POLÍCIA

PM intervém em situações de desacato, discussão e apoio a oficial de justiça em Rondonópolis

Publicado


Policiais militares do 5º BPM de Rondonópolis (a 212 km de Cuiabá) atenderam três ocorrências que precisaram ser intermediadas no sábado e domingo (18 e 19.10)

A primeira, no residencial Granville, dois homens foram conduzidos à delegacia depois de uma discussão dentro de um supermercado entre o açougueiro do estabelecimento comercial com um cliente. O motivo: um corte de carne. O cliente não gostou da forma como o açougueiro respondeu causando um bate-boca. Com receio que pudesse ocorrer algo pior, os funcionários acionaram a PM.  

Na segunda ocorrência, no bairro Vila Birigui, os policiais foram informados de aglomeração de pessoas e uso de droga em uma tabacaria. No imóvel, o proprietário não tinha alvará para funcionar e recebeu a determinação para fechar o estabelecimento.

Durante o procedimento, um dos frequentadores começou a incitar e ofender os policiais. Ele foi rendido por desacato e encaminhado à delegacia.

 No bairro Jardim Liberdade, os agentes acompanharam um oficial de justiça que precisava realizar a apreensão de um veículo Fiat Strada branco. Não houve nenhuma intercorrência na execução do trabalho.

Serviço

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, pelo 190 ou, sem precisar se identificar, por meio do disque-denúncia 0800.65.3939. Nesse número, sem custo de ligação, qualquer cidadão pode informar situações suspeitas ou crimes. Exemplos: a presença de foragidos da Justiça com mandado de prisão em aberto e ponto de venda de droga.

 

Fonte: PM MT

Comentários Facebook
publicidade

POLÍCIA

Polícia Civil prende dois e esclarece tentativa de homicídio em Guarantã do Norte

Publicado


Assessoria/Polícia Civil-MT

Uma tentativa de homicídio ocorrida há menos de uma semana em Guarantã do Norte (715 km ao norte de Cuiabá) foi esclarecida pela Polícia Civil, na sexta-feira (27.11), com a prisão de dois envolvidos no crime. Os suspeitos tiveram as ordens de prisão decretadas pela Justiça após serem identificados em investigações da Polícia Civil do município.

O crime ocorreu no dia 22 de novembro, sendo a vítima, de 32 anos, encontrada caída em via pública no bairro Santa Marta, com graves ferimentos de pauladas na cabeça. Ao lado dela, estava uma motocicleta que foi incendiada pelos suspeitos.

O fato teve grande repercussão na cidade devido à violência empregada, estando a vítima em estado gravíssimo. Assim que foi acionada do crime, a equipe da Delegacia de Guarantã do Norte iniciou as diligências e em pouco tempo, conseguiu identificar os dois envolvidos.

 Com base nas apurações, o delegado Victor Hugo Caetano de Freitas representou pelo mandado de prisão e de busca e apreensão domiciliar contra os suspeitos que foram deferidos pela Justiça. As ordens judiciais foram cumpridas, na sexta-feira (27), sendo os dois suspeitos presos em suas respectivas residências no bairro Santa Marta.

 Segundo o delegado, o crime foi motivado por disputas relacionadas ao tráfico de drogas. “Um crime grave e que a Polícia Civil, em resposta rápida, em menos de uma semana dos fatos, conseguiu identificar e prender os autores”, disse o delegado.

 

 

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Agronegocio

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana