BRASIL E MUNDO

Protesto do dia do Trabalho geram confrontos e feridos na França

Publicados

em


source
Manifestantes também criticaram as políticas contra à pandemia de Emmanuel Macron
Reprodução

Manifestantes também criticaram as políticas contra à pandemia de Emmanuel Macron

A manifestação do dia do Trabalho na França terminou em confronto entre policiais e manifestantes na tarde deste sábado (01). Em Paris, latas de lixo foram incendiadas e janelas de banco quebradas.

Na capital, 17 mil pessoas foram às ruas protestar contra as alterações em benefícios do seguro-desemprego . Parte do grupo pedia para voltar a trabalhar após as medidas de restrição no país para conter a pandemia de Covid-19 .

A partir de segunda-feira (03), a França irá iniciar a fase de transição e liberar o funcionamento de parte dos estabelecimentos, após conseguir frear a contaminação da doença.

O Ministério do Interior afirmou que os confrontos deixaram três policiais feridos e 46 pessoas presas. O governo estima que, em todo o país, 106 mil manifestantes participaram da concentração.

Você viu?

Os protestos ainda contaram com a participação de opositores ao presidente Emmanuel Macron. Marine Le Pen, que deve concorrer com Macron as eleições de 2022, afirmou à imprensa francesa que se ele for reeleito o país entrará em “caos total”.

Jean-Luc Melenchon, líder da extrema-esquerda, participou do ato em Lille e afirmou desejar o “fim do desemprego”.

Veja imagens do confronto 



Fonte: IG Mundo

Comentários Facebook
Propaganda

BRASIL E MUNDO

Avião retorna a aeroporto após passageira se recusar a usar máscara durante voo

Publicados

em


source
Passageira se recusou a usar máscara de proteção contra a Covid-19 durante voo
reprodução / Twitter

Passageira se recusou a usar máscara de proteção contra a Covid-19 durante voo

Na madrugada desta sexta-feira (30), um voo que saiu de Belém (PA) e partia em direção a Belo Horizonte (MG) precisou retornar ao aeroporto após uma passageira se recusar a usar máscara de proteção contra a Covid-19 a bordo. A mulher não chegou a ser detida, de acordo com a Polícia Federal. As informações foram apuradas pelo portal UOL .

O incidente ocorreu no voo AD4501, da Azul, que disse que o avião voltou ao aeroporto para que a passageira pudesse ser retirada da aeronave. Depois disso, o percurso continuou normalmente. 

Em nota, a companhia também se desculpou com os demais passageiros. “O cliente foi contido e conduzido pela Polícia Federal e, em seguida, o voo decolou novamente para a capital mineira. A companhia lamenta eventuais aborrecimentos ocorridos aos seus clientes e ressalta que medidas como essas são necessárias para conferir a segurança de suas operações”.

O voo decolou de Belém às 2h20 da manhã. O percurso, que geralmente é feito em cerca de três horas, levou mais de cinco horas, por causa do ocorrido. O avião só pôde retomar o trajeto às 4h44, chegando em Belo Horizonte apenas às 7h35, segundo o site FlightStats


Em 17 de dezembro de 2020, uma norma aprovada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e presente na Resolução da Diretoria Colegiada (RDC) institui o uso obrigatório de máscaras em aeroportos e aeronaves como forma de evitar o contágio da Covid-19.

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana