GERAL

MJSP lança plano para combater facções criminosas

Publicados

em


O Ministério da Justiça e da Segurança Pública (MJSP) lançou hoje (19) um Plano de Forças-Tarefas contra o crime organizado. A essência do plano é reduzir o número de crimes praticados por membros de organizações criminosas, como homicídio, latrocínio, tráfico de drogas, roubos a bancos, cargas e veículos. 

Para isso, as forças-tarefas trabalharão em ações de prevenção e repressão, com integração entre as polícias.

De acordo com o ministério, os agentes do governo federal, como Polícia Federal e Polícia Rodoviária Federal, trabalharão de forma integrada com as polícias estaduais. Outra providência será o isolamento de líderes de facções criminosas no sistema prisional, além de ações de bloqueio de bens, descapitalizando essas facções. Os estados do Rio Grande do Norte e do Ceará serão os primeiros a aderirem ao plano.

“Rio Grande do Norte e Ceará são os primeiros, porque nos ajudaram na concepção do próprio plano. Já estavam previamente preparados, cientes desde sua construção”, disse o ministro André Mendonça. 

Os estados do Paraná, Bahia, Maranhão e Pernambuco serão convidados a aderir já neste primeiro momento. Esses seis estados apresentaram os maiores aumentos nos homicídios no primeiro semestre de 2020, com comparação com o mesmo período do ano anterior.

A adesão dos estados à força-tarefa será opcional. A partir de junho, a adesão será facultada aos Estados onde estão localizadas Penitenciárias Federais. A partir de janeiro de 2022, os demais estados poderão fazer a adesão voluntária ao Plano.

O plano foi dividido em quatro eixos, atividade de inteligência entre órgãos de segurança pública; análise mapeamento criminal estratégicos; policiamento ostensivo e concentrado em ações capazes de reduzir o impacto do crime organizado; e a adoção de procedimentos investigativos capazes de reduzir o número de crimes. Trabalharão em conjunto as polícias militar, civil, penal e órgãos de polícia científica.

Edição: Aline Leal

Fonte: EBC Geral

Comentários Facebook
Propaganda

GERAL

Mega-Sena acumula e próximo concurso deve pagar R$ 40 milhões

Publicados

em


Ninguém acertou as seis dezenas do concurso 2.362 da Mega-Sena, realizado nesta quarta-feira (14) no Espaço Loterias Caixa, no Terminal Rodoviário do Tietê, em São Paulo. Os números sorteados foram 03 – 20 – 22 – 32 – 35 – 50. O próximo concurso, no sábado (17), deve pagar R$ 40 milhões.

A quina teve 41 ganhadores e cada um receberá R$ 75.848,58. A quadra teve 3.883 acertadores e pagará o prêmio individual de R$ 1.144,10.

As apostas podem ser feitas até as 19h do dia do sorteio nas lotéricas de todo o país ou pela internet, no site da Caixa. A aposta simples, com seis dezenas, custa R$ 4,50.

Edição: Fábio Massalli

Fonte: EBC Geral

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana