mato grosso

Secretário de Fazenda participa de debate sobre o risco de crise estrutural nas finanças dos estados

Publicado


O secretário de Fazenda, Rogério Gallo, participa nesta quarta-feira (30), como palestrante, de um webinar para debater ‘O risco de uma crise estrutural nas finanças dos Estados’, promovido pelo Foro Inteligência. Além do titular da Fazenda em Mato Grosso debaterão também os secretários Henrique Meirelles (São Paulo), Décio Padilha da Cruz (Pernambuco), Rafael Tajra Fonteles, (Piauí) e Renê Garcia (Paraná). Os secretários discutirão a implosão das finanças estaduais e o risco de a crise financeira se tornar crônica.

“Acreditamos que o convite para participarmos desse importante debate, deve-se principalmente por causa das medidas contenção de gastos, ajustes fiscal e tributário, levados à efeito desde o início da gestão do governador Mauro Mendes e que agora começam a apresentar resultados positivos”, aponta o secretário Rogério Gallo

O debate online tem início previsto para as 18h (no horário de Mato Grosso). As inscrições são gratuitas e online: https://mailchi.mp/0c46b2fda62b/lyp6wekvlo.  Até o final da tarde desta terça-feira haviam cerca de 500 inscrições. A previsão dos organizadores é alcançar mil pessoas na audiência ao vivo.

O Foro poderá ser visto ao vivo pelo Facebook e pelo Zoom, e posteriormente, no canal da Insight Inteligência no YouTube. As melhores palestras do Foro poderão ser lidas na revista Insight Inteligência.

https://www.facebook.com/events/318902762524100/

https://www.insightinteligencia.com.br/foro/

Foro Inteligência

O Foro Inteligência reúne o BRICS Policy Center e a Insight Comunicação, com o apoio do Instituto de Relações Internacionais (IRI) da PUC-Rio e da Casa de Afonso Arinos e tem como uma de suas principais propostas promover debates sobre temas mais profundos. O webinar desta quarta-feira será o primeiro a ser promovido pelo Foro.

Segundo um dos curadores do Foro Inteligência, o professor do IRI, Marcio Scalercio, entusiasta de primeira hora da iniciativa, não somente os temas serão estratégicos e pouco abordados ou com abordagem diferente, buscando não só a conexão com o exterior, mas fazer do Rio uma caixa de ressonância da produção de conhecimento país: “Vamos fazer do Rio a verdadeira capital dos debates fundamentais e multidisciplinares”.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
publicidade

mato grosso

Serviços de manutenção na MT-265 melhoram acesso aos municípios do Complexo Nascentes do Pantanal

Publicado


O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra), está realizando a manutenção da rodovia não-pavimentada MT-265, no município de Porto Esperidião. O serviço busca melhorar a trafegabilidade na rodovia e facilitar o acesso aos 14 municípios que compõem a região do Consórcio Nascentes do Pantanal, no Sudoeste de Mato Grosso.

O Consórcio do Complexo Nascentes do Pantanal é composto pelos municípios de Araputanga, Cáceres, Curvelândia, Glória D’Oeste, Indiavaí, Jauru, Lambari D’Oeste, Mirassol D’Oeste, Porto Esperidião, Reserva do Cabaçal, Rio Branco, Salto do Céu, Figueirópolis D’Oeste e São José dos Quatro Marcos.

Em parceria com o Estado e esses municípios, o próprio consórcio realiza a limpeza das margens da estrada, bem como a drenagem, o encascalhamento e o patrolamento da MT-265. 

Para Dariu Carniel, secretário-executivo do Consórcio Nascentes do Pantanal, esses serviços de infraestrutura, especialmente na MT-265, estão possibilitando a reabertura da estrada e uma melhor condição para quem precisa transitar pela rodovia.
 
“Essa é uma estrada estadual muito importante para a região do Complexo Nascentes do Pantanal, por onde passa boa parte do desenvolvimento. Nesse programa que estabeleceu essa parceria com o consórcio está sendo possível fazer a manutenção dessa importante rodovia, além de ter proporcionado um ótimo serviço”, disse.

Serviços de manutenção na MT-265 melhoram acesso aos municípios 

Para o pecuarista Heleno Teles, as melhorias são essenciais para todos da região que, assim como ele, precisam transitar pela estrada com frequência.  “Antigamente nós sofríamos muito com essa estrada e com as pontes também. Muitas vezes, vínhamos para a fazenda e tínhamos que voltar, pois não era possível chegar. Agora a estrada está boa”, afirmou.

Segundo o secretário de Estado de Infraestrutura e Logística, Marcelo de Oliveira, os convênios e as parcerias com associações, prefeituras e consórcios intermunicipais, como neste caso, têm trazido um grande resultado para a melhoria da infraestrutura rodoviária de Mato Grosso.

Isso porque o Estado possui 32 mil quilômetros de rodovias estaduais e o Poder Público não teria condições de administrar e investir em todas as melhorias rodoviárias necessárias sem o apoio oriundo dessas parcerias.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Agronegocio

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana