turismo

Meu perrengue de viagem: Perdi meu RG e fiquei preso no destino sem meus amigos

Publicado


source

Perder um documento durante uma viagem pode causar diversos problemas para o viajante e o estudante universitário Gustavo Motax sentiu isso na pele. Ele foi viajar com um grupo de amigos de carro, mas o automóvel quebrou e a única opção era voltar de ônibus. O problema é que ele não conseguia embarcar porque não encontrava seu RG. Gustavo conta que foi deixado no destino pelos amigos, que precisavam voltar para trabalhar, e precisou resolver o problema sozinho.

Gustavo com os amigos
Arquivo pessoal

Gustavo com os amigos


A história de Gustavo faz parte da série especial do iG Turismo “Me Perregue de Viagem”, que já contou a história de Camila, que  planejou uma viagem para o Caribe e acabou hospedada em uma oca com os índios, e de Thaís, que acabou  casando com um “cafetão” holandês que conheceu durante uma viagem para a Europa. Agora, confira os perrengues do estudante que perdeu seu documento:

“Um belo dia fui viajar de São Paulo para São José do Rio Preto de carro com meus amigos. No caminho, o carro quebrou e passamos algumas horas torrando no sol, sem água e nem comida, até que conseguimos chegar na tal chácara. Ficaríamos três dias por lá, mas no segundo dia o carro quebrou de vez. Chegou o dia de virmos embora, tivemos que acionar o seguro, ou seja, teríamos que voltar de ônibus para casa, mas cadê meu RG?

Lascou tudo mesmo! Fiz um Boletim de Ocorrência, porém não era permitido embarcar só com a versão digital do BO. Meus amigos tinham que ir embora, pois iriam trabalhar no dia seguinte e eu tive que ficar lá sozinho para resolver isso.

Anoiteceu e, depois de muita, mais muita insistência, consegui embarcar em um ônibus. Estava vestindo uma bermuda e uma regata e esfriou muito. Voltei passando frio a viagem toda, meu joelho virou pedra, juro que me senti o Jack congelando no ‘Titanic’, saía até fumacinha da minha boca. Tinha uma mulher sentada do meu lado com dois cobertores e, claro, ela não ofereceu um.

Chegando em São Paulo, eu fui tentar levantar da poltrona do ônibus e cai de bunda no chão, estava sem forças nas pernas por causa do frio. Fui até o metrô mancando, cheio de dores e roxos pelo corpo. O detalhe que eu descobri depois é que o RG sempre esteve dentro de uma jaqueta. Eu não o perdi, só que coloquei o documento dentro da roupa e dentro da minha mala e ele acabou voltando com o carro quebrado no guincho”.

Fonte: IG Turismo

Comentários Facebook
publicidade

turismo

Ainda não sabe o que fazer o ano novo? Veja dicas de como planejar a virada

Publicado


source

 Com menos de três meses para 2020 acabar, muitos estão esperançosos de poderem programar alguma viagem para o réveillon. Claro que assim como qualquer viagem, alguns cuidados devem ser tomados, como a compra antecipada de passagens, fazer o roteiro. Porém, por conta do coronavírus, é necessário também ver se o destino está seguindo os protocolos de segurança contra a doença. 


fogos de artíficio
PixabayReprodução

Confira os melhores destinos para você passar o ano novo


Gustavo Mariotto, gerente de marketing da Viajanet,  em entrevista ao IG Turismo deu algumas dicas de melhores destinos para você passar o ano novo. Confira. 

Quais são os destinos que são mais viáveis nesse momento?

Ainda é preciso tomar muitos cuidados nesse momento de retomada, por isso é preciso pensar bem na hora de escolher o destino. O ecoturismo pode ser uma opção viável, devido a menor quantidade de contato com outras pessoas e o amplo espaço ao ar livre. 

“Alguns lugares que se destacam são: Bonito (MS), Brotas (SP), Chapada dos Veadeiros (GO) e Ilha do Mel (PR)”, sugere o especialista. 

E se quiser ir para a praia?

Tradicionalmente o brasileiro gosta de virar o ano nas praias. O principal problema de viajar para esses destinos durante a pandemia é devido a aglomeração, quefacilitar a propagação do coronavírus.

Pensando nisso, Mariotto dá algumas dicas de lugares que você pode escolher se quiser passar o ano novo com maior tranquilidade: 

Búzios – Rio de Janeiro

A Armação de Búzios é uma antiga vila de pescadores que, apesar de pequena, traz muitos atrativos para os visitantes.  O lugar ganhou fama mundial com a presença da musa francesa Brigitte Bardot em suas areias nos anos 60. O turista tem as condições ideais para curtir as mais de 20 praias e escolher as que mais se ajustam ao seu perfil. 

Ilha de Boipeba – Bahia

Localizada a 170 km de Salvador, em uma região que foi reconhecida pela UNESCO como Reserva da Biosfera e Patrimônio da Humanidade, a Ilha de Boipeba atrai turistas de todas as partes do Brasil que procuram se distanciar da vida moderna. Sua costa protegida por recifes de corais garantem o mar tranquilo em suas praias de areia clara e com vários coqueiros. 

São Miguel dos Milagres – Alagoas 

Praia praticamente intocada, poucos destinos são tão indicados quanto São Miguel dos Milagres. A 100 km de Maceió, a cidadezinha tem praias de águas mornas e verdes. Suas piscinas naturais tornam o local ideal para atividades como nadar, praticar mergulho ou passear de jangada. Com tanta beleza, se esticar em suas areias clarinhas para contemplar o visual também é um excelente programa.

E quais os melhores destinos pra quem quer ir pra serra? 

Você quer passar o ano novo em um lugar mais tranquilo e com a família? Também tem opções para você, confira.

Gramado- Rio Grande do Sul 

A cidade de Gramado, localizada na Serra Gaúcha, está a apenas 115 km de Porto Alegre. Além de ser um dos lugares com melhor infraestrutura do país para atender aos turistas, Gramado proporciona uma diversificada gastronomia – seja ela italiana, alemã ou suíça -, chocolates artesanais, belíssimas paisagens em parques, mirantes e vales. Isso pode ser conferido em um charmoso passeio de Maria Fumaça, que passa pelo Vale dos Vinhedos.

Em Gramado, há ainda outras opções de passeios, como ao bucólico Lago Negro, a cidade-miniatura chamada de Mini Mundo e o museu de cera Dreamland. O visitante também pode aproveitar para conhecer a sua vizinha Canela, acessível até a pé ou de bicicleta. Entre as atrações destaca-se a Catedral de Pedra. Para melhorar, o período é de baixa temporada na cidade, o que reduz substancialmente os custos envolvidos na viagem.

Campos do Jordão – São Paulo 

Campos do Jordão é uma cidade montanhosa localizada no interior de São Paulo que recebe milhares de turistas atraídos pelas baixas temperaturas. Inspirada na arquitetura alemã, há diversos pontos especiais, como chalés e restaurantes com comidas deliciosas, como fondues. Outro passeio que você deve realizar é a viagem de trem de Campos do Jordão até Santo Antônio do Pinhal.

Fonte: IG Turismo

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Agronegocio

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana