POLÍCIA

PM prende três suspeitos por furto de fios e cabos da estrutura do VLT em Várzea Grande

Publicados

em


A Polícia Militar prendeu, nesta quarta- feira (31.03) três homens suspeitos de furtar cabos e fios da estrutura do Consórcio VLT, no bairro Aeroporto, em Várzea Grande. O carro utilizado para a prática do crime foi apreendido na ação policial.

Os policiais foram acionados via 190, por volta das 4h, para verificar um furto na região da estrutura do VLT (Veículo Leve Sob Trilhos), no Aeroporto. O comunicante relatou à PM que os suspeitos estariam retirando a fiação de cobre e transportando o material em um veículo Gol.

De imediato, os policiais fizeram diligências e localizaram o carro nas imediações do local apontado, constatando o dano ocasionado na fiação e nos cabos do modal.

Os três suspeitos tentaram resistir a prisão e chegaram a ameaçar a equipe da PM. Eles receberam voz de prisão e foram conduzidos à Delegacia. A ocorrência foi entregue à Polícia Judiciária Civil.

Serviço

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, pelo 190 ou, sem precisar se identificar, por meio do disque – denúncia 08000.65.3939. Nesse número sem custo de ligação, qualquer cidadão por informar situações suspeitas ou crimes.

Fonte: PM MT

Comentários Facebook
Propaganda

POLÍCIA

Polícia Civil apreende armas de fogo e mais de 80 munições em chácara na zona rural de Cuiabá

Publicados

em


Assessoria/Polícia Civil-MT

Duas armas de fogo e mais de 80 munições encontradas em uma propriedade em uma região de chácaras em Cuiabá foram apreendidas pela Polícia Civil, nesta quinta-feira (06.05), durante checagem de denúncia anônima realizada pela equipe da Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO).

Com base na denúncia realizada via Ciosp que relatava a possível existência de armas e drogas escondidas em uma propriedade rural, os policiais da GCCO foram até o endereço indicado, na região de chácaras Bandeira II para verificação dos fatos.

Conforme as informações, o material ilícito ficava escondido no interior de tratar que ficava guardado em um barracão da propriedade. No local, os policiais foram recebidos pela esposa do caseiro que informou que nem o seu marido e nem o dono da propriedade estavam no local.

Durante as buscas, os policiais localizaram no interior do tratar mencionado, 84 munições, sendo 67 calibre 380, 10 calibre. 357 e sete calibre 38, todas intactas, além de uma tornozeleira eletrônica. Em continuidade as buscas, os policiais encontraram por baixo de alguns entulhos um caixa com uma pistola calibre 380 e três carregadores.

A tornozeleira eletrônica pertenceria ao caseiro que não foi localizado. Em buscas na residência do caseiro, foi encontrada mais duas espingardas, sendo uma delas de pressão e outra que não foi possível identificar o número de sério devido ao desgaste de arma.

O dono da propriedade chegou ao local, e em buscas na sua residência nada ilícito foi encontrado. Questionado, ele confirmou que a pistola era de sua propriedade porém estava registrada em nome de um amigo.

Diante dos fatos, o suspeito foi conduzido a GCCO, onde após ser interrogado foi autuado em flagrante pelo crime de posse irregular de arma de fogo e munições.

O delegado da GCCO, Vitor Hugo Bruzulato Teixeira, destaca que a retirada de armas e munições de circulação foi possível graças ao trabalho de denúncia realizado pela sociedade. “A Polícia Civil demonstrou que está trabalhando e que conta com apoio da população, que através de denúncias pode ajudar ainda mais o combate à criminalidade”, disse o delegado.

Denúncias: 197 e (65) 98463-2655

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana