ecossistemas

Operação fiscaliza propriedades e aplica R$ 4,2 milhões em multas ambientais

Publicados

em

(Imagem meramente ilustrativa)

A Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema-MT) realizou mais uma etapa da Operação Abafa, em parceria com a Polícia Militar, entre os dias 3 e 13 de novembro, nas regiões de Peixoto de Azevedo, Marcelândia e União do Sul. Foram fiscalizadas 17 propriedades e aplicados R$ 4,2 milhões em multas.

Grande parte das infrações verificadas in loco está relacionada ao desmatamento a corte raso de vegetação nativa, objeto especial preservação consumado mediante uso do fogo. Também foram flagrados instalação de atividade pecuária sem licença e desmatamento em área embargada.

Outros danos verificados foram corte de espécie proibida, vegetação severamente danificado pelo fogo, uso de recursos hídricos sem licença ambiental e atividades agrícolas em área embargada.

A operação ocorreu em período que estava proibido o uso de fogo em áreas rurais para limpeza e manejo, levando em consideração o risco de incêndios florestais de grandes proporções. O decreto que estabelece o período proibitivo seguiu ativo até o dia 12 de novembro.

A Operação Abafa Amazônia foi lançada pela Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema-MT) e de Segurança Pública (Sesp-MT) no mês de agosto de 2019 com objetivo de combater crimes ambientais e incêndios.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Propaganda

ecossistemas

Fotógrafo mexicano filma onça atacando jacaré no Pantanal de Mato Grosso; veja o vídeo

Publicados

em

O fotógrafo mexicano Diego Rodriguez filmou o ataque de uma onça-pintada a um jacaré durante uma expedição no Pantanal mato-grossense.

Veja vídeo:

Apesar de viajar o mundo registrando a vida selvagem, Rodriguez disse que foi a primeira vez que conseguiu gravar um ataque como esse.

Nas imagens, é possível ver a onça tentando levar o jacaré, ainda vivo, para a mata. O jacaré consegue escapar em determinado momento, mas é pego pelo felino novamente.

Segundo o fotógrafo, as imagens foram feitas nas margens do Rio Cuiabá, na região de Porto Jofre. A área é conhecida por ter a maior concentração de onças-pintadas do mundo. A reserva tem 108 mil hectares. Turistas do país e do exterior procuram o parque para ver as onças-pintadas, durante passeios de barco.

O melhor período para observar a onça é entre julho e final de setembro, período da seca. Nesses meses, as onças ficam mais próximas das margens dos rios em busca de água e caça, então, é mais fácil se deparar com o animal.

Em 2013 o fotógrafo americano Justin Black flagrou cena semelhante e publicou as seguintes fotos:

 

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana