POLÍTICA NACIONAL

Relator diz que BC autônomo vai aumentar nota de crédito do Brasil

Publicados

em


Najara Araújo/Câmara dos Deputados
Sessão para a votação de propostas. Dep. Silvio Costa Filho (REPUBLICANOS - PE)
Silvio Costa Filho: a autonomia do BC é um sinal ao mercado internacional de que estamos melhorando as nossas ferramentas da economia

O relator do projeto de autonomia do Banco Central (PLP 19/19), deputado Silvio Costa Filho (Republicanos-PE), afirmou ter “extrema convicção” de que a medida vai melhorar a nota do Brasil em relação aos investidores internacionais. “Isso vai dar ao País um novo padrão de governança monetária, um sinal fundamental ao mercado internacional de que nós estamos melhorando as nossas ferramentas da economia”, disse.

Silvio Costa Filho disse que debateu o projeto com o Ministério da Economia e com os canais institucionais de participação popular e que decidiu recomendar a aprovação do texto encaminhado pelo Senado, sem mudanças.

O projeto de autoria do Senado define mandatos do presidente e diretores de vigência não coincidente com o mandato de presidente da República. Diretores e o próprio presidente da autarquia, que terá natureza especial e desvinculada de qualquer ministério, não poderão ser responsabilizados pelos atos realizados no exercício de suas atribuições se eles forem de boa-fé e não tiverem dolo ou fraude.

A regra se aplica ainda aos servidores e ex-servidores das carreiras do banco e aos ex-ocupantes dos cargos da diretoria. “Tenho plena convicção de que, quando aprovarmos a autonomia do Banco Central, as agências de risco irão melhorar a nota de risco do Brasil, atraindo investidores ao País”, disse o relator.

Mais informações a seguir

Acompanhe a sessão ao vivo

Reportagem – Carol Siqueira e Eduardo Piovesan
Edição – Pierre Triboli

Comentários Facebook
Propaganda

POLÍTICA NACIONAL

Dia do Índio é celebrado nesta segunda-feira

Publicados

em


Nesta segunda-feira (19) é celebrado o Dia do Índio. A data está ligada ao primeiro Congresso Indigenista Interamericano, marco na luta por políticas públicas indigenistas, ocorrido em 19 de abril de 1940, no México, com representantes de povos indígenas de vários países das Américas. O dia também  serve de reflexão sobre o 20 de abril de 1997, data em que o índio pataxó Galdino Jesus dos Santos foi queimado vivo enquanto dormia numa parada de ônibus em Brasília. Ouça o quadro “Dedo de Prosa” com Adriano Faria.

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana