BRASIL E MUNDO

Serra da Capivara é reconhecida como um dos roteiros turísticos mais importantes do mundo

Publicados

em


Conhecido por abrigar um dos mais ricos patrimônios arqueológicos do mundo, o Parque Nacional da Serra da Capivara, no Piauí, ganhou mais um título importante: a unidade de conservação é a única brasileira a constar numa seleta lista feita pelo The New York Times, um dos veículos de comunicação mais importantes do mundo, de destinos turísticos em 2022. “Arte e arqueologia num parque remoto do Brasil, onde os visitantes podem ajudar a preservar”, descreve o jornal. Clique aqui e acesse a lista completa.

A matéria destaca a relevância arqueológica da Serra da Capivara. O parque possui os fósseis dos primeiros homens a habitar as Américas, além disso, das paisagens e belezas cênicas da Caatinga, é o único bioma exclusivamente brasileiro. “O que distingue este parque nacional de inúmeras outras paisagens brasileiras de tirar o fôlego são os restos arqueológicos e artísticos de humanos antigos, que muitos pesquisadores acreditam ter chegado há mais de 20 mil anos”, diz o jornalista Seth Kugel.

Aos poucos, a visitação no parque está retomando ritmos normais, com visitantes de todo o Brasil e do mundo. Apesar da Covid-19, o Governo Federal, por meio do ICMBio, investiu em infraestrutura, como novos atrativos, banheiros e, recentemente, uma escada de 60 metros de altura que proporciona um acesso mais seguro, rápido e, ainda, garante ao passeio uma vista magnífica.

“Depois de longas conversas com o correspondente da NYTimes, falando do nosso parque, da gestão, dos trabalhos e pesquisas, estamos na lista dos mais importantes roteiros turísticos do mundo”, vibra a chefe da unidade, Marian Rodrigues.

Outros destinos

O parque divide a lista com outros representantes de peso, como o Parque Nacional de Saguaro (Arizona), nos Estados Unidos; a Reserva da Biosfera de Dana, na Jordânia; a Floresta Nacional de El Yunque, em Porto Rico; o Parque Nacional de Chimanimani, em Moçambique; o Parque de Iberá, na Argentina; o Parque Nacional de Cerro Castillo, no Chile; o Parque Nacional de Elijio Panti, em Belize, além de destinos urbanos, como Kyoto, no Japão; o Queens, em Nova York e Humboldt, no Kansas.

Sobre o ICMBio

O Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade é uma autarquia em regime especial. Criado dia 28 de agosto de 2007, pela Lei 11.516, o ICMBio é vinculado ao Ministério do Meio Ambiente e integra o Sistema Nacional do Meio Ambiente (Sisnama). Cabe ao Instituto executar as ações do Sistema Nacional de Unidades de Conservação, podendo propor, implantar, gerir, proteger, fiscalizar e monitorar as UCs instituídas pela União.Além disso, fomentar e executar programas de pesquisa, proteção, preservação e conservação da biodiversidade e exercer o poder de polícia ambiental para a proteção das Unidades de Conservação federais.

Com informações do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade

Fonte: Brasil.gov

Comentários Facebook
Propaganda

BRASIL E MUNDO

Deputado pede prisão de Anitta após público gritar contra Bolsonaro

Publicados

em


source
Filippe Poubel e Anitta
Reprodução

Filippe Poubel e Anitta

O deputado Filippe Poubel (PSL), fez publicação pedindo a prisão da cantora Anitta após público gritar contra o presidente Bolsonaro durante show. Segundo o parlamentar, a cantora cometeu “crimes contra a honra”. 

A apresentação aconteceu no último domingo (23), no Rio de Janeiro. Em determinado momento, os fãs puxaram um coro contra o presidente. Como resposta, a cantora afirmou que “a voz do povo é a voz de Deus”. 

Em publicação, o deputado acusou Anitta de calúnia, difamação e injúria. Poubel afirmou que a cantora deve ser presa com base nos artigos 138 a 145 do Código Penal. Veja a publicação: 

Mesmo com a acusão, a cantora não emitiu nenhuma manifestação que se enquadraria no caso mencionado pelo deputado.


Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana