POLÍCIA

Polícia Civil apresenta inquérito eletrônico a membros do MPE que atuam no interior do estado

Publicado


.

Assessoria | Polícia Civil-MT

A Polícia Civil de Mato Grosso realizou a segunda videoconferência com membros do Ministério Público Estadual (MPE), na manhã desta sexta-feira (31.07) para tratativas do procedimento de funcionamento e integração do inquérito policial eletrônico implantado.

 

Cerca de 40 promotores de justiça das Promotorias Criminais do interior do Estado participaram do encontro on-line, realizada pela Diretoria-Geral da Polícia Civil e pela Coordenadoria de Tecnologia da Informação (COTI). Na última semana, no dia 22 junho, cerca de 50 promotores da região metropolitana participaram da reunião virtual.

A segunda videoconferência teve como principal objetivo tratar sobre a integração do inquérito policial eletrônico, do acesso que os promotores das Varas Criminais terão, e como será a forma de fiscalização do Ministério Público Estadual.

Durante a reunião foi explicado o funcionamento da nova plataforma de transmissão eletrônica ao Judiciário, do acesso on-line que está sendo desenvolvido pelos profissionais da Fábrica de Software, e a integração com o sistema PJe do Tribunal de Justiça, que possibilitará que o MPE realize o controle difuso e a fiscalização externa em tempo real, de forma rápida e segura.

 

Através da ferramenta, os membros das promotorias criminais terão acesso por meio eletrônico dos procedimentos policiais e peças que compõem o inquérito policial, além das fiscalizações de controle das atividades internas das unidades policiais que se mantêm com as mesmas garantias previstas na lei conforme Constituição Federal.

Conforme o delegado-geral adjunto que e presidiu, Gianmarco Paccola Capoani, a segunda videoconferência direcionada aos Promotores de Justiça atuantes na área criminal nas Comarcas do interior do estado foi muito produtiva pois eles tiveram a oportunidade de conhecer um pouco sobre o sistema GEIA.

 

“O assunto foi o esclarecimento quanto ao inquérito policial eletrônico, implantação e algumas anuências. Também foi apresentado aos membros do MPE a otimização e celeridade do novo formato de trabalho, bem como foram sanadas dúvidas e o aprimoramento dos procedimentos de agora em diante”, destacou Gianmarco Paccola Capoani.

Além do delegado-geral adjunto participaram da videoconferência, os servidores do COTI, Fábio Arruda Goes Ferreira e Ricardo Rodrigues Barcelar.

 

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
publicidade

POLÍCIA

Homem investigado por estupro de enteada tem prisão preventiva cumprida em Cuiabá

Publicado


.

Raquel Teixeira/Polícia Civil-MT

Equipe da Delegacia Especializada de Defesa da Mulher de Cuiabá (Dedm) cumpriu nesta quinta-feira (06.08) um mandado de prisão preventiva contra um homem investigado pela unidade policial por estupro de vulnerável praticado contra sua enteada.

A delegada Nubya Beatriz Gomes dos Reis representou pelo pedido de prisão do suspeito, que é professor, após reunir em inquérito policial elementos probatórios que comprovaram o crime praticado reiteradas vezes contra a vítima que era sua enteada.  

De acordo com a investigação, o suspeito praticava abuso contra a vítima desde que ela tinha sete anos, quando ele ainda era conhecido da família. O investigado aproveitava momentos ou criava situações para ficar a sós com a vítima desde que ela era menor de idade e praticar os abusos, inclusive, fazendo a criança se sentir culpada pela situação. Ele a presenteava com roupas, doces e brinquedos para que a vítima ficasse calada. Neste ano, ele voltou a assediar a vítima por várias vezes.

Além da enteada, o suspeito também é investigado pelo estupro praticado contra outra criança da mesma família.

O mandado de prisão foi expedido pelo juiz Jurandir Florêncio de Castilho Jr, da 14ª Vara Criminal de Cuiabá.

Após o cumprimento do mandado, o investigado foi encaminhado à delegacia e posteriormente irá para a unidade prisional do Capão Grande, em Várzea Grande.

 

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Agronegocio

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana