POLÍCIA

Polícia Civil capacita profissionais de segurança em cumprimento de mandados de alto risco

Publicados

em

Por Raquel Teixeira

Vinte profissionais de forças de segurança que atuam nas cidades de Sinop, Sorriso e Nova Ubiratã concluíram um curso de capacitação em Cumprimento de Mandados de Alto Risco (Comar) promovido pela Polícia Civil de Mato Grosso, com apoio de instituições parceiras.

O delegado regional de Sinop, Carlos Eduardo Muniz, destaca a importância de aprimorar e aperfeiçoar as atividades policiais para que os profissionais atuem com eficiência no cumprimento de missões de alto risco. “A atualização de conhecimento e técnicas é fundamental para que nossos profissionais possam executar as ações empregando táticas modernas, especialmente em situações que envolvam alto risco”, disse Muniz.Realizado em Sorriso (420 km ao norte de Cuiabá), o curso foi coordenado pela Gerência de Operações Especiais (GOE) e apoio da Delegacia Regional de Sinop, Delegacia de Sorriso e Conselho Comunitário de Segurança de Sorriso, com carga horária de 60 horas. Os participantes receberão certificação pela Academia da Polícia Civil.

O delegado de Sorriso, Márcio Henrique Portella, enfatiza que treinamento e capacitação são fundamentais para todos os servidores, independentemente da área de atuação, pois a sociedade ganha uma polícia mais preparada e com melhores condições de exercer seu trabalho com mais eficiência e operacionalidade.A capacitação foi realizada de 11 a 16 de janeiro e contou com a participação de policiais civis da região e integrantes da Polícia Militar, Polícia Rodoviária Federal, Polícia Penal e Ciopaer que passaram por instruções práticas e conhecimentos modernos em táticas policiais para cumprimento de mandados visando aumentar a eficiência e a segurança dos profissionais no ambiente operacional.

“Na área da segurança pública assumem papel ainda mais relevante, tendo em vista a variedade de problemas que a polícia tem que enfrentar diariamente. Poder participar de um curso de extrema qualidade técnica e grau de especialização ministrado por profissionais comprometidos, e com a participação integrada das forças de segurança é enriquecedor do ponto de vista profissional e pessoal.

Durante os seis dias de curso, realizado no Clube de Tiro de Sorriso e na unidade do Ciopaer, os profissionais de segurança receberam instruções da equipe da GOE e aulas teóricas ministradas pelo professor e promotor de Justiça, Luiz Fernando Rossi Pipino.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Propaganda

POLÍCIA

Quatro carros são recuperados em Cuiabá e Tangará da Serra

Publicados

em


Policiais militares recuperaram no sábado e domingo (27 e 28.02), um GM Onix, um Honda Civic, um VW Voyage e um Fiat Uno na capital e Tangará da Serra.

Em Cuiabá foram três ocorrências. Uma delas, no bairro Jardim dos Ipês, na capital, a ocorrência também foi atendida pela equipe da Rotam que recuperou um GM Ônix e prendeu dois suspeitos. Um deles foi reconhecido pela vítima. Durante a condução da ocorrência, os policiais localizaram um Ford Fiesta que deu apoio na ação criminosa. Eles estavam com queixa de roubo.

No bairro Sucuri, os militares estavam em diligência a procura de um Honda Civil que tinha acabado de ser roubado. O carro foi encontrado em uma área de mata, mas nenhum suspeito foi localizado.

No Alvorada, os policiais foram informados que um Voyage prata estaria abandonado na rua. No local, foi confirmado que o veículo tinha sido roubado no dia anterior.

A equipe da Rotam em Tangará da Serra recuperou um Fiat Uno prata, roubado no sábado (27), em Cuiabá.  Os policiais realizavam patrulhamento pelo bairro Construmat e perceberam o carro estacionado no pátio de uma borracharia. Nenhum suspeito foi localizado. Foi mantido contato com o proprietário informando do ocorrido e o Uno a disposição da Delegacia de Roubos e Furtos de Veículos.

Serviço

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, pelo 190 ou, sem precisar se identificar, por meio do disque-denúncia 08000.65.3939. Nesse número, sem custo de ligação, qualquer cidadão pode informar situações suspeitas ou crimes. Exemplos: a presença de foragidos da Justiça com mandado de prisão em aberto e ponto de venda de droga.

Fonte: PM MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana