da informação, as autoridades uruguaias comunicaram que o foragido já se encontrava preso naquele país por tráfico de armas de fogo e executou o mandado de captura internacional emitido a pedido das autoridades brasileiras.

Desde então, o extraditado permaneceu detido no país vizinho até a conclusão do processo de extradição.

O preso tem 30 anos e foi entregue pela Interpol uruguaia à Polícia Federal em Santana do Livramento-Rivera. O estrangeiro será encaminhado à Penitenciária Estadual de Santana do Livramento para o cumprimento da pena.

Participaram do processo de extradição a Representação Regional da Interpol no Rio Grande do Sul (PF), a Interpol uruguaia e a Delegacia de Polícia Federal em Santana do Livramento.

Comunicação Social
Superintendência da Polícia Federal no Rio Grande do Sul
Fone: (51) 3235.9005

Delegacia de Polícia Federal em Santana do Livramento
Fone: (55) 3241-9000

Fonte: Polícia Federal

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

TECNOLOGIA

MATO GROSSO

Política Nacional

Mais Lidas da Semana