economia

O maravilhoso mundo por detrás da compra de Bitcoin

Publicados

em


source

Bitcoin . Para alguns, é uma realidade diária e a primeira coisa sobre a qual eles lêem quando acordam, mas para outros é como matemática avançada. Apesar do fato de se falar muito sobre essa temática e de quase parecer que todos são donos dessa  cripto digital, hoje em dia, acontece que uma grande parte da população tem pouco conhecimento sobre este tipo de moeda. Como são, em concreto, criadas as Bitcoins e qual é o processo por detrás disso?

Os bastidores do maravilhoso mundo das criptomoedas
Luciano Rocha

Os bastidores do maravilhoso mundo das criptomoedas

Mineração de Bitcoin

El Salvador, esse é o lugar onde o Bitcoin foi, há pouco tempo, reconhecido como uma moeda corrente. Para incentivar isto, cada residente de El Salvador recebeu 30 dólares de Bitcoin como presente. Em resultado disso, foram adquiridos 17,5 milhões de dólares de Bitcoins em um curto período de tempo. Esta compra parece simples, mas na prática é bem diferente e está ligada aos termos mineração e blockchain. Explicaremos abaixo estes termos para você.

Uma blockchain consiste em uma cadeia de blocos, onde cada bloco é preenchido com um pacote de transações. Além disso, cada bloco contém um pedaço do bloco anterior. Este pedaço (ou “hash”) pode ser visto como uma espécie de impressão digital, o que garante que toda a história da cadeia de blocos esteja “trancada” em seu último bloco. Se houver uma mudança em um dos blocos anteriores, isto faz com que todas as impressões digitais dos blocos que se seguem sejam também alteradas. Dessa forma, se algo for mudado, esse fato será notado imediatamente.

Leia Também

Estes blocos são administrados por mineiros. Estes mineiros acrescentam um pacote de transações a uma blockchain. Então ele ou ela tenta ser o primeiro a encontrar a solução que permitirá a publicação do bloco de transações. A primeira pessoa a encontrar a solução é recompensada com uma nova criptomoeda. A descoberta desta solução é chamada de mineração.

Encontrar a solução é muito simplesmente equivalente a calcular o “hash”, a impressão digital. É aqui que entra em jogo o “mecanismo de comprovação de desempenho”. Este mecanismo é o que determina como é difícil chegar a uma solução. Esta solução consiste em caracteres, nos quais o mecanismo exige que os primeiros X caracteres sejam 0. Quanto maior for a concorrência, mais caracteres devem ser 0. A solução final é chamada de “nonce”.

Uma fórmula matemática

Como você tem a oportunidade de ler, há muita coisa envolvida por detrás do processo da compra de Bitcoin. Se você for um grande geek e amar todas as coisas relacionadas com a Bitcoin, você mesmo pode optar por fazer a mineração. Por favor, denote que você precisa de muito conhecimento e do equipamento certo para isso. Também é importante perceber que isso envolve muitos custos de energia e, portanto, não é para todos. Mesmo assim, pode ser muito interessante. Se você quiser comprar bitcoins, mas preferir terceirizar a mineração, você também pode fazer o outsourcing. Se certifique de conhecer todas as opções e entidades antes de avançar, já que há muitos golpistas no mercado. Mas não deixe que isso estrague a sua diversão. Porque, por mais empolgante que seja, pode vir a ser um grande sucesso para você!

Comentários Facebook
Propaganda

economia

CMN simplifica abertura de contas em dólares por governos locais

Publicados

em


Órgãos e empresas estatais dos estados, do Distrito Federal e dos municípios poderão abrir contas em moeda estrangeira para receberem empréstimos de organismos internacionais, decidiu hoje (27) o Conselho Monetário Nacional (CMN). A resolução entra em vigor imediatamente.

Segundo o Banco Central (BC), a medida tornará mais eficiente o processo de autorização de operações de crédito externas. Os empréstimos da União, dos estados e dos municípios com organismos internacionais são analisados e autorizados pela Comissão de Financiamentos Externos (Cofiex) do Ministério da Economia.

O CMN também autorizou a constituição, a partir de 2 de março, de contas em moeda estrangeira para que fundos de provisionamento depositem garantias para o descomissionamento (desinstalação) de plataformas de petróleo e de gás natural em contratos firmados com a União. Essas garantias têm como objetivo cobrir eventuais riscos no processo de desativação das estruturas.

De acordo com o BC, a abertura de conta em moeda estrangeira reduz o risco cambial (alta repentina do dólar) e reduz o custo financeiro. Isso porque as garantias estão atreladas a bens e a serviços com preços definidos internacionalmente. Em julho de 2020, a Petrobras iniciou o descomissionamento de plataformas antigas.

O Banco Central esclareceu que essas medidas não têm relação com a nova lei cambial, sancionada em 29 de dezembro do ano passado e que só entrará em vigor em 30 de dezembro deste ano. As flexibilizações, informou o órgão, dizem respeito apenas a contas vinculadas a finalidades específicas, que não estão disponíveis para o cidadão.

Edição: Claudia Felczak

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana