POLÍCIA

Polícia Civil apreende 5 tijolos de maconha, arma de fogo e prende 7 suspeitos durante averiguação de uma denúncia

Publicados

em


Assessoria | Polícia Civil-MT

A Polícia Civil prendeu sete pessoas, entre elas dois adolescentes, e apreendeu cinco tijolos de maconha e uma arma de fogo, na manhã de sábado (24.07), no município de Colniza (1.065 km a noroeste de Cuiabá), durante diligências para averiguar uma denúncia anônima.

Quatro homens e uma mulher foram autuados em flagrante por tráfico de drogas, associação para o tráfico e corrupção de menores. Um deles responderá também por posse ilegal de arma de fogo. Já os adolescentes, ambos de 16 anos, responderão ato infracional análogo aos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico.

As diligências iniciaram logo que a Delegacia de Polícia de Colniza recebeu denúncia sobre certa quantidade de drogas que seria entregue na cidade. De posse das informações, os policiais civis passaram a diligenciar para apurar os fatos.

Na investigação a equipe foi até uma empresa transportadora, onde em campana foi avistado o momento em que um menor de idade chegou no local para pegar uma encomenda suspeita. Ato contínuo foi feito acompanhamento do adolescente, o qual seguiu até uma residência. . 

Assim que os policiais civis se aproximaram da casa, foi de imediato encontrado no terreno uma balança de precisão, uma porção de entorpecentes, além da mercadoria contendo quatro tijolos grandes e mais um tijolo médio de maconha. 

Todos os indivíduos que estavam no endereço (incluindo o menor de idade) foram detidos e conduzidos. Durante o procedimento na delegacia, foi percebido que o aparelho celular do adolescente tocava insistentemente. Perguntado quem era, o infrator contou que se tratava da pessoa que seria o destinatário do carregamento de droga, bem como indicou o endereço do mesmo. 

Com base nos relatos, os investigadores foram até a casa do suspeito que receberia a mercadoria ilícita, e quando chegaram encontraram outro adolescente na frente do imóvel com um simulacro de arma de fogo.

No interior da casa foi apreendida uma espingarda de pressão modificada para calibre 22. Diante do flagrante, o maior e o menor de idade, também foi encaminhados para a unidade policial.

Os conduzidos foram interrogados, sendo autuados em flagrante e ato infracional respectivamente. Após a confecção dos autos os suspeitos foram apresentados e colocados à disposição da Justiça.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Propaganda

POLÍCIA

PRF apreende cocaína na cidade de Pontes e Lacerda-MT

Publicados

em


Na noite de ontem, por volta das 19 horas, na BR 174, município de Pontes e Lacerda-MT, uma equipe da PRF realizava fiscalização em frente a unidade operacional quando deu ordem de parada a um Fiat Uno de cor branca, conduzido por um homem de 42 anos.

No momento da abordagem, o condutor apresentou certo nervosismo, e quando indagado sobre o destino da viagem, apresentou respostas contraditórias e desconexas. Ainda, após ser questionado novamente, desta vez sobre o seu passado, respondeu que já havia sido preso por tráfico de drogas em data pretérita.

Como consequência da situação, os policiais subiram o nível de suspeição da abordagem e optaram por realizar uma busca veicular aprofundada no veículo, momento em que foi encontrado um compartimento oculto por trás do para-choque traseiro do automóvel. Esse compartimento, conhecido vulgarmente como “mocó”, é feito de forma artesanal e especialmente parado para o transporte de substâncias ilícitas.

Ao abrir o compartimento, a equipe encontrou 24 tabletes de pasta base de cocaína, com peso total aproximado de 24,95 kg. O motorista disse ainda que receberia a quantia de R$ 3.000,00 (três mil reais) pelo serviço e que deixaria o carro em São Paulo (capital) para outra pessoa pegar.

Sendo assim, foi dada ordem de prisão ao abordado pelo crime de tráfico de drogas. Ele foi informado de seus direitos constitucionais e conduzido à Polícia Judiciária Civil de Pontes e Lacerda.

Fonte: PRF MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana