TECNOLOGIA

Telegram também passa por instabilidade nesta segunda (4)

Publicados

em


source
Telegram também passa por instabilidade nesta segunda (4)
Giovanni Santa Rosa

Telegram também passa por instabilidade nesta segunda (4)

Após Facebook, Instagram e WhatsApp saírem do ar, o Telegram também apresentou instabilidade nessa segunda-feira (09). Usuários relataram demora na entrega de mensagens. É possível que o mensageiro esteja sofrendo com a migração em massa de usuários do aplicativo rival.

Como é possível ver pelo pico de reclamações no DownDetector , site que monitora o funcionamento dos principais serviços online, o Telegram começou a apresentar problemas a partir das 12h46.

O mapa de calor do DownDetector também mostra que a instabilidade não atinge somente o Brasil — há focos de reclamações em países como Colômbia, Panamá e Peru.

Leia Também

Alguns comentários no DownDetector dão mais detalhes dos problemas.

Leia Também

No Twitter, usuários também relataram que o aplicativo havia caído ou estava fora do ar.

Não parece haver falha generalizada, porém. Enquanto alguns usuários relatam instabilidade no app, outros dizem que as coisas estão normais por lá, inclusive com um grande número de contatos online graças à queda do WhatsApp.

Comentários Facebook
Propaganda

TECNOLOGIA

Elon Musk diz que irá implantar chips em cérebros de humanos em 2022

Publicados

em


source
Elon Musk
Divulgação

Elon Musk

O bilionário Elon Musk afirmou que sua empresa Neuralink deve começar a implantar chips em cérebros de humanos a partir do ano que vem. O pequeno processador, que vem sendo testado em macacos, permitiria que pessoas com lesões graves na medula espinhal pudessem realizar atividades através do pensamento.

“O chip da Neuralink está funcionando bem em macacos, e na verdade estamos fazendo muitos testes e apenas confirmando que é muito seguro e confiável e que o dispositivo pode ser removido com segurança”, disse Musk na segunda-feira (6), durante entrevista ao vivo ao The Wall Street Journal.

“Esperamos ter isso em nossos primeiros humanos – que serão pessoas com lesões graves na medula espinhal, como tetraplégicos, tetraplégicos – no próximo ano, dependendo da aprovação do FDA”, continuou. O FDA é o órgão estadunidense que regulariza, entre outras coisas, medicamentos.

Na terça-feira (7), Musk voltou a falar sobre o prazo em uma publicação no Twitter. “O progresso será acelerado quando tivermos dispositivos em humanos (difícil ter conversas matizadas com macacos) no próximo ano”, escreveu.

O bilionário é conhecido, porém, por seus prazos exagerados. Em 2019, Musk havia dito que os chips seriam testados em humanos até o final de 2020. Em fevereiro deste ano, ele disse que a tecnologia chegaria a pessoas até o final de 2021.

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana