MULHER

Prepare receitas práticas e saborosas usando abobrinha

Publicados

em


source

Alto Astral

Prepare receitas práticas e saborosas usando abobrinha
Reprodução: Alto Astral

Prepare receitas práticas e saborosas usando abobrinha

Durante a correria do dia a dia fica difícil preparar receitas mais elaboradas. Por isso, utilizar ingredientes versáteis e práticos é uma boa alternativa . A abobrinha, além de saudável, rende pratos saborosos e suculentos.

Confira esta seleção de receitas descomplicadas que tem a abobrinha como foco principal:

Torta de abobrinha sem glúten

Torta de abobrinha sem glúten
Reprodução / Guia da Cozinha

Ingredientes

    • 3 abobrinhas raladas
    • 1 cenoura ralada
    • 1/2 cebola picada
    • 1 tomate picado
    • 1/2 xícara (chá) de cheiro-verde picado
    • 1 e 1/2 xícara (chá) de tapioca
    • 1/2 xícara (chá) de leite
    • 1 e 1/2 xícara (chá) de queijo minas frescal em cubos
    • 1 colher (chá) de fermento em pó químico
    • 4 colheres (sopa) de azeite
    • 4 ovos
    • Sal e pimenta-do-reino a gosto
    • Farinha de trigo e margarina para untar

Modo de preparo: Em uma tigela, coloque a abobrinha, a cenoura, a cebola, o tomate, o cheiro-verde, a tapioca, o leite, o queijo branco, o fermento, o azeite, os ovos, sal e pimenta e misture bem.

Transfira para um refratário untado e enfarinhado. Leve ao forno médio, pré-aquecido por 35 minutos ou até firmar e dourar levemente. Retire, deixe amornar e sirva.

Rolinho de abobrinha com frango

Rolinho de abobrinha com frango
Reprodução / Guia da Cozinha

Ingredientes

    • 3 abobrinha italianas
    • Sal a gosto
    • Azeite para untar
    • Folhas de manjericão para decorar

Recheio

    • 3 xícaras (chá) de frango cozido e desfiado
    • 1/2 xícara (chá) de azeitona picada
    • 1/2 xícara (chá) de cheiro-verde picado
    • 1 cenoura ralada
    • 1 tomate sem sementes picado
    • 1 copo de requeijão cremoso (200g)
    • Sal a gosto

Modo de preparo: Corte as abobrinhas em fatias finas no sentido do comprimento. Aqueça uma frigideira antiaderente com azeite, em fogo médio, e passe as fatias de abobrinha rapidamente. Coloque sobre um prato, polvilhe com sal e deixe esfriar.

Para o recheio, misture todos os ingredientes e reserve. Para a montagem, sobreponha 3 fatias de abobrinha e sobre elas espalhe uma porção do recheio. Enrole como rocambole e coloque em uma travessa. Repita o procedimento com o restante da abobrinha e do recheio. Decore com folhas de manjericão e sirva.

Espaguete de abobrinha ao molho bolonhesa

Espaguete de abobrinha ao molho bolonhesa
Reprodução / Guia da Cozinha

Ingredientes

    • 2 colheres (sopa) de azeite
    • 1 dente de alho picado
    • 1/2 cebola picada
    • 1/2 cenoura ralada
    • 300g de carne moída
    • 4 tomates picados
    • 1 folha de louro
    • Sal, pimenta-do-reino e manjericão fresco a gosto
    • 1/3 de xícara (chá) de água
    • 5 abobrinhas italianas médias firmes

Modo de preparo: Aqueça uma panela com o azeite e doure o alho. Refogue a cebola e a cenoura por 2 minutos. Acrescente a carne e frite até secar toda água. Adicione o tomate, o louro, sal, pimenta e a água. Cozinhe em fogo baixo por 10 minutos, mexendo de vez em quando. Desligue e reserve.

Lave bem a abobrinha e corte em tiras com um cortador de legumes. Cozinhe em água fervente com sal por 1 minuto e escorra.

Transfira para uma travessa, regue com o molho, polvilhe com manjericão e, se desejar, sirva acompanhado de queijo ralado.

Você viu?

Abobrinha recheada aos três queijos

Abobrinha recheada ao três queijos
Reprodução / Guia da Cozinha

Ingredientes

    • 2 abobrinhas italianas
    • Sal, pimenta-do-reino e salsa picada a gosto
    • 1/2 xícara (chá) de requeijão cremoso
    • 150g de queijo muçarela ralado
    • 50g de queijo parmesão ralado

Modo de preparo: Lave a abobrinha e cozinhe em água fervente com sal por 5 minutos ou até amaciar levemente. Deixe esfriar e corte ao meio. Retire as sementes com a ajuda de uma colher pequena e polvilhe com sal e pimenta. Reserve.

Em uma tigela, misture o requeijão, a muçarela, metade do parmesão, a salsa e tempere com sal e pimenta.

Recheie a abobrinha com a mistura de queijos e coloque em uma fôrma grande. Polvilhe com o parmesão restante e leve ao forno médio, preaquecido, por 15 minutos ou até dourar. Sirva em seguida, se desejar, acompanhada com salada de alface e tomate-cereja.

Lasanha de micro-ondas de abobrinha

Lasanha de micro-ondas de abobrinha
Reprodução / Guia da Cozinha

Ingredientes

    • 3 colheres (sopa) de manteiga
    • 500g de coxão duro moído
    • 2 dentes de alho picados
    • 1 cebola pequena picada
    • 2 xícaras (chá) de molho de tomate temperado
    • 1 colher (chá) de sal
    • 1 e 1/2 xícara (chá) de ricota passada pela peneira (180g)
    • 1 ovo ligeiramente batido
    • 4 abobrinhas
    • 150g de queijo muçarela
    • 1/2 xícara (chá) de água
    • Orégano a gosto

Modo de preparo: Em um recipiente refratário médio, coloque a manteiga, a carne, o alho, a cebola e misture bem. Tampe e cozinhe no micro-ondas em potência alta (100%) por 5 a 7 minutos, mexendo a cada 2 minutos. Acrescente o molho de tomate com a água, o sal, o orégano e cozinhe em potência alta por mais 7 a 9 minutos.

Misture o ovo com a ricota. Corte as abobrinhas em fatias finas no sentido do comprimento e reserve. Em um refratário, coloque molho, uma camada de abobrinha e outra de ricota. Repita a operação e, por último, coloque as fatias de muçarela.

Tampe e leve ao micro-ondas em potência alta por 8 a 10 minutos. Veja se a abobrinha está macia espetando a ponta de um garfo ou faca. Sirva em seguida.

Antepasto de abobrinha

Antepasto de abobrinha
Reprodução / Guia da Cozinha

Ingredientes

    • 8 colheres (sopa) de azeite
    • 1 cebola em fatias
    • 1 pimentão amarelo sem sementes em fatias
    • 4 abobrinhas italianas sem sementes em tiras
    • 1 tomate sem sementes em fatias
    • 2 colheres (sopa) de vinagre
    • 1 colher (sopa) de orégano
    • Sal e pimenta-do-reino a gosto
    • 1/2 xícara (chá) de azeitona verde sem caroço fatiada

Modo de preparo: Aqueça uma frigideira grande e larga com 2 colheres (sopa) do azeite, em fogo médio, e refogue a cebola e o pimentão por 5 minutos. Adicione a abobrinha, o tomate e cozinhe por 3 minutos.

Despeje o vinagre, o orégano, sal, pimenta e a azeitona. Misture e retire do fogo. Coloque em uma vasilha, regue com o restante do azeite e deixe esfriar. Tampe e leve à geladeira por 6 horas antes de servir.

Receitas : Guia da Cozinha

Fonte: IG Mulher

Comentários Facebook
Propaganda

MULHER

FRAPs: conheça os chamados Períodos Frenéticos de Atividades Aleatórias nos cães

Publicados

em


source

Alto Astral

FRAPs: conheça os chamados Períodos Frenéticos de Atividades Aleatórias nos cães
Reprodução: Alto Astral

FRAPs: conheça os chamados Períodos Frenéticos de Atividades Aleatórias nos cães

Sabe quando seu cachorro sai correndo pela casa como um foguete? Esses momentos de agitação têm um nome: Períodos Frenéticos de Atividades Aleatórias, ou, na sigla em inglês, FRAPs ( Frenetic Random Activity Periods ). Esses períodos nada mais são do que um acúmulo extremo de energia que ocorre nos cães, podendo ser comparados às descargas de adrenalina nos seres humanos.

Mas fique tranquilo. Segundo Frederico Fontanelli Vaz, docente e coordenador do curso de medicina veterinária da Faculdade Anhanguera ABC, o comportamento é totalmente normal. “É um comportamento natural dos animais”, ele ressalta. Além disso, essa descarga de energia não dura mais do que alguns minutos – em cães de grande porte, pode se prolongar por mais tempo do que em raças pequenas.

Vaz esclarece que o comportamento costuma ocorrer após episódios que desencadeiam algum tipo de estímulo no animal. O médico usa como exemplo o banho, uma refeição ou cochilo e até mesmo a volta de seu tutor ao lar depois de um intervalo longo de tempo. “Isso acontece porque são momentos em que eles estão prontos para gastar a energia reposta”, complementa o veterinário.

E para quem está se perguntando: sim, os bichanos também podem apresentar tal comportamento. Mas, de acordo com o médico veterinário, há algumas diferenças. Ele explica que os gatos são caçadores por natureza. “Por isso, instantes antes do animal apresentar um FRAPs, os tutores podem perceber que ele está em estado de alerta, parecendo que viu ou ouviu algo ameaçador ou curioso”. Mas, assim como nos cães, também é possível que o gato apresente o comportamento após as refeições ou após horas de sono.

Todavia, Vaz pontua que, apesar de natural, essa descarga de energia só é um bom sinal quando esporádica e diz que, se os períodos forem muito repetitivos, é preciso ficar atento. O profissional recomenda procurar por um médico veterinário “a qualquer sinal diferente do comportamento natural”.

Você viu?

No caso dos cães, ele ainda comenta que os Períodos Frenéticos de Atividades Aleatórias podem ser confundidos com o TOC (Transtorno Obsessivo Compulsivo). “Neste caso, os cães podem perseguir a cauda, seguir sua própria sombra ou ‘morder o ar’, como se estivessem tentados a pegar um inseto”, ele pontua.

O médico veterinário também faz questão de lembrar um ponto importante: os tutores devem evitar correr atrás do animal. Isso porque a ação pode levar o pet a pensar que está sendo perseguido, fazendo-o correr ainda mais. “Imagine se isso ocorrer em um local aberto, é perigoso”, ele comenta. Portanto, na rua, para evitar acidentes, controle sempre seu cão e mantenha-o na guia ou coleira. “Em casa, o tutor deve evitar deixar objetos pelo chão para que o cão ou gato não se machuque”, finaliza Vaz.

Consultoria: Prof. Frederico Fontanelli Vaz, graduado em Medicina Veterinária pela Universidade Federal de Lavras (2011) e doutor em Ciências pelo programa de Patologia Experimental e Comparada na Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia – USP. Atualmente, atua como docente e coordenador do curso de medicina veterinária na Faculdade Anhanguera ABC.

Fonte: IG Mulher

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana