lucas do rio verde

Prefeito e deputado alinham pautas de desenvolvimento para Lucas do Rio Verde

Publicados

em

Prefeito Miguel Vaz e o secretário, Aluízio receberam o deputado Neri Geller

Por Carolina Matter

O prefeito Miguel Vaz e o diretor-executivo de Governo, Aluízio Bassani, receberam na manhã deste domingo (07.03), no Paço Municipal, o deputado federal Neri Geller para tratar de pautas relacionadas ao desenvolvimento da região.

Entre os assuntos discutidos junto ao chefe do Executivo Municipal estiveram novos projetos para o município, ações de infraestrutura e obras em andamento, além de conversarem sobre convênios e recursos para Saúde, Educação e outras áreas. 

“Desde o início da nossa gestão estamos tratando com o deputado Neri Geller sobre assuntos de interesse do município, dando andamento aos projetos e encaminhamentos já feitos pelo deputado anteriormente. Agradeço a disposição e atenção do deputado e reforço a importância desse alinhamento para o bom desenvolvimento de Lucas do Rio Verde”, comentou o prefeito Miguel.

O deputado Neri Geller também ressaltou que a união tem sido fundamental para o crescimento de Lucas do Rio Verde. “Vamos manter e fortalecer a parceria que já vem acontecendo com os luverdenses, destacando nesta conversa os recursos de infraestrutura, os projetos já em andamento, como o novo Mercado do Produtor, as novas creches, entre outros, e também destaque para o setor da agricultura familiar e recursos para a Fundação Luverdense de Saúde. Juntos podemos sempre fazer mais por Lucas do Rio Verde e região”, salientou o parlamentar.

Comentários Facebook
Propaganda

lucas do rio verde

Irmão de prefeito de Mato Grosso morre de Covid-19 em Curitiba

Antônio Ribeiro, tinha 64 anos, e morava em Curitiba, ele é irmão do prefeito de Lucas do Rio Verde, Miguel Vaz

Publicados

em

O prefeito de Lucas do Rio Verde (354km de Cuiabá), Miguel Vaz (Cidadania), perdeu o irmão Antônio Ribeiro, de 64 anos, que morava em Curitiba (PR), em decorrência das complicações da covid-19, no último domingo (14.03).

A morte de Antoninho, como era carinhosamente chamado, foi comunicada pelo gestor numa postagem em suas redes em que contou que o irmão estava internado há cinco dias para tratamento da doença.

“A última vez que nos encontramos foi no mês passado, quando ele veio nos visitar. O meu irmão era um cara de bem com a vida, tinha boa saúde. Mas infelizmente, a doença não escolhe”, lamentou.

Miguel Vaz finalizou com  um alerta: “Até que a vacina não chegue para todos, temos que nos cuidar e proteger quem a gente ama”.

 

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana