Cuiabá

Novo Mercado Municipal terá estacionamento automatizado com 606 vagas disponíveis

Publicados

em


Luiz Alves- Secom

Clique para ampliar

Pensando na modernidade e preparando Cuiabá para o futuro, o projeto para o novo Mercado Miguel Sutil – conhecido como Mercado Municipal, idealizado pelo prefeito Emanuel Pinheiro, prevê a implantação de estacionamento automatizado valet. A estrutura tem como objetivo ofertar maior comodidade e segurança aos clientes que frequentarão o local. O estudo foi apresentado nesta sexta-feira (16), na Associação Mato-grossense dos Municípios (AMM).

Com 586 vagas para carros e 20 para motos, o estacionamento ficará no 4º pavimento e contará com sensores para identificação do status da vaga e software compra recarga de créditos; Recarga de créditos através do parquímetro e fiscalização dos serviços através de OCR. Ao todo, o Mercado Municipal terá quatro pavimentos, divididos por setores para um melhor ordenamento dos ambientes.

“Modernizar os estacionamentos resulta em inúmeros benefícios, como a melhora do fluxo de veículos, satisfação dos clientes e vantagens financeiras a médio e longo prazo. Temos que elaborar um projeto bem mais moderno e preparando a Capital para o futuro. O investimento em novas tecnologias agilizará todos os processos operacionais, desde a chegada do usuário ao local até sua saída. Isso evita filas, seja em pagamentos, validações de tickets, dentre outros”, declarou o prefeito.

O trabalho foi apresentado pela Promulti Engenharia, Infraestrutura e Meio Ambiente, habilitada em Procedimento de Manifestação de Interesse (PMI) aberto pela Prefeitura de Cuiabá em dezembro de 2019.

Posteriormente, o estudo será submetido a avaliação do Comitê Gestor do Programa PPP/Cuiabá, presidido pelo prefeito Emanuel Pinheiro e formado por profissionais das secretarias de Gestão e de Agricultura, Trabalho e Desenvolvimento Econômico, além da Procuradoria Geral do Município (PGM). A meta, mediante o cumprimento de todos os trâmites legais, é de que as obras sejam iniciadas ainda no último quadrimestre de 2021.

Comentários Facebook
Propaganda

Cuiabá

Prefeitura de Cuiabá faz concessão de terreno para construção da nova sede da AACC

Publicados

em


Gustavo Duarte

Clique para ampliar

O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro assinou, na tarde desta segunda-feira (21), a concessão de um terreno para a construção da nova sede da Associação de Amigos da Criança com Câncer de Mato Grosso (AACC). As melhores condições no atendimento das crianças com câncer é uma causa defendida pela primeira-dama, Márcia Pinheiro. A área concedida é de 4.475 m² e fica no bairro Centro América. O prazo de validade da concessão é de 20 anos, prorrogáveis por igual período. Atualmente, a AACC atende cerca de 450 crianças por mês vindas de várias cidades do estado e de outros países.

“Este é o documento que assino com a maior convicção que estamos fazendo o bem e cuidando de quem não tem condições. É um ato marcante para a solidariedade com as pessoas que estão passando por um momento tão difícil com seus filhos”, enfatizou o prefeito. A primeira-dama,  Márcia Pinheiro, ressaltou a preocupação da gestão no cuidar das pessoas. “Trabalhamos pautados pela humanização. É uma administração que trabalha para salvar e proteger vidas, que tem como marcas o carinho e o respeito aos cidadãos”, definiu.

O presidente da AACC, Claudemir Ferreira da Silva, disse que com a nova sede, a capacidade de atendimento vai duplicar, além de construir espaços que hoje não é possível ter na unidade, por falta de espaço.

“Esse terreno é um novo marco para a instituição. É uma luta de 15 nos. Serão novos desafios, mas são desafios que trarão muitos benefícios para nossas crianças. Poderemos ampliar o atendimento e os serviços que são oferecidos à comunidade. É uma área ampla onde a gente vai poder contemplar outros departamentos que hoje não temos a oferecer dentro da instituição”, destacou o presidente.

Ainda segundo Claudemir, além dos pacientes vindos de vários municípios do estado, a unidade recebe também pessoas vindas de outros países, a exemplo da Bolívia e Paraguai.

“Hoje temos 10 apartamentos e comportamos 20 famílias, o paciente com seu acompanhante. O nosso objetivo é dobrar a capacidade, ou seja, serão 20 famílias, no total de 40 pessoas. Hoje não temos ala de isolamento, área verde, auditório, espaço lúdico, dentre outros, que são ambientes importantes para as famílias afim de tirar o foco da doença. Mas com esta nova sede, vamos contemplar estes espaços”, frisou.

A assinatura do termo de concessão foi realizada na sede do Palácio Alencastro e contou com a presença do deputado federal, Carlos Bezerra, o secretário-adjunto de Governo, Wilton Coelho e dos vereadores, Mário Nadaf e Marcrean dos Santos.

A lei que concedeu a área para a AACC é a de Nº 6.684, de 10 junho de 2021. Após a publicação, que deve ser feita nesta terça-feira (22), no Diário Oficial dos Municípios, a direção da instituição dará início ao projeto de edificação.

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana