MINISTÉRIO PÚBLICO MT

MPMT e CNMP promovem reunião institucional nesta quinta e sexta-feira

Publicado


.
Com o objetivo de colher e divulgar informações relacionadas a projetos de enfrentamento à corrupção e visando promover o intercâmbio de boas práticas de governança e gestão administrativo-financeira, será realizada uma reunião institucional entre o Ministério Público de Mato Grosso (MPMT) e o Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP), nos dias 10 e 11 de setembro, em Cuiabá. O encontro será semipresencial na sala do Colégio de Procuradores, na sede da Procuradoria-Geral de Justiça, atendendo ao protocolo de biossegurança e orientações de prevenção ao coronavírus.

Participa do evento o procurador Regional da República e conselheiro Nacional do Ministério Público Silvio Roberto Oliveira de Amorim Junior, presidente da Comissão de Controle Administrativo e Financeiro e da Comissão de Enfrentamento à Corrupção do CNMP. Também estarão presentes membros e servidores do MPMT convidados, responsáveis por iniciativas, projetos e ações em andamento sobre temas relacionados ao combate à corrupção e gestão administrativo-financeira.

A reunião institucional será aberta na quinta-feira (10), às 9h, pelo procurador-geral de Justiça de Mato Grosso, José Antônio Borges Pereira, que fará uma apresentação da estrutura organizacional do MPMT com transversalidade no enfrentamento à corrupção (Patrimônio Público). Na sequência, os promotores de Justiça Daniel Balan Zappia (Diamantino) e Ana Carolina Rodrigues Alves Fernandes (Nova Mutum) falarão, respectivamente sobre “Controle Preventivo da Publicidade de Dados Financeiros e da Execução Orçamentária – Fomento ao Controle Social” e “Projeto Valor”.

No período da tarde, serão apresentados a Força-Tarefa e Painel Covid-9, Ferramentas de Combate à Corrupção e o projeto “Onde há educação a corrupção não tem vez”. Na sexta-feira (11) haverá exposição do projeto de implantação do Programa de Governança de Dados Pessoais no MPMT (LGPD), do Portal Foco, do Banco Estadual de Projetos (BEP) e do programa Vida Plena. 

Fonte:

Comentários Facebook
publicidade

MINISTÉRIO PÚBLICO MT

MPMT lamenta morte de Procuradora de Justiça em decorrência da Covid-19

Publicado


O Ministério Público do Estado de Mato Grosso lamenta com profundo pesar o falecimento da Procuradora de Justiça Julieta do Nascimento Silva, 71 anos, em decorrência da Covid-19, nesta quinta-feira (03), em São Paulo. Integrante do MPMT desde 1990, ela tornou-se Procuradora de Justiça em junho de 2017. Atualmente, exercia o cargo de Ouvidora-Geral  Substituta do MPMT. A instituição decretará luto oficial por três dias.

Como Promotora de Justiça, atuou nas comarcas de Guiratinga, Mirassol D´Oeste, Cáceres, Santo Antônio do Leverger e Cuiabá. Também realizou vários plantões em Pontes e Lacerda. Na Capital, foi titular da 21ª Promotoria Criminal com designação para a 9ª Promotoria Criminal de Feitos Gerais. 

O Procurador-geral de Justiça em exercício, Mauro Delfino César, lamentou o ocorrido e destacou que “Julieta do Nascimento dedicou grande parte da sua vida ao Ministério Público do Estado de Mato Grosso. Incansável, ela sempre se manteve próxima da sociedade, exercendo com mister as suas atividades institucionais”, destacou. 

Em seu discurso de posse ao cargo de Procuradora de Justiça, em 2017, Julieta do Nascimento Silva enfatizou: “Fiz dezenas de trabalhos, mas dois, em especial, me marcaram bastante. A participação na primeira edição do Projeto Ribeirinho Cidadão (em 2006), onde tive a honra de ser a primeira Promotora de Justiça a representar o Ministério Público em um projeto social de grande relevância para a população ribeirinha. Outro momento importante na minha carreira foi quando, em 2015, participei da implantação da audiência de custódia, visando a humanização do sistema prisional”. 

Fonte:

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Agronegocio

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana