mato grosso

Pontes e Lacerda comemora 39º aniversário com ações em infraestrutura e saúde

Publicado


.

O município de Pontes de Lacerda (443 km ao sudoeste de Cuiabá) comemora nesta quinta-feira (06.08) seu 39º aniversário de emancipação política (embora a origem de seu nome date de 1784 e, em 1906, a Comissão Rondon tenha construído na localidade um posto telegráfico), com duas importantes ações do Governo do Estado para sua população.

Na segunda quinzena de julho, a Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra) assinou ordem de serviço para as obras de encabeçamento (aterro nas cabeceiras, considerada fase final da obra) de três pontes na MT-473, a Estrada do Matão.              

Fundamentais para melhorar tráfego da rodovia – rota por onde se escoa a produção agropecuária da região sudoeste mato-grossense em direção à BR-174 e importante elo entre o município e a fronteira com a Bolívia -, as pontes estão sobre o Rio Alegre (61 metros de extensão), Vazante do Rio Alegre (18 metros) e Córrego Fundo (41 metros). O investimento é de R$ 1,3 milhão.

“Lembro-me que na campanha estive no município e fizeram esse pedido. Graças a Deus, estamos conseguindo tocar estas obras e tenho certeza de que a população lacerdense ficará muito feliz. Será um transtorno a menos para a logística da região”, afirmou o governador Mauro Mendes. 

Também na segunda quinzena julho, em parceria com o município, o Governo do Estado entregou 10 UTIs para o tratamento da Covid-19 ao Hospital Santa Casa Vale do Guaporé e 3.800 testes rápidos (kit-covid) à prefeitura. Ainda irá custear 100% (R$ 2 mil) da diária de cada leito, enquanto o município aguarda a habilitação por parte do Ministério da Saúde, que arca com R$ 1.600 e o Estado os R$ 400 restantes.      

 Secretário de Estado de Saúde, Gilberto Figueiredo durante entrega de 10 UTIs em Pontes e Lacerda

O prefeito Alcino Barcelos agradeceu o empenho do Governo do Estado, especialmente neste momento de pandemia. “Não se faz saúde sem dinheiro e sem foco. Por isso, quero agradecer ao governador e a todos por mais este ato”, disse.     

Além disso, neste ano de 2020 (até maio),  o Governo do Estado repassou ao município R$ 11,9 milhões, entre ICMS, IPVA e Fethab, e outros R$ 10,4 milhões referentes a assistência social, transporte escolar, saúde e emendas parlamentares entre 2019 e maio de 2020.

Economia

Com 45.436 habitantes (IBGE estimativa 2019), Pontes e Lacerda detinha em 2017 (IBGE) um PIB (Produto Interno Bruto) de R$ 1,188 bilhão, composto por serviços (R$ 534,9 milhões), administração pública (R$ 236,5 milhões), indústria (R$ 182,7 milhões), agropecuária (R$ 79,5 milhões) e impostos (R$ 155,05 milhões). O PIB per capita era de R$ 27.121,80.

Segundo dados do IBGE de 2018, é responsável pelo 6º rebanho bovino estadual (e 18º nacional), com 675.712 cabeças, das quais 12.524 vacas ordenhadas produzindo 19,4 milhões de litros de leite, que lhe garante a 7ª posição no ranking estadual.

Tanto o gado de corte quanto produção leiteira atende um frigorífico e um laticínio, dois dos seis grandes empreendimentos instalados no município, que conta ainda com uma indústria de ração animal e três distribuidoras de insumos, de acordo com o Observatório do Desenvolvimento da Sedec (Secretaria de Estado de Economia).

O município produz ainda (em toneladas) soja (53,15 mil), milho (43,48 mil), sorgo (9 mil), mandioca (2.860), borracha (1.534), mandioca (2.860), cana-de-açúcar (800), banana (480), arroz (300), laranja (300), abacaxi (130), limão (80) e feijão (18).        

Origem

A origem do nome Pontes e Lacerda, diz-se, se refere aos cartógrafos e astrônomos Antonio Pires da Silva Pontes, mineiro, e Francisco José de Lacerda e Almeida, paulista. Formados pela Universidade de Coimbra, Portugal, foram os responsáveis pelos primeiros esboços da carta geográfica das bacias Amazônica e do Prata.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
publicidade

mato grosso

Audiência pública para apresentação de metas fiscais é adiada

Publicado


A Secretaria de Fazenda (Sefaz) informa que a audiência pública para apresentação das metas fiscais do 2º quadrimestre de 2020, programada para esta terça-feira (29.09), foi transferida para a próxima semana. Dessa forma, o evento será realizado quarta-feira (07.10), às 14h, por meio de videoconferência.

A alteração da data atende pedido da Assembleia Legislativa, devido à sessão extraordinária que será realizada na mesma data e horário.

Durante a audiência pública a Sefaz explanará sobre o comportamento da receita e das despesas no período, as metas estipuladas na Lei Orçamentária Anual e as efetivamente alcançadas pelo Tesouro do Estado. A prestação de contas é uma exigência da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF).

A apresentação do relatório será perante a Comissão de Fiscalização e Acompanhamento da Execução Orçamentária (CFAEO), da Assembleia Legislativa.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Agronegocio

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana