BRASIL E MUNDO

Saiba quais são as cidades de SP mais e menos vulneráveis à Covid-19

Publicado


source
São Bernardo é o município de São Paulo mais preparado para a Covid-19
Agência Brasil

São Bernardo é o município de São Paulo mais preparado para a Covid-19

Um estudo realizado pelo Instituto Votorantin ranqueou os municípios mais e menos vulneráveis à pandemia de Covid-19 . No topo das mais suscetíveis a complicações, está Biritiba Mirim , enquanto São Bernardo do Campo , no ABC Paulista, é a menos vulnerável.

O levantamento foi realizado pelo Instituto Votorantin e levou em consideração dados públicos de diferentes bases, como a do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), do Sistema Único de Saúde (SUS), Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde (CNES) e Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANSS).

Para a criação do ranking, 5 pilares foram analisados: população vulnerável, economia local, estrutura do sistema de saúde, organização do sistema de saúde, e capacidade fiscal da administração municipal.

O Índice de Vulnerabilidade dos Municípios (IVM) estabelecido pela pesquisa varia de 0 a 100; quanto mais alto o valor, mais alta a vulnerabilidade. De acordo com os dados, a cidade que possui o índice mais alto de vulnerabilidade é o município de Biritiba-Mirim, seguido por Poá e Itaquaquecetuba. Já a cidade com índice mais baixo é São Bernardo do Campo, seguida por São Caetano do Sul e depois por Cajamar. A cidade de São Paulo aparece com o quarto menor IVM.

Dez cidades da Grande São Paulo com maior índice de vulnerabilidade:

  • 1)Biritiba Mirim: 63,79
  • 2)Poá:60,37
  • 3)Itaquaquecetuba: 58,93
  • 4)São Lourenço da Serra: 58,73
  • 5)Itapecerica da Serra: 58,72
  • 6)Embu das Artes: 57,66
  • 7)Embu-Guaçu: 57,63
  • 8)Pirapora do Bom Jesus: 57,36
  • 9)Salesópolis: 57,33
  • 10)Ferraz de Vasconcelos: 57,33

Dez cidades da Grande São Paulo com menor índice de vulnerabilidade:

  • 1) São Bernardo do Campo: 30,06
  • 2) São Caetano do Sul: 38,61
  • 3) Cajamar: 39,18
  • 4) São Paulo: 41,17
  • 5) Santana de Parnaíba: 41,51
  • 6) Mauá: 42,31
  • 7) Santo André: 43,44
  • 8) Ribeirão Pires: 44,20
  • 9) Rio Grande da Serra: 44,54
  • 10) Barueri: 45,01

De acordo com Rafael Gioielli, gerente-geral do Instituto Votorantim, o alto índice de vulnerabilidade não está diretamente associado a uma maior quantidade mortes e óbitos nesses municípios.

Comentários Facebook
publicidade

BRASIL E MUNDO

Começa hoje a propaganda eleitoral; veja o que candidatos podem e não podem fazer

Publicado

 

source
Urna
Propagandas no rádio e na televisão começam apenas em outubro.

Neste domingo (27.09), um dia após o término do prazo para o registro de candidaturas para as eleições municipais de 2020, começa a propaganda eleitoral em todo o Brasil. A partir de hoje, os candidatos poderão divulgar suas candidaturas e chapas para tentar conquistar votos no pleito, cujo primeiro turno está marcado para o dia 15 de novembro .

Entretanto, a Justiça Eleitoral estabeleceu regras que os candidatos a prefeitos e vereadores deverão cumprir na hora de fazerem suas propagandas. Confira abaixo o que eles podem fazer a partir de hoje:

Presencial

No campo presencial, os candidatos poderão distribuir santinhos e adesivos até as 22h do dia 14 de novembro, véspera da eleição . Os adesivos poderão ser colocados em bens privados – como carros e imóveis – desde que sigam o as regras de não ter mais que 0,5m² e conter CNPJ ou CPF do responsável por confeccionar o adesivo. O nome do contratante também deve estar visível.

Os candidatos poderão montar mesas para distribuir materiais de campanha ao longo das vias públicas, com a condição de não obstruírem o trânsito de pessoas ou veículos. Também está permitida a realização de comícios , desde que tenha uma autorização prévia da polícia local.   Anúncios na imprensa estão liberados desde que respeitam o tamanho máximo por edição.

Alto-falantes e amplificadores de som poderão ser utilizados dentro da legislação local e o uso de carros de som só será permitido em carreatas ou comícios – estando dentro do limite de 80 decibéis e respeitando as normas de cada localidade.

Online

A Justiça Eleitoral também estabelece regras para a campanha na Internet . Os candidatos poderão fazer propagandas nos próprios sites e nos portais dos partidos ou de suas coligações – o endereço eletrônico deverá ser enviado à Justiça. Mensagens eletrônicas poderão ser enviadas para endereços previamente cadastrados pelos candidatos ou por seus partidos e coligações.

A propaganda também poderá ser feita em blogs , sites de mensagem instantânea ou redes sociais , desde que os candidatos e suas equipes sejam responsáveis por gerar ou editar o material. A expressão ” Propaganda Eleitoral ” deverá estar presente no material, assim como o CPNJ do responsável.

O que é proibido?

No âmbito presencial, é proibida a propaganda através de serviços de telemarketing . Já na parte online, está proibido o disparo em massa de mensagens sem a autorização do destinatário. O impulsionamento de postagens ou mensagens por terceiros e propagandas em sites de pessoas jurídicas ou de entidades do poder público também estão vedados.

Rádio e na televisão

Apesar de começar nesse domingo, a propaganda eleitoral só chegará às rádios e emissoras de televisão no dia 9 de outubro.

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Agronegocio

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana