POLÍCIA

Polícia Civil esclarece roubo com restrição de liberdade da vítima com prisão de duas pessoas em Primavera do Leste

Publicados

em


Assessoria/Polícia Civil-MT

A Polícia Civil, em ação da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf) de Primavera do Leste (231 km ao sul de Cuiabá), esclareceu na segunda-feira (03.05), um roubo com restrição de liberdade da vítima ocorrido no município, com a prisão em flagrante do suspeito poucas horas após o crime. Além da prisão do autor do roubo, a ação resultou ainda na recuperação do aparelho celular da vítima e prisão em flagrante do receptador. 

O roubo realizada na modalidade conhecida como “sequestro relâmpago” ocorreu na noite de domingo (02), quando o suspeito abordou a vítima no estacionamento do Hospital das Clínicas, a rendendo e assumindo a direção do veículo.

A vítima foi obrigada a permanecer dentro do carro, sendo também ameaçada para passar as senhas do aparelho celular e do cartão bancário. Dando sequência ao roubo, o suspeito passou por duas agências bancárias onde a vítima efetuou saques.

O assaltante ainda tentou realizar uma transação Pix pelo aplicativo do celular e permaneceu com a vítima por mais de duas horas, enquanto passava por vários lugares tentando fazer compras com os cartões dela. Após todas as ações, o suspeito estacionou o carro em uma rua no bairro São José e fugiu do local, subtraindo o celular, dinheiro e uma joia da vítima.

Assim que foi comunicada dos fatos, os policiais da Derf Primavera do Leste iniciaram as diligências conseguindo identificar o autor do crime. O suspeito foi preso poucas horas depois em via pública próximo a sua residência. Durante as investigações, os policiais também recuperaram o aparelho celular Iphone 11 em posse do proprietário de um bar.

Os dois suspeitos foram conduzidos à Derf, onde após serem interrogados foram autuados em flagrante. O suspeito identificado como autor do assalto foi preso pelo crime de roubo majorado. O dono do bar foi autuado pela receptação do aparelho celular, pagou fiança e responderá em liberdade pelo crime.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Propaganda

POLÍCIA

Autores de latrocínio de idosos são autuados em flagrante e Polícia Civil representa por prisão preventiva de dupla

Publicados

em


Raquel Teixeira/Polícia Civil-MT 

Dois suspeitos do roubo seguido de morte cometido contra um casal de idosos no final de semana, no município de Brasnorte (579 km a noroeste de Cuiabá) foram presos em flagrante nesta segunda-feira (17), após diligências ininterruptas realizadas pela Polícia Civil e Polícia Militar.

Um dos suspeitos foi localizado na manhã desta segunda-feira pela Polícia Militar. O segundo foi preso horas depois por uma equipe da Polícia Civil de Brasnorte e entregou a arma utilizada no crime, uma foice.

As vítimas Ilza Dutra Bragança, de 73 anos, e seu esposo, José Januário Bragança Filho, de 74 anos, foram mortas a golpes de foice na noite de sábado para domingo, enquanto dormiam, na chácara localizada a 11 quilômetros da cidade. Uma das vítimas foi encontrada no sofá e a mulher foi estava deitada em um colchonete.

Da casa foram levados objetos pessoais, uma quantia em dinheiro e a camionete do casal, uma Chevrolet S10. A filha do casal foi quem encontrou os pais mortos. Para entrar na casa, ela precisou arrombar a porta da sala da residência e em seguida, acionou a Polícia Militar.

Assim que tomou conhecimento do crime ocorrido na manhã de domingo, a equipe da Delegacia da Polícia Civil acionou a Politec e seguiu para a chácara das vítimas a fim de coletar as informações e realizar as perícias necessárias.

Com base nos indícios coletados, os policiais civis iniciaram as diligências junto com a PM. com a informação de que a camionete estava com pouco combustível, a Polícia Civil realizou buscas em postos da cidade e recebeu a informação de que um veículo com as características do que foi roubado foi abastecido em um estabelecimento. Com essa indicação, os policiais chegaram à característica de um dos suspeitos.

Na tarde de domingo, a camionete das vítimas foi localizada próxima a uma cerâmica da cidade e dentro continham objetos pessoais e documentos de Ilza Bragança.

Dando continuidade às buscas conjuntas, na manhã desta segunda-feira, os policiais militares localizaram um dos suspeitos. O segundo foi preso à tarde pelos policiais civis e entregou a arma usada no crime, uma foice. Foi recuperada ainda uma espingarda levada das vítimas.

O delegado Heberth Hugo Montenegro informou que ambos admitiram que a dupla foi até a chácara com o intuito de roubar bens, pois sabia que as vítimas guardavam dinheiro na residência. Os dois foram autuados em flagrante por roubo seguido de morte e serão apresentados em audiência de custódia da Justiça.

O delegado de Brasnorte encaminhou ao Poder Judiciário a representação pela prisão preventiva dos suspeitos.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana