mato grosso

Primeira-dama destina cestas básicas para pacientes em tratamento renal

Publicado


Atendendo ao pedido da primeira-dama do Estado, Virginia Mendes, a Secretaria de Estado de Assistência Social e Cidadania (Setasc) entregou 210 cestas básicas e produtos de limpeza e higiene para a Clínica de Tratamento Renal (CTR). As doações foram repassadas nessa terça-feira (29.09) e vão beneficiar famílias dos pacientes que fazem hemodiálise por meio do Sistema Único de Saúde (SUS) e se encontram em situação de vulnerabilidade social.

Os donativos fazem parte da campanha “Vem Ser Mais Solidário – MT unido contra o coronavírus”, idealizada e coordenada de forma voluntária pela primeira-dama. Madrinha oficial do transplante renal em Mato Grosso, Virginia Mendes ressaltou a importância da ação para as famílias atendidas.

“Tenho um carinho e um cuidado especial por esse público. Eu sou transplantada e fico feliz por saber que através dessa ação do Governo conseguimos diminuir o sofrimento desses pacientes com a doação de alimentos”. A retomada do transplante em Mato Grosso, que estava paralisado há 11 anos, foi uma das bandeiras defendidas pela primeira-dama.

A secretária Rosamaria Carvalho destacou que a iniciativa vem cumprindo com o seu objetivo que é amenizar o sofrimento dos mais carentes, principalmente neste cenário de crise. “Temos procurado alcançar todas as pessoas que estão vulneráveis e que necessitam de auxilio neste momento”, ressaltou.

A assistente social do CTR, Adriana de Almeida, agradeceu pelas doações recebidas. “Esse projeto social da primeira-dama é muito importante porque vem contribuir com os nossos pacientes que precisam de ajuda nesse período de crise. Estamos muitos felizes por essa parceria”, disse.

Maria de Lurdes Salestiano é assistida pela Clínica há alguns anos e foi beneficiada pela ação. “Queremos agradecer a primeira-dama e a secretária Rosamaria por esse momento especial. Nós que fazemos hemodiálise estamos muito gratos”, comentou.

Contemplada com a cesta básica, Miracy Maria da Silva, destacou a importância da ajuda para as famílias que enfrentam problemas financeiros. “Agradeço a primeira-dama por nos proporcionar esse momento lindo. Sabemos que muitas pessoas estão passando dificuldades e só com união vamos conseguir vencer”, externou.

Outras entregas

A campanha do Governo do Estado também atendeu moradores dos bairros Altos da Glória, Altos da Serra e Novo Horizonte, em Cuiabá. Foram distribuídas para as famílias mais de 450 cestas básicas contendo alimentos e kits de produtos de limpeza e higiene pessoal.

O secretário-adjunto de Assuntos Comunitários da Setasc, Édio Martins de Souza, conduziu as entregas e disse que a intenção é amenizar o sofrimento dos mais carentes e fragilizados. “Estamos cumprindo o papel da assistência social que é amparar os que mais precisam”.

O presidente do bairro Altos da Glória, Edi Carlos, relatou os desafios enfrentados pelas famílias. “Essa caridade que o Governo do Estado está fazendo para as famílias não tem preço. Nosso bairro fica numa região de periferia e muitas pessoas são extremamente pobres, então toda ajuda é bem-vinda”.

Moradora da região, Efigênia Alcântara de Almeida, explicou a situação que sua família se encontra no momento. “Agradeço por essa grande ajuda, estou desempregada e só tenho o auxílio emergencial para sobreviver, e com quatro filhos nada é fácil. Obrigada”, contou.

Residente no bairro Novo Horizonte, Rozi Luci de Paula, também recebeu os donativos. “Agradeço muito por esse excelente trabalho que está ajudando a nossa comunidade que realmente está precisando”, completou.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
publicidade

mato grosso

Secretarias dialogam sobre retomada de cirurgias eletivas e reordenamento de UTIs

Publicado


A Secretaria Estadual de Saúde (SES-MT) promoveu o diálogo sobre a retomada das cirurgias eletivas junto à Secretaria Municipal de Saúde de Cuiabá. A reunião aconteceu na tarde desta terça-feira (20.10), na sede do órgão estadual, e contou com a presença do secretário estadual, Gilberto Figueiredo, e da secretária de Saúde do Município, Ozenira Félix.

Na oportunidade, foi discutida uma estratégia para o reordenamento dos leitos de Terapia Intensiva (UTI) para o tratamento exclusivo da Covid-19 na Baixada Cuiabana. A intenção é que as cirurgias eletivas sejam retomadas no Hospital Estadual Santa Casa e no Hospital São Benedito.

“A taxa de ocupação na Baixada Cuiabana, seja em Terapia Intensiva ou em enfermaria, atualmente é baixa, fato que nos permitiria voltar a atuar nas cirurgias eletivas. Isso é viável caso a gente consiga desbloquear o Hospital Santa Casa e o Hospital São Benedito, no entanto a decisão definitiva só será tomada após ouvidas as instituições de pactuações e os Comitês”, declarou o secretário Gilberto.

O gestor estadual explicou que as análises das equipes técnicas de ambas as Secretarias serão levadas aos Comitês – criados no início da pandemia para tratar publicamente das ações públicas durante a pandemia pela Covid-19 -, de forma que seja uma decisão colegiada.

“Não basta uma deliberação do secretário de Estado de Saúde e da secretária de Saúde do município. Nós temos instâncias de pactuação que precisam ser consultadas. Essa é uma decisão de Estado, de Governo, então levaremos a necessidade e analisaremos os pontos positivos e os riscos, já que a retomada das cirurgias eletivas é uma demanda pulsante de todo estado.”

A representante da Secretaria Municipal de Saúde de Cuiabá também frisou a importância da avaliação colegiada. “Foi um primeiro contato excelente. Em Cuiabá, nós iniciamos as discussões e vamos estar levando para as nossas unidades deliberativas. Já existe uma avaliação técnica, agora temos que deliberar junto aos nossos Conselhos; as equipes técnicas vão mostrar os números e teremos muita cautela”, avaliou Ozanira.

De acordo com o Painel Interativo da Covid-19 da SES, nesta terça-feira (20,10), há 400 leitos de UTI disponíveis no Sistema Único de Saúde (SUS) em Mato Grosso, sendo que 184 estão ocupados. A taxa de ocupação dessas UTIs figura em 46%.

Baixada Cuiabana

Atualmente, a população de Mato Grosso conta com cinco hospitais públicos de referência para Covid-19 na Baixada Cuiabana. São eles: Hospital Metropolitano, Hospital Estadual Santa Casa, Hospital São Benedito, Pronto Socorro e Hospital Universitário Júlio Müller.

Essa é a primeira reunião que avalia essa tratativa. Outros encontros devem ser realizados até que se tenha um encaminhamento final, para implementar o acordo definido por meio das pactuações.

Também participaram da reunião os secretários adjuntos da SES, Danielle Carmona, Fabiana Bardi e Juliano Melo. Da Secretaria Municipal, ainda estiveram presentes o secretário adjunto de Operações e Atenção à Saúde, Luiz Gustavo Rabone, e o servidor da Assessoria de Planejamento e Gestão (Asplan), Ricardo Soares.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Agronegocio

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana