Operação Aérea

Policiais de Mato Grosso ajudam na apreensão de avião com 450kg de cocaína; droga é avaliada em R$ 8,5 milhões

Durante fiscalização de rotina, após interceptar aeronave sem plano de voo sobrevoando o espaço aéreo em Mato Grosso, caças tucano da FAB determinaram seu pouso. A ação envolveu duas aeronaves A-29 Super Tucano, além de todo o Sistema de Defesa Aeroespacial Brasileiro (Sisdabra).

Publicado

Os policiais militares do Grupo Especial de Fronteira (Gefron) e do Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer) de Mato Grosso participaram, ontem à tarde, de uma operação integrada com a Polícia Federal, Grupo de Radiopatrulha Aérea de Goiás (Graer), Polícia Militar de São Paulo e Força Aérea Brasileira (FAB), que apreendeu um avião modelo Piper Navajo carregando cerca de 450 quilos de pasta base de cocaína, no aeroporto de Fernandópolis (SP). A droga está avaliando em mais de em R$ 8,5 milhões. Dois homens que estavam na aeronave foram presos.

Durante fiscalização de rotina, após interceptar aeronave sem plano de voo sobrevoando o espaço aéreo em Mato Grosso, caças tucano da FAB determinaram seu pouso. A ação envolveu duas aeronaves A-29 Super Tucano, além de todo o Sistema de Defesa Aeroespacial Brasileiro (Sisdabra).

Ainda de acordo com a assessoria da FAB, a aeronave suspeita foi classificada como tráfego aéreo desconhecido e passou pelos procedimentos de interrogação e acompanhamento até o pouso, tudo sob a coordenação do Comando de Operações Aeroespaciais (COMAE).  Após o pouso, a Polícia Federal e a Polícia Militar local assumiram as ações.

A suspeita é de que o avião teria saído do Pará, pousado para carregar o entorpecente em Mato Grosso e decolado em seguida.

No mês passado, os policiais de Gefron também participaram da operação integrada com a Polícia Federal, Polícia Militar do Amazonas e Força Aérea Brasileira que resultou na interceptação de uma aeronave e obrigada a fazer pouso forçado no aeroporto de Porto Urucu, em Coari (438 quilômetros de Manaus). Ele estava levando 418 quilos de pasta base de cocaína, avaliados em R$ 5,8 milhões.

*Com informações do SóNotícias

Comentários Facebook
publicidade

POLÍCIA

Polícia Civil cumpre prisão de suspeito por estupro de vulnerável em Rondonópolis

Publicado


.

Assessoria/Polícia Civil-MT

A Polícia Civil, através da Delegacia Especializada de Defesa da Mulher (DEDM) de Rondonópolis (212 km ao sul de Cuiabá), cumpriu nesta segunda-feira (06.07), mais um mandado de prisão, desta vez contra um homem suspeito de estupro de vulnerável contra a enteada.

O suspeito, 49 anos, possui diversas passagens criminais, inclusive com condenação por crimes de latrocínio e roubo e cumpriu penas nas cidades de Cuiabá e Rondonópolis.

O mandado de prisão pelo crime de estupro de vulnerável  entrou em vigência no último dia 10 de março, com vigência até 2040.

Ao tomarem conhecimento da ordem de prisão em aberto, os policiais da DEDM Rondonópolis iniciaram as diligências conseguindo localizar o suspeito em sua residência no bairro Nova Era no município.

Após ser informado da ordem judicial, o suspeito foi conduzido à Delegacia da Mulher para as providências cabíveis para cumprimento do mandado. 

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Agronegocio

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana