BRASIL E MUNDO

Sistema unificará vendas on-line de imóveis da União, estados e municípios

Publicados

em


O Governo Federal lançará, em maio, o VendasGov, uma plataforma unificada destinada à União, estados e municípios que permitirá ao cidadão comprar imóveis públicos pela internet. O ambiente será criado a partir do atual Portal de Venda de Imóveis da União, que será expandido, passando a incluir bens da Administração Pública Federal indireta, de outros poderes além do Executivo e, ainda, das demais unidades da Federação.

A Secretaria de Coordenação e Governança do Patrimônio da União (SPU), do Ministério da Economia, já concedeu anuência ao Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro) para ofertar o produto aos governos estaduais, prefeituras, tribunais, câmaras legislativas e municipais, além dos demais interessados.

“O VendasGov será sinônimo de concorrência para a alienação dos imóveis públicos de todo o país. Concentrando os bens de todos os entes, ganhamos visibilidade e facilitamos a vida do cidadão, que não precisará se deslocar para participar de nenhuma das licitações”, avalia o diretor-presidente do Serpro, Gileno Barreto.

Os bens alienados são aqueles considerados sem serventia para a Administração, que, embora não sejam mais úteis para prestação de serviços públicos, podem ser utilizados pela iniciativa privada.

A plataforma fará com que diversas fases da concorrência pública ocorram de forma 100% digital, desde a exposição do imóvel, publicidade dos editais, recebimento das propostas, até a declaração do vencedor na sessão pública da respectiva licitação. No entanto, o produto não faz gestão de locação de imóveis, não publica na imprensa nacional e também não contempla as etapas do pós-venda do imóvel como homologação, contrato de compra e venda e averbação no registro de imóvel.

Quem pode participar

Com o lançamento do VendasGov, qualquer pessoa física e jurídica, em qualquer lugar do país e que possua uma conta de login no Portal gov.br, poderá visualizar os imóveis e participar das licitações, conforme condições e regras de classificação e desclassificação estabelecidas no respectivo edital de venda. No caso das pessoas jurídicas, é necessária a autenticação utilizando o certificado digital do representante legal.

Acesse o Portal de Venda de Imóveis da União

Acompanhe as ações do Governo Federal nas redes sociais do SecomVc no FacebookInstagram e Twitter.

Com informações do Ministério da Economia

Fonte: Brasil.gov

Comentários Facebook
Propaganda

BRASIL E MUNDO

Crianças são resgatadas no mar Mediterrâneo; grupo tentava migrar para Espanha

Publicados

em


source
Guarda Civil resgatou crianças no mar em operação para devolver imigrantes marroquinos
Guarda Civil/Reprodução

Guarda Civil resgatou crianças no mar em operação para devolver imigrantes marroquinos

Fotografias que mostram o momento em que socorristas resgatam um bebê e outras crianças no mar foram divulgadas pela Guarda Civil da Espanha nesta terça-feira (18). O registro do resgate é de uma operação para enviar de volta ao Marrocos milhares de pessoas que tentavam migrar, a nado, ao enclave espanhol de Ceuta. As informações são do  G1. 

Segundo com a Guarda Civil, socorristas da Cruz Vermelha participaram da operação que resgatou crianças das águas no estreito de Gibraltar , que liga o Oceano Atlântico ao Mar Mediterrâneo e separa a África da Europa. Todas foram entregues às suas famílias. 

Cruz Vermelha participou da operação da Guarda Civil espanhola
Guarda Civil/Reprodução

Cruz Vermelha participou da operação da Guarda Civil espanhola

Os últimos dados indicam que cerca de 8 mil imigrantes tentaram passar do Marrocos para o território espanhol de Ceuta. Em torno de 4 mil pessoas foram devolvidas ao território marroquino.

Fernando Grande-Marlaska, ministro do Interior da Espanha, afirmou que embora “seja muito cedo para determinar o número de menores de idade”, recebeu a informação sobre a chegada de 1,5 mil, que “devem passar pelos exames correspondentes para determinar” quantos anos tinham.

Por causa da crise migratória, com números de chegadas recordes, o primeiro-ministro espanhol Pedro Sánchez anunciou o cancelamento de uma viagem programada a Paris e anunciou que fará um pronunciamento após a reunião do conselho de ministros de terça-feira.

Criança resgatada no mar pela Guarda Civil da Espanha
Guarda Civil/Reprodução

Criança resgatada no mar pela Guarda Civil da Espanha

“Minha prioridade neste momento é devolver a normalidade a Ceuta. Seus cidadãos e cidadãs devem saber que contam com o apoio absoluto do governo da Espanha”, escreveu o chefe de governo em uma rede social.

Em um momento de tensão entre Rabat e Madri , outros 300 migrantes tentaram saltar durante a madrugada de terça-feira a cerca na fronteira que protege o outro território espanhol no norte de Marrocos, a cidade de Melilla , informaram as autoridades locais.

Fonte: IG Mundo

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana