cultura

Secel divulga resultado das primeiras solicitações de renda emergencial da cultura

Publicado

A análise do primeiro lote de solicitações para recebimento do auxílio emergencial da cultura foi divulgada na terça-feira (13.10).  O resultado preliminar pode ser conferido no site www.cultura.mt.gov.br/lei-aldir-blanc.

Para confirmação dos requisitos exigidos na Lei Aldir Blanc, a Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer (Secel) conta com a validação e cruzamento de dados realizados pela Controladoria Geral do Estado (CGE-MT) e pela Dataprev, empresa de tecnologia do Governo Federal. Além disso, os cadastros passam por checagem de validadores instituídos em portaria.

O sistema da Dataprev cruza todas as bases federais e cadastros nacionais necessários para verificar a elegibilidade dos profissionais da cultura. Dentre os dados, a empresa de tecnologia federal informa se o requerente possui emprego formal ativo, seguro desemprego, benefício previdenciário ou assistencial. Ainda são conferidas informações sobre recebimento do auxílio emergencial da pandemia e se a renda do trabalhador e sua família estão de acordo com as exigências da regulamentação federal.

Nesse primeiro lote, o acesso aos resultados foi realizado de cadastro em cadastro, de forma manual, situação que reduziu a agilidade.  Para os próximos cadastros enviados, a Dataprev prevê um segundo módulo que vai permitir aos gestores municipais e estaduais fazer as entradas em bloco.

Já o cruzamento de dados da Controladoria Geral do Estado (CGE-MT) identificou que 38% dos solicitantes não fazem jus ao recebimento do benefício por já terem recebido o auxílio emergencial do governo federal , ou por terem Cadastro de Pessoa Física (CPF) inválido ou por serem servidores públicos do Estado. Na checagem, a CGE cruzou os dados do Sistema de Administração de Pessoas do Estado de Mato Grosso (Seap) com dados importados do Portal de Transparência do Governo Federal.

Na validação final realizada pela Secel, as principais reprovações se referem à comprovação da atuação social ou profissional na área cultural nos últimos dois anos.

Para manter o período de três dias de recurso, o prazo de manifestação foi prorrogado para o dia 16 de outubro. A complementação de documentos e a correção de informações devem ser feitas no site de cadastramento (www.estadodoamanha.com.br), acessando o próprio login usado para requerimento do benefício.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
publicidade

cultura

Museu de Arte Sacra oferece visitações presenciais e tour virtual 360º

Publicado

Além de ter reaberto as portas para atividades presenciais, o Museu de Arte Sacra de Mato Grosso (MASMT) inaugurou recentemente a visitação online por meio do tour virtual 360º.  Sem sair de casa, o visitante pode conhecer, com ou sem mediação, o acervo do equipamento cultural da Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel).

Com suporte para navegação em 360 º, a plataforma de visitação está disponível em www.tourvirtual360.com.br/masmt.

No passeio sem mediação, o visitante fica livre para percorrer o tour da forma que quiser. Já na visita com mediação, a condução é possível quando houver a opção “videoconferência disponível ao vivo” no topo da tela no momento do acesso ao tour. O ícone indica que um mediador do museu está disponível para guiar o passeio online ao vivo.

A visita guiada online também pode ser feita por escolas e grupos. Nesse caso, deve-se solicitar antecipadamente o agendamento. O formulário para solicitação pode ser acessado AQUI. O grupo deve ter no mínimo 15 pessoas e no máximo 80 por período.

Reunindo peças sacras do período setecentista remanescentes da antiga Catedral do Bom Jesus de Cuiabá, da Igreja de Nossa Senhora do Rosário e São Benedito, Nossa Senhora dos Passos e acervo pessoal do bispo Dom Francisco de Aquino Corrêa, o museu está localizado na Praça do Seminário, região central de Cuiabá.

Durante o período de portas fechadas devido à pandemia do coronavírus, a gestão do equipamento usou a internet para levar opções de arte, cultura e história à sociedade. Com o projeto MASMT em Casa, lives com convidados especialistas e conteúdos informativos garantiram uma programação online semanal que manteve o museu ativo.

Na retomada do atendimento presencial são seguidos todos os protocolos sanitários para evitar a transmissão da Covid-19. O acesso é realizado somente com o uso de máscaras, álcool para higienização das mãos e tapete higienizador foram disponibilizados logo na entrada e o limite de público corresponde a 50% da capacidade máxima do espaço.

Diretora e curadora do MASMT, Viviene Lozzi

“O mundo mudou e a maneira de nos conectarmos também. Neste ano de 2020, a equipe do Museu trabalhou para manter a conexão com o público, adaptando a programação à realidade e possibilitando o acesso em 360º. Continuamos promovendo o acesso à arte e, agora, de portas abertas com toda a segurança aos visitantes e aos colaboradores”, celebra a diretora e curadora do MASMT, Viviene Lozzi.

O Museu de Arte Sacra de Mato Grosso funciona de quarta a domingo, das 9h às 17h. Aos domingos a entrada é gratuita para todos.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Agronegocio

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana