mato grosso

Projeto promove revitalização e urbanização do córrego Águas Claras

Publicados

em


O projeto ambiental “Águas Claras” realizou um novo plantio de mudas no córrego de Águas Claras, no município de Juscimeira, neste fim de semana. A ação é parte da meta principal do programa de desenvolver um processo de revitalização e urbanização do córrego e promover educação ambiental.

As ações são uma parceria do Comitê de Bacia Hidrográfica do Rio São Lourenço (CBHSL), da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema-MT), com a prefeitura municipal de Juscimeira. O objetivo é identificar, caracterizar e recuperar aspectos ambientais e legais para as nascentes pertencentes ao córrego e cercar, preservar e promover ações de urbanização do Água Claras.

O plantio de mudas teve participação dos alunos da Escola Estadual Antônio José de Lima. “As atividades do programa iniciaram em 2020, desenvolvendo reuniões, levantamento e diagnósticos de nascentes e devem continuar no ano de 2022”, segundo a vice-presidente do projeto, Maria Carnevali, que é membro do Comitê de Bacias do Rio São Lourenço e analista ambiental da Sema.

Resultados e Ações do projeto

Durante o processo do programa, já foram avaliadas quatro nascentes das cinco principais do córrego Águas Claras, que contam com imagens contendo a localização de cada nascente, a caracterização do uso e ocupação do solo.

Foram feitas também a instalação de placas para reconhecimento de nascentes, levantamento e avaliações das suas condições atuais e ambiental no local e análise da qualidade da água e seus parâmetros físicos e químicos.

Após esse diagnóstico das nascentes, o projeto definiu o tipo de proteção e melhoria para a condição ambiental, em cada local avaliado.

Sendo assim, as ações que estão sendo desenvolvidas nos locais são de: cercamento das nascentes degradadas e curso do córrego, em zona rural e urbana; recuperação e proteção das nascentes em áreas que margeiam corpos d’água; reflorestamento dos locais com baixa cobertura vegetal ao redor da microbacia; terraceamento que constituem em barreiras físicas distribuídas em espaços regulares nas encostas, tendo como função a de controlar a erosão hídrica e contribuir para a produção de água.

*Supervisão de texto de Renata Prata

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Propaganda

mato grosso

Ação integrada apreende carga de pasta base avaliada em R$ 14,3 milhões

Publicados

em


Mais de 608 quilos de pasta base e cloridrato de cocaína, avaliados em mais de R$14,3 milhões, foram apreendidos na BR-174 na manhã desta quinta-feira (27.01), em Porto Esperidião (322 km de Cuiabá). A ação foi um trabalho integrada do Grupo Especial de Segurança de Fronteira (Gefron) e Força Tática do 6º Comando Regional da Polícia Militar e a Polícia Federal.  Em menos de um mês o Gefron soma a apreensão de mais de uma tonelada de drogas em 2022.  

A apreensão ocorreu por volta de 7h da manhã, quando os veículos seguiram pela BR-174 deixando a cidade de Pontes e Lacerda sentido à Porto Esperidião. Durante a aproximação os policiais identificaram que se tratavam de dois veículos, sendo que um Hyundai Elantra que atuava como batedor e uma caminhonete VW Amarok, que transportava a droga.

Após abordagem os veículos, os policiais encontraram diversas malas carregadas com tabletes de entorpecente na cabine e na carroceria do veículo. Ao todo, foram 120 quilos de pasta base de cocaína, avaliados em mais de R$ 2,1 milhões e 488 quilos de cloridrato de cocaína e pode ser comercializada por mais de R$ 12,2 milhões.

Os dois homens que conduziam os veículos foram presos em flagrante durante a ação e podem responder por tráfico internacional de drogas. Um dos presos já tinha passagem por evasão de divisa, tentando atravessar a fronteira com dinheiro não declarado. Os suspeitos, os veículos e a droga foram encaminhados a Polícia Federal de Cáceres (220 km de Cuiabá).  

Com mais esta apreensão, o Grupo Especial de Segurança de Fronteira (Gefron), já aprendeu mais de 995 quilos do entorpecente em ações conjunta com a Polícia Federal. Sendo que outros 272 quilos foram apreendidos em uma Toyota Hillux durante ação no município de Campo de Júlio (566 km de Cuiabá). Na ocasião, quatro homens foram presos fazendo o transporte da droga.

Além disso, os operadores de fronteira apreenderam outros 115 quilos de cloridrato e pasta base de cocaína em três ocorrências diferentes com o apoio da Polícia Militar. Sendo 16 quilos de cloridrato de cocaína em Pontes e Lacerda e 99 quilos de pasta base em Cáceres.  Ambos os municípios estão na faixa de fronteira com a Bolívia.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana