POLÍCIA

Polícia localiza em Cuiabá casa utilizada como laboratório de refino e distribuição de drogas

Publicados

em

Por Raquel Teixeira

Uma casa utilizada como laboratório para refino e preparação de drogas foi localizada por equipes da Delegacia Especializada de Entorpecentes (DRE) durante investigação nesta sexta-feira (15.01), em Cuiabá.

De acordo com o delegado Vitor Hugo Bruzulato Teixeira, foram apreendidos local, diversos objetos utilizados para a preparação e prensagem de entorpecentes, porções de cocaína e equipamentos.Após troca de informações com a Delegacia de Lucas do Rio Verde, policiais da DRE chegaram à residência, no bairro Santa Isabel, na Capital, que funcionava como laboratório para a preparação, prensagem, embalagem e distribuição do entorpecente para o interior do estado.

Lucas do Rio Verde“Recebemos informações de que o local serviria como ponto de distribuição de entorpecentes para o interior de Mato Grosso e também para o Pará. Agora vamos avançar nas investigações para apurar e identificar os responsáveis pelo local”, afirmou o delegado.

Na quinta-feira (14), após investigação da Delegacia de Lucas do Rio Verde, uma mulher foi presa em um ônibus na BR-163 com destino ao Pará, com 14 tabletes de cocaína e cloridrato de cocaína. A droga estava dentro de uma caixa térmica de isopor e camuflada com pacotes de pequim, para esconder o cheiro dos entorpecentes.A prisão foi realizada pela Polícia Rodoviária Federal. 

A investigação apontou que essa droga apreendida com a mulher foi preparada e embalada na casa localizada no bairro Santa Isabel, em Cuiabá.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Propaganda

POLÍCIA

Polícia Civil lamenta morte do investigador aposentado Enivaldo Pinto

Publicados

em


Assessoria/Polícia Civil-MT

A Polícia Civil de Mato Grosso lamenta o falecimento do investigador aposentado Enivaldo Pinto de Oliveira, 55 anos.  O policial civil faleceu no último sábado, 6 de março, em Pontes e Lacerda, em decorrência de complicações de saúde causadas pela covid-19

Enivaldo atuou durante muitos anos na Delegacia de Pontes e Lacerda.

Ele era natural de Cuiabá e ingressou na instituição em agosto de 1986, aos 20 anos de idade.

O corpo de Enivaldo foi sepultado na cidade onde serviu durante sua vida à Polícia Civil.

Aos familiares, amigos e colegas de trabalho do investigador, a Polícia Civil mato-grossense presta condolências.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana