cultura

Projeto premiado em edital de Literatura oferece oficina de teatro de sombras para professores

Publicados

em

Mais uma ação premiada no edital Estevão de Mendonça de Literatura Mato-Grossense vai ajudar na democratização do acesso ao universo da literatura no Estado. Contemplado na categoria Contador de Histórias na seleção pública da Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel), o projeto Sombreando Lendas oferece curso de teatro de sombras como ferramenta para contar histórias em salas de aula.

Contando Histórias na Sombra com o Grupo Penumbra é o nome da oficina online direcionada a professores das cidades de Sapezal, Sorriso, Lucas do Rio Verde, Cuiabá e Várzea Grande. Com carga horária total de 15 horas, a qualificação começa no dia 30 de novembro e prossegue até 09 de dezembro, em dias não consecutivos, das 19h às 21h.

As inscrições são gratuitas por meio de formulário online (link AQUI) e estarão abertas até o próximo sábado (28.11) ou até o preenchimento das vagas.

Para a diretora e produtora do Grupo Penumbra, Juliana Graziela, o teatro de sombras possibilitará a diversificação das aulas, tornando-as mais atrativas.

“Propomos essa oficina para abordar o teatro de sombras como ferramenta potente e criativa de estímulo em salas de aula. Por meio de sombras, os educadores podem contar histórias e também provocar seus alunos a contarem e criarem as suas próprias”, explica.

Além da qualificação, o projeto compreende ainda a exibição online da peça “Sombreando Lendas” e uma live que contarão com intérprete de libras. Prevista para dezembro, a peça usa a contação de histórias e as sombras para conduzir o espectador a viajar pelo universo das lendas de Cuiabá, de Mato Grosso e do Brasil. Trata-se de um teatro de sombra contemporâneo, em que figuras recortadas são projetadas numa junção com próteses corporais e sons.

Serviço

Oficina online “Contando Histórias na Sombra com o Grupo Penumbra”

Público: Professores das cidades de Sapezal, Sorriso, Lucas do Rio Verde, Cuiabá e Várzea Grande

Período oficina: 30/11, 01, 02, 03, 04, 07, 08 e 09/12, 19h às 21h

Período de inscrição: 26 a 28 de novembro

Formulário de inscrição: AQUI

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Propaganda

cultura

Museu de Arte Sacra de Mato Grosso irá fabricar réplicas do seu acervo em 3D

Publicados

em

Nesta terça-feira (10.01) será lançada a campanha Museu de Arte Sacra em 3D. O projeto, que é realizado pelo equipamento cultural da Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel), busca arrecadar recursos para a fabricação das principais obras do museu com a tecnologia de impressão em 3D, e assim, tornar possível e acessível a visitação de pessoas portadoras de deficiência visual, já que as obras poderão ser tocadas com as mãos.

A campanha de financiamento coletivo foi aprovada pelo Edital de patrimônio cultural do Banco Nacional do Desenvolvimento (BNDES). O processo é bem simples: a cada R$ 1,00 arrecadado, o BNDES investe mais R$ 2,00 triplicando o valor.

Com essência do ganha-ganha, quem colabora recebe uma recompensa de acordo com o valor depositado. Existem diversos kits a partir de R$ 20,00. A meta é arrecadar R$ 42 mil para que esse valor automaticamente triplique.

Os recursos serão usados para compra dos materiais de fabricação, pagamento de equipe, prestadores de serviços, recompensas e custos administrativos.

“O mecanismo é bem interessante, por que além de você colaborar com a iniciativa de fabricarmos um acervo tátil para pessoas com deficiência visual, ofertaremos também uma experiência sensorial completa no Museu para o público, principalmente as crianças, que adoram ver tudo com as mãos”, explica Viviene Lozi, diretora do museu.

A produção das obras em 3D será do Laboratório de Arquitetura e Urbanismo da UFMT (LAB.AU/FABLAB) que irá trabalhar com diversas ferramentas contemporâneas, incluindo as impressoras.

“Acredito que a sociedade mato-grossense será sensível a essa campanha que permitirá aos deficientes visuais conhecerem melhor uma parte muito importante da história de Cuiabá e de Mato Grosso”, declara o professor Mauricio Oliveira, diretor do laboratório.

Para colaborar basta acessar o site da Benfeitoria, uma plataforma segura de mobilização de recursos para projetos de impacto cultural e social, cadastrar-se e escolher o valor. O endereço é  benfeitoria.com/museudeartesacra3d.

A campanha prossegue até o dia 25 de fevereiro.

Mais informações: 65 3056-1373 ou (65) 99965-0319 (watsapp)

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana