POLÍCIA FEDERAL

PF apreende droga em bermuda e fundo falso de mala

Publicados

em


Guarulhos/SP – A PF, no Aeroporto Internacional de São Paulo, apreendeu, entre a noite de ontem e madrugada de hoje (28/9), mais de 7 kg de cocaína com passageiros de voos internacionais.

Na segunda-feira (27), policiais federais foram acionados por funcionários que atuam junto aos pórticos de imigração em razão da desconfiança de que uma passageira poderia estar ocultando algo sob as vestes. A mulher foi conduzida a uma sala reservada para passar por busca pessoal. A policial designada encontrou, dentro de uma bermuda vestida pela suspeita, seis volumes, fixados por meio de fita adesiva, contendo 3 kg de cocaína. A brasileira, de 41 anos, que pretendia embarcar em voo para Addis Ababa, na Etiópia, mas cujo destino final era a cidade de Joanesburgo, na África do Sul, foi presa em flagrante.

Já na madrugada de hoje (28), policiais federais que fiscalizavam, por meio do raio-x, as bagagens despachadas para voo cujo destino era a Etiópia, selecionaram uma mala que continha material suspeito. O proprietário da mala, um nacional da Bolívia, foi localizado e conduzido à delegacia. O suspeito tinha como destino final a cidade de Juba, no Sudão do Sul. Na delegacia, a mala foi esvaziada e apresentou peso incompatível e, por esse motivo, ela foi desmontada. Em fundos falsos, os policiais encontraram 8 volumes com mais de 4 kg de cocaína.

Os presos serão apresentados à Justiça Federal onde responderão pelo crime de tráfico internacional de drogas.

Comunicação Social da PF no Aeroporto Internacional de São Paulo/Guarulhos

Comentários Facebook
Propaganda

POLÍCIA FEDERAL

Polícia Federal cumpre, em Fortaleza, mandado de prisão em desfavor de envolvido em sequestro de gerente e funcionário da CEF ocorrido em Araguari/MG

Publicados

em


Fortaleza/CE – A Polícia Federal prendeu preventivamente, nesta terça-feira (26/10), um homem, de 58 anos, no bairro de Fátima, em Fortaleza/CE. A prisão preventiva foi determinada pela 2ª Vara Federal em Uberlância/MG.

O mandado é decorrente de processo penal em que o preso é acusado por extorsão mediante sequestro e associação criminosa, referente a um sequestro de um gerente e funcionário da Caixa Econômica Federal, crime ocorrido em março 2003, em Araguari/MG.

O preso também já teve outras condenações, inclusive a 47 anos de reclusão pelo planejamento e execução do furto ao Banco Central em Fortaleza/CE, bem como ocultação do dinheiro furtado em uma residência no bairro Mondubim, em Fortaleza/CE.  No ano de 2005, o suspeito foi preso em Fortaleza na posse de mais de R$ 12 milhões, oriundos do furto ao Banco Central, já tendo sido encarcerado em penitenciárias de segurança máxima. 

O homem foi encaminhado ao sistema prisional e está à disposição da Justiça Federal.

Comunicação Social da Polícia Federal no Ceará

Contato: (85) 3392-4867/4947

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana