Cuiabá

Prefeitura de Cuiabá deve vacinar 4,6 mil pessoas no feriado de Tiradentes

Publicados

em


Gustavo Duarte

Clique para ampliar

Mais de 4,6 mil pessoas estão agendadas para receber a primeira ou segunda dose da vacina contra a COVID-19 nos quatro polos de vacinação da campanha “Vacina Cuiabá – sua vida em primeiro lugar”, nesta quarta-feira (21), feriado nacional de Tiradentes. A grande maioria do público são idosos entre 65 a 69 anos de idade que estão recebendo a primeira aplicação e idosos de 75 a 79 anos que estão concluindo o esquema vacinal. Trabalhadores da saúde também estão sendo atendidos. Os polos disponíveis são: Centro de Eventos do Pantanal, SESC Balneário (estes dois no modelo fixo), SESI Papa e UFMT, ambos no modelo drive-thru, sendo que na UFMT somente é feita a aplicação da segunda dose.

O prefeito Emanuel Pinheiro destaca que a campanha tem seguido à risca todos os protocolos, com o diferencial da humanização de sua gestão, com o intuito único de proteger a vida e a saúde dos cuiabanos. “Temos a sorte de contar com grandes profissionais da saúde, que estão engajados e instigados a trabalhar incessantemente em prol da saúde da população, todos com um desejo imenso de pôr fim a esta pandemia que tanto nos prejudicou e tem prejudicado. São servidores que estão dispostos a, diariamente, deixar suas famílias em casa, mesmo no feriado ou final de semana, faça chuva ou faça sol, para imunizar os cuiabanos. Com o esforço conjunto de todos esses profissionais, com o planejamento da Prefeitura, através da Secretaria Municipal de Saúde e com as parcerias que temos firmado, tenho certeza que estamos no caminho certo, rumo ao fim da pandemia da COVID-19”, disse Pinheiro. 

Conforme a plataforma Localiza SUS, do Ministério da Saúde, até o último dia 19 de abril, Cuiabá já havia aplicado 89.425 doses de vacina, sendo 66.967 primeira dose e 22.458 segunda dose. Considerando que ainda não entraram no sistema os dados da vacinação de terça-feira (20), quando mais de 5 mil doses foram aplicadas, a capital mato-grossense já ultrapassou 90 mil doses aplicadas contra a COVID-19. 

Durante esta manhã (21), os coordenadores dos polos Centro de Eventos do Pantanal, SESC Balneário, SESI Papa (drive-thru) e UFMT (drive-thru) informaram que a busca dos usuários foi grande, mas tudo seguiu com organização e fluidez. A coordenadora da campanha Vacina Cuiabá e da Vigilância Epidemiológica, Valéria de Oliveira, ressalta a importância de todos se atentarem ao horário agendado e somente comparecerem minutos antes, para evitar aglomerações. “Precisamos da contribuição de todos para que tudo corra da melhor maneira possível. Por isso pedimos que venham no horário marcado, com apenas um acompanhante e munido dos documentos necessários: documento com foto, comprovante de residência e o comprovante de agendamento, no caso da primeira dose e a caderneta de vacinação recebida na primeira dose, no caso de quem for tomar a segunda dose”, explica. 

Comentários Facebook
Propaganda

Cuiabá

Projeto da vereadora Michelly garante passe livre para atletas de Cuiabá

Publicados

em


Carol Siqueira/Secom Câmara

A vereadora Michelly Alencar (DEM) apresentou nesta terça-feira (18.05) projeto que garante passe livre no transporte público municipal para atletas e paratletas de Cuiabá. O objetivo é fomentar a prática esportiva, principalmente para crianças e adolescentes de baixa renda, influenciando o desenvolvimento do esporte profissional na capital.

Conforme o projeto, o “Passe Livre Atleta” abrange todas as modalidades esportivas registrados em suas respectivas associações ou federações, estendendo a garantia aos acompanhantes de menores de 14 anos e ao acompanhante responsável pelos cuidados do paratleta.

Para a vereadora, &nbspo esporte é um fator de inclusão social e o projeto estimula aqueles que têm poucas condições financeiras a continuar com seus treinamentos e a participar de competições.

A parlamentar convidou o atleta olímpico Vicente Lenilson para participar da Tribuna Livre da Câmara e contar sobre sua história de vida e como o esporte foi um instrumento de transformação.

“Antes de praticar o esporte, existiam duas portas na minha frente: a porta ruim e a porta do esporte. O meu professor de educação física me ajudou a entrar na porta do esporte, nunca conheci o outro lado. Assim como o esporte mudou a minha vida, pode mudar a de muitos atletas de Cuiabá”, disse.

Desde 2014 o Instituto Vicente Lenílson atende mais de 100 jovens atletas sem contar com o apoio do Poder Público. Para ele, o projeto Passe Livre Atleta já é uma oportunidade para o incentivar a permanência dos alunos em suas atividades. Ele ainda citou exemplo da cidade de Presidente Prudente, onde esse incentivo foi criado e fomentou a participação de jovens no esporte.

Tendo o desenvolvimento do esporte como uma das bandeiras de mandato, a vereadora pediu a sensibilização dos colegas para defesa desse projeto. Como se trata de uma proposta que altera o orçamento do Executivo, ela apresentou um anteprojeto de lei à Prefeitura.

“Quando era repórter de esporte contei e acompanhei muitas histórias de jovens que não tinham dinheiro para sair da escola, irem para a casa e depois irem para o treino, ficavam na rua, sem conforto. Muitos desistiram. Quantos talentos não perdemos? Então peço a sensibilização da Prefeitura e de todos os vereadores para este projeto. Quando falamos de esporte, falamos de educação e transformação de vidas”, defendeu a vereadora.

Ana Rosa Fagundes/Secom Vereadora Michelly Alencar

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana