Saúde

Prefeitura de SP recebe primeiro lote de vacinas da Pfizer contra Covid-19

Publicados

em


source
Prefeitura de SP recebe primeiro lote de vacinas da Pfizer contra Covid-19
Prefeitura de São José do Rio Preto

Prefeitura de SP recebe primeiro lote de vacinas da Pfizer contra Covid-19

A Prefeitura da cidade de São Paulo recebeu, nesta terça-feira (4), o primeiro lote de vacinas da Pfizer/BioNTech contra a Covid-19. O lote que a cidade recebeu tem 135.720 doses da vacina, que serão utilizadas para imunizar os idosos de 60, 61 e 62 anos, a partir da próxima quinta-feira (6).

Segundo o governo estadual, o município recebeu as doses na temperatura entre -25ºC e -15ºC, podendo permanecer assim por até 14 dias. O município de São Paulo alterou uma de suas câmaras frias, de 100 m3, para -25º. Ela terá condições de manter as 4 milhões de doses durante 14 dias, conforme orientação da Pfizer.

Por conta do curto espaço de tempo e das exigências de armazenamento, o Ministério da Saúde recomendou que as vacinas do primeiro lote fossem distribuídas entre as 27 capitais do país, “de forma a evitar prejuízos na vacinação e garantir o esquema vacinal de 12 semanas entre uma dose e outra”.

O primeiro lote com um milhão de doses da vacina da Pfizer/BioNTech comprado pelo Brasil chegou ao país na quinta-feira (29). Ao todo, o governo federal tem contrato para 100 milhões de doses.

Segundo o governo federal, a vacina será destinada para pessoas com comorbidades, gestantes, puérperas e pessoas com deficiência permanente.

Fonte: IG SAÚDE

Comentários Facebook
Propaganda

Saúde

Fiocruz deve receber mais duas remessas de insumo para vacinas em maio

Publicados

em


Mais duas remessas de Ingrediente Farmacêutico Ativo (IFA) estão previstas para chegarem à Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) ainda no mês de maio. O primeiro lote deve chegar ao Instituto de Tecnologia em Imunobiológicos (Bio-Manguinhos) dia 22 e o outro é aguardado para o dia 29. A informação foi divulgada pelo instituto nesta quinta-feira (13).

“A quantidade de IFA já disponível na Fiocruz sustentará a produção até meados da próxima semana, garantindo as entregas até a primeira semana de junho. Com as novas remessas, as entregas das três primeiras semanas de junho também estarão asseguradas”, disse a Fiocruz.

Para esta sexta-feira (14), está prevista a entrega de mais 4,1 milhões de doses da vacina contra a covid-19 da AstraZeneca, produzida pela Fiocruz no Brasil, ao Ministério da Saúde, totalizando 34,3 milhões de vacinas disponibilizadas ao Programa Nacional de Imunizações (PNI), o equivalente a mais de 40% dos imunizantes para a covid-19 disponíveis no país.

“Até a chegada do IFA no dia 22, haverá uma interrupção na produção de alguns dias na próxima semana. Caso haja algum impacto nas entregas, ele será avaliado e comunicado mais à frente. O cronograma de entregas permanece semanal, sempre às sextas-feiras, conforme pactuado com o Ministério da Saúde, seguindo a logística de distribuição definida pela pasta”, informou a fundação.

Segundo a Fiocruz, estão sendo processadas, no Centro Tecnológico de Vacinas – CTV de Bio-Manguinhos, um milhão de doses da vacina por dia, e a instituição segue avaliando alternativas para aumentar ainda mais essa capacidade.

Edição: Aline Leal

Fonte: EBC Saúde

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana