diamantino

Médico toma posse na Prefeitura de Diamantino e promete gestão humanizada

Publicados

em

Tomou posse no dia 1º de janeiro o prefeito de Diamantino, Manoel Loureiro Neto (MDB) e seu vice, Jozenil Costa Lube Bodão (PSD), que receberam 47,61% dos votos validos nas eleições de 2020. Somadas todas as urnas foram contabilizados 5.588 votos proporcionando a vitória sobre o então prefeito Eduardo Capistrano de Oliveira.

Em seu discurso de posse, Manoel reafirmou o compromisso de campanha prometendo realizar uma gestão humanizada e focada nas pessoas.

“Tenho noção da responsabilidade e dos desafios que terei ao administrar um município histórico, mas estamos prontos, faremos uma gestão para todos, com equilíbrio, moderação e respeito ao servidor e ao cidadão”, disse Dr. Manoel. “Agradeço a cada um dos votos de confiança e com humildade vamos ouvir e nos aperfeiçoar para cuidar da nossa gente”, concluiu o gestor.

Biografia

Manoel Loureiro Neto nasceu no município de Rosário Oeste, no dia 28 de julho de 1963. Filho de veterinário e de professora formou-se em medicina pela Faculdade de Medicina de Itajubá, no Estado de Minas Gerais, é fundador do Hospital e Maternidade Laura de Vicunã em Nobres, é político e também pai dos médicos Renan Cesar Loureiro e Emanuelle Loureiro e avô do pequeno Cauãn.

Com 14 anos de idade, Manoel deixou Rosário Oeste para se dedicar aos estudos na capital do Estado, cursando todo o ensino fundamental e médio no Colégio Salesiano São Gonçalo, até ser admitido no ano de 1981 no curso de medicina da FMIT, Faculdade de Medicina de Itajubá, na região sul do Estado de Minas Gerais.

Em 1986, com a formação superior concluída, foi à Santos no Estado de São Paulo fazer residência médica em pediatria, sendo essa a primeira de outras 3 especializações futuras nas áreas de medicina do trabalho, medicina do tráfego e medicina legal.

Em 1988, iniciou sua carreira como médico no município de Nobres, Mato Grosso, onde edificou o Hospital e Maternidade Laura de Vicunã, unidade que permaneceu por 8 anos e hoje é referência em toda a região em tratamentos multidisciplinares de média complexidade

No ano de 1996, a convite do saudoso Dr. Leônidas Nascimento Vidigal, e sua irmã “Benta” veio à Diamantino para integrar o corpo clínico do Hospital são João Batista, como médico pediatra, permanecendo nesta cidade até os dias atuais, onde atua também como servidor público estadual concursado, exercendo a função de médico legista na Perícia Oficial de Identificação Técnica (Politec).

POLÍTICA

Na política, Dr. Manoel acumula experiência e competência, iniciando sua carreira investido no cargo de vereador pelo município de Rosário Oeste, Mato Grosso, onde permaneceu por dois mandatos, chegando a presidente da Câmara.

Posteriormente, foi candidato ao cargo de prefeito no município de Nobres, Mato Grosso, onde terminou o sufrágio em segundo lugar, com uma diferença de apenas 2,8% para o primeiro colocado.

Foi também vereador pelo município de Diamantino, Mato Grosso, concluindo dois mandados, sendo um deles também investido no cargo de presidente desta Casa de Leis e desde o dia 1º de janeiro de 2020 é prefeito municipal de Diamantino.

Comentários Facebook
Propaganda

diamantino

REFIS proporciona até 100% de desconto para contribuintes com débito municipal em Diamantino

Publicados

em


Quem tiver dividas com o município de Diamantino terá a partir de hoje, 20 de julho uma boa oportunidade para quitar os débitos com até 100% de desconto em juros e multas, por meio do Programa de Recuperação Fiscal 2021 (Refis). As guias de pagamento poderão ser baixadas e impressas através do site institucional da Prefeitura de Diamantino, clicando aqui.

O Refis 2021 permite que o contribuinte renegocie e realize a quitação dos seus tributos municipais como o imposto territorial e predial urbano (IPTU), imposto sobre serviços de qualquer natureza (ISSQN), Imposto sobre Imposto sobre Transmissão de Bens Imóveis  (ITBI) e outras taxas que tiverem em atraso, ou fase de cobrança administrativa e judicial.

Para manter as medidas de distanciamento para evitar o avanço do contágio da covid-19 no município e em cumprimento ao Decreto de Lei 125/2021, as negociações dos débitos referente ao Refis 2021 serão realizadas a partir desta terça-feira (20.07), a partir do meio dia, no auditório da Secretaria Municipal de Educação e Cultura, localizada na Rua Major Caetano Dias, S/N, no Centro de Diamantino.

DESCONTOS REFIS 2021

Débitos relativos a IPTU, ISSQN, ITBI vencidos até 31.12.2020, terão descontos de até 100% nos juros e multas para pagamento a vista. Para parcelamento em até 48 vezes, os descontos variam de 10% a 90% e os valores das parcelas não poderão ser inferiores a R$ 60,00 para contribuintes pessoas físicas e de R$ 150,00 para pessoas jurídicas e o não pagamento ou atraso no pagamento das parcelas incidirá a multa de 0,33% de acréscimo por dia.

O contribuinte tem até o dia 30 de setembro para realizar a renegociação dos débitos e também poderá fazê-lo, através do site www.diamantino.mt.gov.br/

Confira abaixo a tabela de progressão de descontos:

Art. 12 – Os créditos tributários e não tributários, com fatos geradores até 31 de dezembro de 2020, inscritos em dívida ativa ou não, podem ser liquidados nas seguintes condições:

I – Desconto de 100% (cem por cento) sobre o valor dos juros de mora e sobre o valor da multa moratória e punitiva para o contribuinte ou responsável que aderir ao REFIS – Programa de Recuperação Fiscal e optar pelo pagamento em parcela única, no prazo máximo de 10 (DEZ) dias da opção pelo Refis;

II – Desconto de 90% (noventa por cento) sobre o valor dos juros de mora e sobre o valor da multa moratória e punitiva para o contribuinte ou responsável que aderir ao REFIS – Programa de Recuperação Fiscal e pagar o débito em até 03 (três) parcelas, sendo a primeira no prazo máximo de 10 dias da opção pelo Refis e as demais a cada 30 (trinta) dias, sucessivamente;

III – Desconto de 80% (oitenta por cento) sobre o valor dos juros de mora e sobre o valor da multa moratória e punitiva, para o contribuinte ou responsável que aderir ao REFIS – Programa de Recuperação Fiscal e pagar o débito em até 06 (seis) parcelas, sendo a primeira no prazo máximo de 10 dias da opção pelo Refis e as demais a cada 30 (trinta) dias, sucessivamente;

IV – Desconto de 70% (setenta por cento) sobre o valor dos juros de mora e sobre o valor da multa moratória e punitiva , para o contribuinte ou responsável que aderir ao REFIS – Programa de Recuperação Fiscal e pagar o débito em até 12 (doze) parcelas, sendo a primeira no prazo máximo de 10 dias da opção pelo Refis e as demais a cada 30 (trinta) dias, sucessivamente;

V – Desconto de 60% (sessenta por cento) sobre o valor dos juros de mora e sobre o valor da multa moratória e punitiva, para o contribuinte ou responsável que aderir ao REFIS – Programa de Recuperação Fiscal e pagar o débito em até 18 (dezoito) parcelas, sendo a primeira no prazo máximo de 10 dias da opção pelo Refis e as demais a cada 30 (trinta) dias, sucessivamente;

VI – Desconto de 50% (cinqüenta por cento) sobre o valor dos juros de mora e sobre o valor da multa moratória e punitiva, para o contribuinte ou responsável que aderir ao REFIS – Programa de Recuperação Fiscal e pagar o débito em até 24 (vinte e quatro) parcelas, sendo a primeira no prazo máximo de 10 dias da opção pelo Refis e as demais a cada 30 (trinta) dias, sucessivamente;

VII – Desconto de 40% (quarenta por cento) sobre o valor dos juros de mora e sobre o valor da multa moratória e punitiva, para o contribuinte ou responsável que aderir ao REFIS – Programa de Recuperação Fiscal e pagar o débito em até 30 (trinta) parcelas, sendo a primeira no prazo máximo de 10 dias da opção pelo Refis e as demais a cada 30 (trinta) dias, sucessivamente;

VIII – Desconto de 30% (trinta por cento) sobre o valor dos juros de mora e sobre o valor da multa moratória e punitiva, para o contribuinte ou responsável que aderir ao REFIS – Programa de Recuperação Fiscal e pagar o débito em até 36 (trinta e seis) parcelas, sendo a primeira no prazo máximo de 10 dias da opção pelo Refis e as demais a cada 30 (trinta) dias, sucessivamente;

IX – Desconto de 20% (vinte por cento) sobre o valor dos juros de mora e sobre o valor da multa moratória e punitiva, para o contribuinte ou responsável que aderir ao REFIS – Programa de Recuperação Fiscal e pagar o débito em até 42 (quarenta e duas) parcelas, sendo a primeira no prazo máximo de 10 dias da opção pelo Refis e as demais a cada 30 (trinta) dias, sucessivamente;

X – Desconto de 10% (dez por cento) sobre o valor dos juros de mora e sobre o valor da multa moratória e punitiva, para o contribuinte ou responsável que aderir ao REFIS – Programa de Recuperação Fiscal e pagar o débito em até 48 (quarenta e oito) parcelas, sendo a primeira no prazo máximo de 10 dias da opção pelo Refis e as demais a cada 30 (trinta) dias, sucessivamente.

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana