MULHER

Segunda Sem Carne: 5 sobremesas veganas para adoçar o dia

Publicados

em


source

Alto Astral

Segunda Sem Carne: 5 sobremesas veganas para adoçar o dia
Reprodução: Alto Astral

Segunda Sem Carne: 5 sobremesas veganas para adoçar o dia

Para os amantes de culinária, as segundas-feiras têm um gosto super especial: é dia de fazer a diferença com muito sabor! Em mais um início de semana, a oportunidade de reduzir o consumo de alimentos de origem animal também começa com a #SegundaSemCarne.

Que tal tirar do cardápio de hoje comidas que levem carne ou ingredientes de origem animal? Além de ajudar em um movimento que impacta positivamente o planeta, as pessoas e os bichos, a experiência pode ser uma fonte de descoberta de novos pratos, sabia?

Deixando um pouco de lado as refeições salgadas, chegou a hora de focar na sobremesa! Quem não ama um docinho após o almoço ou jantar? E hoje, melhor do que nunca, seu dia será adoçado por pratos completamente veganos!

Confira 5 receitas de sobremesas veganas deliciosas:

Cookie vegano sem glúten

Reprodução / Guia da Cozinha / Foto: Rafaela Rissoli

Tempo: 50min
Rendimento: 6 cookies de 55g cada (se você fizer cookies menores, vai render muito mais)
Dificuldade: fácil

Ingredientes

  • 10g ou 2 colheres (sopa) de farinha de linhaça dourada
  • 45g ou 3 colheres (sopa) de água
  • 120g ou 1/2 xícara de pasta de tahine ou pasta de amendoim
  • 1,3g ou 1/2 colher (chá) de fermento em pó
  • 45g ou 1/4 xícara de açúcar demerara ou mascavo
  • gotas de chocolate ou pedaços de chocolate (para ser vegano e sem lactose, tem que ser chocolate 100% cacau)

Modo de preparo

Pré aqueça o forno à (180 °C). Misture todos os ingredientes até obter uma massa homogênea. Com a massa, faça bolinhas médias. Asse os cookies sobre um papel manteiga (ou silpat) até dourar por volta de 20 minutos. Sirva da maneira que preferir!

Doce de abacaxi com coco

Reprodução / Guia da Cozinha

Tempo: 30min (+2h de geladeira)
Rendimento: 6
Dificuldade: fácil

Ingredientes

  • 1 abacaxi maduro picado
  • 2 xícaras (chá) de açúcar
  • 1 xícara (chá) de água
  • 1 xícara (chá) de coco ralado
  • 4 cravos-da-índia
  • 1 canela em pau
  • Cravos-da-índia para decorar

Modo de preparo

Coloque o abacaxi, o açúcar, a água, o coco ralado, o cravo e a canela em uma panela de pressão, misture e tampe a panela. Leve ao fogo baixo e cozinhe por 10 minutos depois de iniciada a pressão. Desligue, deixe sair a pressão e abra a panela. Transfira para uma travessa, decore com cravos e leve à geladeira por 2 horas antes de servir.

Brigadeiro

Você viu?

Reprodução / Guia da Cozinha

Tempo: 45min
Rendimento: 20 unidades
Dificuldade: fácil

Ingredientes

  • 1 lata de leite condensado de soja
  • 2 colheres (sopa) de cacau em pó
  • 1 colher (sopa) de margarina
  • Margarina para untar
  • Chocolate granulado sem lactose para decorar ou chocolate 100% cacau raspado

Modo de preparo

Em uma panela, misture o leite condensado de soja, o cacau em pó e a margarina. Leve ao fogo baixo, mexendo até que engrosse essa mistura e desgrude do fundo da panela.

Depois, transfira para um prato e reserve, até ele esfriar. Use a margarina para untar as mãos e modele bolinhas do seu brigadeiro sem lactose. Passe pelo chocolate granulado e coloque em forminhas de papel. Prontinho, agora é só atacar. Ops, servir!

Crumble de maçã

Reprodução / Guia da Cozinha

Tempo: 45min (+20min de geladeira)
Rendimento: 6 porções
Dificuldade: fácil

Ingredientes

  • 150g de margarina gelada
  • 150g de farinha de trigo
  • 150g de açúcar

Recheio

  • 4 maçãs em cubos
  • Suco de 1/2 limão
  • 50g de açúcar mascavo
  • 100g de açúcar

Modo de preparo

Misture a margarina gelada com as pontas dos dedos com a farinha e o açúcar até formar uma farofa. Reserve na geladeira por 20 minutos. Para o recheio, misture bem os ingredientes e coloque no fundo de forminhas refratárias tipo ramequins. Cubra com a farofa reservada na geladeira e leve ao forno médio, preaquecido, por 25 minutos ou até dourar a superfície. Retire, deixe amornar e sirva.

Doce de abóbora na pressão

Reprodução / Guia da Cozinha

Tempo: 30min
Rendimento: 5 porções
Dificuldade: fácil

Ingredientes

  • 3 xícaras (chá) de abóbora madura descascada em cubos
  • 1 xícara (chá) de açúcar
  • 2 canelas em pau
  • 5 cravos-da-índia
  • 1/2 colher (chá) de sal
  • 1 xícara (chá) de coco em flocos

Modo de preparo

Misture todos os ingredientes em uma panela de pressão e leve ao fogo médio sem mexer. Assim que levantar fervura, tampe a panela. Cozinhe por 15 minutos, em fogo baixo, depois de iniciada a pressão e desligue. Deixe sair a pressão naturalmente, abra a panela, coloque o coco e misture. Deixe esfriar completamente e despeje em uma compoteira. Sirva.

Receitas: Guia da Cozinha

Fonte: IG Mulher

Comentários Facebook
Propaganda

MULHER

Pomba-gira, Preto-velho, Malandro: você conhece os principais guias da Umbanda?

Publicados

em


source
Pomba-gira, Preto-velho, Malandro: você conhece os principais guias da Umbanda?
Redação João Bidu

Pomba-gira, Preto-velho, Malandro: você conhece os principais guias da Umbanda?

As entidades espirituais que fazem parte da teologia da Umbanda são orixás e guias espirituais . As divindades são fontes de um magnetismo, elemento específico que transporta qualidades de Deus. Por exemplo, Oxum é a divindade feminina regente do elemento mineral, do magnetismo agregador que rege as emoções e controla o sentido da vida que é o amor. Sua materialização se encontra nas cachoeiras e rios enquanto santuário natural. Já os guias são espíritos humanos desencarnados em vários níveis evolutivos e vibratórios, como explica Rodrigo Queiroz, diretor da plataforma de estudos Umbanda EAD. Saiba quais são os guias da Umbanda e suas principais características.

JÁ CONFERIU O HORÓSCOPO DE HOJE NO SITE DO JOÃO BIDU? VEJA AS TENDÊNCIAS ASTRAIS PARA O SEU SIGNO!

primavera

Caboclo e Preto-Velho

São os pilares da estrutura espiritual religiosa. Simbolicamente, o Caboclo traz o arquétipo do índio, o homem da floresta, o nativo da natureza original, o símbolo do jovem determinado, forte e corajoso, integrado à natureza, o sagrado e a realidade urbana. Já o Preto-Velho é a personificação do ancião e do próprio culto ao orixá já reinterpretado ao olhar umbandista, inspirado da sabedoria, resiliência, humildade e paciência.

Pomba-Gira

É a força feminina que se manifesta à esquerda, juntamente com Exú . Traz a potência feminina e a relação prática com o sagrado feminino. São entidades amigas e guardiãs do plano espiritual, que caminham ao nosso lado buscando a evolução para seus espíritos e nos ajudam a alcançar o crescimento em vida. Na Umbanda, elas se dividem em linhas dos orixás, e suas manifestações se darão de acordo com o poder que manifesta cada orixá e o que as Pombas- Giras têm para ensinar aos seus filhos.

Malandro

É uma linhagem mais recente e tem como ícone o Zé Pelintra . Reflete aquele que vive à margem da sociedade e que se mantém forte, com jogo de cintura nas dificuldades da vida. É disso que se trata a malandragem, que não deve ser confundida com marginalidade.

Boiadeiro

É a figura do sertanejo, trazendo a religiosidade mista do homem agreste. Atuam potencialmente em limpeza pesada de energia e quebra de magia negativa.

Ciganos

É uma linhagem de espíritos que aportaram nos terreiros mais na década de 80, trazendo a representação do nômade, o indivíduo livre e autônomo em sua espiritualidade. Não se conecta com uma religiosidade específica e traz a mística oracular típica.

LEIA TAMBÉM

Fonte: IG Mulher

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana