POLÍCIA

PRF e PMMT prendem dupla que acabara de furtar mais de R$ 1 milhão em espécie, em Mato Grosso

Publicado


Dinheiro estava em duas caixas, com notas de R$ 100,00 e R$ 50,00

Na tarde de sexta-feira (20), por volta das 14 horas, as equipes PRF e PMMT, em operação conjunta, no km 537.0 da BR 364, no município de Varzea Grande/MT, abordaram O veículo Chevrolet Cruze, cor prata, o qual era conduzido por um homem de 49 anos, tendo como passageiro um senhor de 45 anos.

No interior do veículo foi encontrado duas caixas, uma delas com de notas de R$ 100,00 e outra com notas de R$ 50,00. Os indivíduos informaram que o dinheiro era proveniente de um golpe que haviam acabado de aplicar a um empresário em São José do Rio Claro/MT e que estariam em deslocamento para Goiânia, onde residem.

Diante dos fatos, ambos foram encaminhados para a Delegacia de Polícia Civil em Várzea Grande. Na delegacia foi verificado que havia o valor total de R$ 1.017.000,00. A vítima do golpe compareceu na delegacia e acompanhou a contagem das notas, também alegou que fora enganado pelos conduzidos mediante a falsa promessa de concessão de equipamentos de fibra óptica decorrente de um leilão de produtos apreendidos pela receita federal.

De acordo com a vítima, durante a negociação da transação em sua residência, em momento fora de sua vigilância, as duas caixas com dinheiro foram levadas. Diante das informações obtidas foi constatada, em princípio, o crime de Furto mediante fraude.

 

 

secom prf mt
e-mail: [email protected]
instagram: @prfmt.oficial
para emergências e denúncias, ligue 191

Fonte: PRF MT

Comentários Facebook
publicidade

POLÍCIA

Suspeito de locar residências em áreas nobres da Capital para esconder veículos roubados tem prisão cumprida

Publicado


Assessoria/Polícia Civil-MT

Um integrante de uma associação criminosa especializada em roubos de veículos teve o mandado de prisão cumprido, nesta terça-feira (01.12), em trabalho da Delegacia Especializada de Repressão a Roubo e Furtos de Veículos (DERRFVA).

No inquérito policial instaurado na especializada em maio de 2020, ficou demonstrado que o suspeito era responsável por locar residências em áreas nobres da Capital para ocultar e adulterar sinais identificadores de veículos roubados pelo grupo criminoso.

Com base nas investigações, o delegado Gustavo Garcia Francisco representou pelo mandado de prisão preventiva do suspeito, o qual foi deferido pela Justiça e cumprido nesta terça-feira (01) pela equipe da DERRFVA.

De acordo com o delegado, a DERRFVA tem buscando intensificar as investigações para identificar membros de associações criminosas envolvidas em roubos e furtos de veículos. “Não só os executores dos assaltos, mas também aqueles que atuam no planejamento e logísticas das atividades criminosas”, explicou o delegado.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Agronegocio

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana