Cuiabá

Secretaria Municipal de Saúde divulga o 7º Informe Epidemiológico de 2021 sobre a COVID-19

Publicados

em


Davi Valle

Clique para ampliar

Desde o registro dos primeiros casos em Cuiabá, a Secretaria Municipal de Saúde, com apoio de pesquisadores da Universidade Federal de Mato Grosso publica semanalmente o Informe Epidemiológico sobre a COVID-19, com o objetivo de monitorar o padrão de morbidade e mortalidade e descrever as características clínicas e epidemiológicas dos casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave – SRAG – pelo SARS-Cov-2 em residentes no município de Cuiabá. Dando continuidade à divulgação de informações sobre a COVID-19 em Cuiabá, esse é o 45º informe produzido, no qual apresentamos as informações desde a data da notificação do primeiro caso em Cuiabá até a 06ª Semana Epidemiológica (SE), compreendendo o período de 14 de março de 2020 a 20 de fevereiro de 2021.

Os dados referentes ao número de casos de COVID-19 são registrados no sistema considerando a data de notificação. Desta forma, o número de casos é atualizado diariamente e, portanto, algumas diferenças quanto ao número de casos e indicadores advindos desses poderão ser notadas quando comparado com os informes publicados em semanas anteriores.

Destaques da Semana Epidemiológica 07 – 14 a 20 de fevereiro de 2021. 

– Até 20 de fevereiro:

  – 51.615 casos de COVID-19 residentes em Cuiabá, 93,4% recuperados e 1.461 mortes.

 – A taxa de infecção é mais elevada entre 30 a 39 anos, contudo as taxas em crianças, adolescentes e jovens de 20 a 29 anos foram as que mais cresceram desde 18/julho/2020 – 864%, 1.342% e 952% respectivamente, evidenciando aumento superior do risco de infecção nesses grupos etários quando comparado com os demais.

  – Risco de internação se eleva com a idade, sendo maior no sexo masculino, exceto na faixa etária de 20 a 29 anos, quando o risco é superior no sexo feminino.

  – A partir de dezembro se tem registrado o aumento de mortes, e esse padrão tem persistido nas quatro primeiras semanas de janeiro e nas três primeiras semanas de fevereiro, com quase o dobro do número de mortes da última semana de dezembro (SE 53).

– Na última semana

   – 1.081 casos notificados de COVID-19 e 39 óbitos, com média de 5,6 óbitos/dia.

  – Cerca de 43% dos leitos de UTI de Cuiabá foram ocupados por não residentes na capital.

  –  Manutenção das taxas de ocupação de UTI adulto e de enfermaria e redução da taxa de ocupação de UTI pediátrica nos hospitais de Cuiabá.

  – Valor de Rt (1,12) mais elevado desde a SE 51 (13 a 19 de dezembro) quando o valor estimado foi 1,18.

 CONFIRA O INFORME EPIDEMIOLÓGICO ABAIXO

Comentários Facebook
Propaganda

Cuiabá

Prefeitura de Cuiabá contrata empresa para realização de concurso público para saúde

Publicados

em


Luiz Alves

Clique para ampliar

A Prefeitura de Cuiabá – via Secretaria Municipal de Saúde (SMS) – informa que irá contratar empresa organizadora de concurso público, com o objetivo de ocupar cerca de 2 mil vagas tanto para a área finalística, em todos os níveis de assistência à saúde (primária, secundária e terciária), quanto para o setor administrativo. As vagas serão para novos cargos e também para substituir servidores aposentados. O último concurso da Pasta ocorreu em 2015.

Para o prefeito Emanuel Pinheiro, este será mais um marco de sua gestão, responsável por fazer o primeiro concurso específico para a Secretaria de Assistência Social, Direitos Humanos e da Pessoa com Deficiência, em 2019 e que, no mesmo ano, também realizou concurso com mais de 2 mil vagas na Secretaria Municipal de Educação. “Este concurso na Secretaria Municipal de Saúde irá marcar as ações da Prefeitura de Cuiabá no pós-pandemia. A covid-19 trouxe muitas perdas e também mostrou que podemos e devemos avançar muito mais na saúde pública. A doença deixa sequelas nos pacientes, que precisam continuar se tratando mesmo após se curarem da infecção, mas nós queremos deixar um legado para os cuiabanos. Vamos contratar médicos, enfermeiros, fisioterapeutas, nutricionistas e diversos outros profissionais para continuar protegendo a saúde e a vida das pessoas”, disse.

A secretária Ozenira Félix afirma que o concurso público vai proporcionar à população cuiabana a melhoria nos serviços na rede municipal de saúde. “Com servidores efetivos, a Administração Pública ganha pois fica mais fácil de dar continuidade aos projetos, os servidores geralmente têm mais oportunidades de se capacitar e isso reflete no bom atendimento aos usuários do Sistema Único de Saúde”, afirma. 

Com relação à data de realização do concurso, não há definição ainda devido à Lei complementar nº 173, de 27 de maio de 2020, que proíbe a realização de concurso público até o dia 31 de dezembro em decorrência da situação de crise que o país passou a enfrentar com a pandemia.  

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana