Cuiabá

Prefeito faz vistoria no estádio Dutrinha e inauguração deve ocorrer só em agosto

Publicados

em

O Prefeito Emanuel Pinheiro esteve no Estádio Eurico Gaspar Dutra, para uma visita de vistoria pela obra que segue em fase final.

A obra teve início em fevereiro de 2019 e foi executada pela Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer, em parceria com a Secretaria de Serviços Urbanos e Obras Públicas.

No momento, equipe finaliza alguns detalhes em pintura da estrutura e se prepara para iniciar a demarcação de vagas e sinalização do estacionamento. O alvará do Corpo de  Bombeiros já foi emitido e também já foi autorizado pelo Juizado do Torcedor jogos no local sem a presença do público, restando agora a vistoria da Polícia Militar (PM). O gestou ressaltou que a entrega oficial do Dutrinha está prevista para fim de julho e primeira quinzena de agosto.

O Dutrinha é utilizado no momento para jogos treinos da Copa América de Futebol e está sob responsabilidade da Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol) até o dia 27 de junho.

“É uma emoção muito grande presenciar esta transformação do Dutrinha. É um sonho tornando-se realidade. Um sonho de muitos, porque não fazemos nada sozinho. Tudo isso aqui é fruto de muito trabalho da minha equipe, que não tenho medido esforços para devolver o templo do nosso futebol cuiabano para a nossa gente nas melhores condições, mais seguro, mais confortável. Vamos entregar o nosso querido Dutrinha entre o fim de julho e a primeira quinzena de agosto com o desejo de que ele seja palco de muitas alegrias para nossos atletas e para a torcida”, disse o prefeito de Cuiabá Emanuel Pinheiro.

Considerado símbolo do futebol local, o Dutrinha passa pela maior obra desde sua construção em 1952. O investimento de quase R$ 2 milhões foi todo financiado pelo Executivo Municipal na gestão Emanuel Pinheiro.

O estádio também recebeu a visita para vistoria da juíza Patrícia Ceni, do Juizado do Torcedor no último dia 14 de junho. A magistrada liberou o Estádio para jogos sem torcida, após o Executivo Municipal cumprir com as exigências estabelecidas, como acessibilidade, separação de torcidas, adequação de vestiários, áreas exclusivas para arbitragem, segurança e para o Juizado do Torcedor, dentre outras.

Para liberação do público, Ceni solicitou que a arquibancada do lado visitante receba reforço do guarda-corpo, que deve ter sua altura aumentada para garantir a segurança de atletas, comissão técnica, arbitragem e torcedores.

“Estamos trabalhando para entregar o melhor para o povo cuiabano. Nosso esporte merece, nossos atletas merecem e a nossa torcida merece também. Vamos reforçar o alambrado como pediu a juíza e terminar os retoques finais para devolver o Dutrinha ao povo”, disse a secretária de Cultura, Esporte e Lazer, Carlina Rabello Leite Jacob.

A reforma teve início em fevereiro de 2019 e foi dividida em três etapas: a primeira compreendeu a readequação de todo o espaço, atendendo a medidas de segurança e acessibilidade. A segunda etapa foi a mudança de posicionamento dos postes de iluminação e a troca do gramado. Enquanto que a terceira etapa foi a construção do novo muro e modernização dos vestiários.

O Estádio Eurico Gaspar Dutra foi oficialmente cedido para a Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol) para receber seleções da Copa América de Futebol. A cerimônia simbólica de entrega do Dutrinha foi realizada na manhã do último sábado (12). Gramado e vestiários estão sendo utilizados para treinos.

Conforme combinado entre a Prefeitura de Cuiabá, que é responsável pela administração do estádio, e a Conmebol, a partir de sexta-feira (11), data de assinatura do Termo de Autorização, até 27 de junho, quando se encerra a participação da Capital na Copa América, o estádio fica totalmente à disposição da organização da competição.

A segurança do local será feita pela Conmebol e não será permitida cobertura da imprensa e a presença de público, em razão do cumprimento das medidas de biossegurança contra a COVID-19.

 

Comentários Facebook
Propaganda

Cuiabá

Pinheiro lamenta falecimento de ex-prefeito de Cuiabá

Publicados

em


É com pesar que o prefeito Emanuel Pinheiro recebe a notícia de falecimento do ex-prefeito de Cuiabá, Gustavo Arruda, na noite desta quinta-feira (05), em decorrência da COVID-19. Arruda estava internado há nove dias.

“Com tristeza recebo a notícia de que a COVID-19 levou mais um grande homem, gestor público comprometido com o povo. Que Deus conforte a família e amigos de Gustavo Arruda”, disse o prefeito Emanuel Pinheiro.

Gustavo Arruda foi o 29° prefeito de Cuiabá. Candidato pelo PDS, cumpriu seu mandato de 1979 a 1983. Arquiteto, foi nomeado prefeito durante o regime militar e foi o último gestor a dividir o Palácio Alencastro com a sede do Governo de Mato Grosso. 

De acordo com a família, o ex-prefeito havia tomado a primeira dose da vacina contra a COVID-19 há 30 dias. Ele foi internado no dia 27 de julho e faleceu nesta quinta-feira (05), aos 81 anos. 

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana