artigos

Reforma do ser humano

Publicado

Por  Paiva Netto

Ao trabalharmos pela erradicação da pobreza, promovendo prosperidade às populações, é essencial que primeiro modifiquemos a mentalidade dos seres humanos. Mas em que bases? Nas do Espírito, desde que não considerado uma simples projeção da mente. É preciso, antes de tudo, depositar plena confiança na capacidade das gentes. E mais: ver as criaturas com Boa Vontade, se quisermos formar cidadãos corretos, felizes, competentes, produtivos, em termos nacionais e planetários, proporcionando-lhes efetivas oportunidades. Devemos destacar suas virtudes e corrigir, com educação eficaz, aquilo que mereça acerto.

Não se pede um repentino milagre — embora nada seja impossível —, mas, sim, o fortalecimento de um ideal que se estabeleça, etapa por etapa, até que se complete o seu extraordinário serviço. Eleanor Roosevelt (1884-1962), a notável presidente da Comissão dos Direitos Humanos na ONU, para definir com precisão essa espécie de bom embate, pessoal e coletivo, visando a um mundo melhor, afiançou: “Para alcançar a Paz, devemos reconhecer a verdade histórica de que já não podemos viver separados do resto do mundo. Devemos também reconhecer o fato de que a Paz, assim como a liberdade, não é obtida de uma única vez e em definitivo; é uma batalha diária por mais territórios e o resultado de muitos esforços individuais”.

Contudo, é preciso não perder de vista: liberdade sem responsabilidade e Fraternidade Ecumênica é condenação ao caos. E mais: a tão pretendida mudança estrutural deve contar com o poder da razão e com o melhor do sentimento da criatura. Caso contrário, ela continuará expressando a vontade nefelibata em que, por vezes, quase se transformou. Urge, pois, aliar mente e coração para atingir os nobres propósitos sob os auspícios das mais elevadas aspirações. Que fitem os olhos as alturas, mas convém que os pés no chão permaneçam firmados.

Madame Curie (1867-1934) — Prêmio Nobel de Física de 1903 e de Química de 1911 —, que, com esforços e sacrifícios incontáveis, levou a Ciência a tantas conquistas, do alto de sua perseverança arrematou: “Jamais devemos sonhar em construir um mundo melhor sem o aperfeiçoamento dos indivíduos. Para esse fim, cada um de nós precisa trabalhar pelo próprio progresso e, ao mesmo tempo, compartilhar a responsabilidade geral por toda a humanidade”.

O renomado educador norte-americano Booker T. Washington (1856-1915) — primeiro presidente da lendária Escola de Tuskegee, que se dedicou a criar condições melhores de crescimento individual para os ex-escravos e seus descendentes e para os indígenas, pelos quais também trabalhou, a partir sobretudo da Educação — escreveu: “Não há defesa ou segurança para nenhum de nós a não ser na mais alta inteligência e no desenvolvimento superior de todos”.

É evidente que isso, hoje, se aplica a toda a raça humana, o Capital de Deus, consoante seguramente desejava, na profundidade de seus anseios, o infatigável dr. Booker, cuja Alma vislumbrava um futuro em que o racismo, que considero um cancro social, não mais exista.

José de Paiva Netto é Jornalista, radialista e escritor – [email protected] — www.boavontade.com

Comentários Facebook
publicidade

artigos

Será que é impossível?

Publicado

Por Francisney Liberato

A despeito das dificuldades e das adversidades encontradas no caminho, como você tem lidado com essas situações? De forma positiva ou negativa?

Quando você tem um grande desafio para desenvolver no seu trabalho ou na área pessoal, você administra a sua motivação para conseguir o resultado, ou seus pensamentos o sabotam?

Se encararmos a vida de forma positiva, proativa, com perspectivas de grandes resultados, fazendo a nossa parte, querendo realmente conquistar o que, aparentemente, é impossível, as probabilidades crescerão.

O impossível se torna possível, quando conquistado.

A impossibilidade é algo relativo, pois, para você, pode ser algo complicado, mas para outra pessoa pode ser algo fácil. Tudo depende da perspectiva que você tem sobre o objeto a ser conquistado. Não existe nada impossível para o ser humano. Deus nos dotou de total capacidade para solucionarmos quaisquer tipos de problemas, como, também, para conquistar o que desejarmos.

Nunca diga que algo é impossível, mas sim que ainda não fez!

Quer parar de reclamar das adversidades da vida? Quer ter sonhos e projetos para serem conquistados? Quer superar o impossível? Como tem administrado as situações que chegam em sua vida?

As “impossibilidades” que introduzimos para as situações difíceis podem ser notadas, por nós, como grandes oportunidades a serem conquistadas.

Há pessoas que, por não terem acesso ou contato com certas situações difíceis, as enxergam como impossíveis, o que de fato não é.

Dessa forma, o impossível passa a ser possível quando cremos que somos capazes de trazer a solução. Assim, transporemos todas as batalhas e adversidades que encontrarmos em nossa vida.

A música “Conquistando o Impossível”, da cantora Jamily, nos incentiva a conquistar os nossos sonhos: “Acredite que nenhum de nós já nasceu com jeito pra super-herói. Nossos sonhos a gente é quem constrói. É vencendo os limites escalando as fortalezas. Conquistando o impossível pela fé”.

Desde criança, nunca tive facilidade e gosto pelos estudos. Fui praticamente à força fazer a faculdade de Ciências Contábeis. E, você sabe quais eram as disciplinas que eu mais detestava? As disciplinas da área do direito. Após concluir, com muita dificuldade a faculdade, fui para o próximo passo.

O impossível só existia, para mim, por não haver dado a oportunidade de fazer ou de despertar a coragem de enfrentar o novo desafio.

Após o término da faculdade, e de enxergar a vida com uma nova perspectiva, por incrível que pareça, fiz a segunda faculdade, que nada mais, nada menos, foi o curso de Direito, matéria que outrora era detestada por mim.

Normalmente, colocamos limites em nossa vida, que às vezes apenas nós enxergamos, porque as pessoas de sucesso não criam limites, pelo contrário, elas veem o infinito.

Por incrível que pareça, em junho de 2020, concluí a terceira faculdade, que foi o curso de Administração. Jamais pensava em conquistar as três faculdades, porém, diante das possibilidades, oportunidades, a minha mente se alargou para enxergar novos rumos.

Criar limites para as nossas vidas pode ser uma crença limitante contra o nosso desenvolvimento.

Se existisse o impossível, Thomas Edison não conseguiria criar o filamento da lâmpada incandescente, com muita persistência, que gerou luz a partir de corrente elétrica. Se existisse o impossível, não teria sido possível que Neil Armstrong, Buzz Aldrin e Michael Collins chegassem com sucesso à lua com o Apollo 11, em 20 de julho de 1969. Se existisse o impossível, Usain Bolt, da Jamaica, não teria atingido o recorde mundial de atletismo, conquistado durante o Campeonato Mundial de Atletismo de 2009, em Berlim, na Alemanha, com a marca de 9,58s.

Será que ainda existe impossível para você? Que tal começar agora a pensar de forma diferente? Assim como os exemplos citados, os grandes seres humanos de sucesso no mundo quebraram a linha do impossível, porque permitiram enxergar suas capacidades, aproveitando as pequenas oportunidades. Lembre-se que você é um campeão: “Campeão, vencedor. Deus dá asas, faz teu voo. Campeão, vencedor. Essa fé que te faz imbatível. Te mostra o teu valor”.

Francisney Liberato Batista Siqueira é Auditor Público Externo do Tribunal de Contas de Mato Grosso e Chefe de gabinete de Conselheiro do TCE-MT. Palestrante Nacional, Professor, Coach e Mentor. Bacharel em Administração, Bacharel em Ciências Contábeis (CRC-MT) e Bacharel em Direito (OAB-MT). Autor dos Livros: “Mude sua vida em 50 dias”, “Como falar em público com eficiência”, “A arte de ser feliz” e “Singularidade”.

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Agronegocio

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana