mato grosso

Mato Grosso registra 65.346 casos de Covid-19; taxa de ocupação das UTIs está em 76,52%

Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, há 296 internações em UTIs públicas e 269 em enfermarias públicas. A taxa de ocupação está em 76,52% para UTIs adulto e em 30,43% para enfermarias adulto.

Publicado

Taxa de ocupação das UTIs está em 76,52% | Foto: Gcom-MT

A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) notificou, até a tarde desta segunda-feira (10.08), 65.346 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados 2.204 óbitos em decorrência do coronavírus no Estado e 57 mortes nas últimas 24 horas.

Foram registradas 1.666 novas confirmações de coronavírus no Estado. Dos 65.346 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 20.013 estão em monitoramento e 43.129 estão recuperados.

Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, há 296 internações em UTIs públicas e 269 em enfermarias públicas. Isto é, a taxa de ocupação está em 76,52% para UTIs adulto e em 30,43% para enfermarias adulto.

Dentre os dez municípios com maior número de casos de Covid-19, estão Cuiabá (13.958), Várzea Grande (5.234), Rondonópolis (4.001), Lucas do Rio Verde (3.326), Sorriso (3.089), Tangará da Serra (2.772), Sinop (2.357), Primavera do Leste (2.108), Nova Mutum (1.623) e Campo Novo do Parecis (1.271).

O documento ainda aponta que um total de 60.332 amostras já foram avaliadas pelo Laboratório Central do Estado (Lacen-MT) e que, atualmente, restam 2.685 amostras em análise laboratorial.

Painel Covid-19

A partir de terça-feira (11.08), não será disponibilizado o Boletim Informativo na versão em PDF. Todas as informações estarão disponíveis no painel COVID-19, no site da Secretaria Estadual de Saúde. A mudança é importante porque a nova plataforma é interativa, dispõe de compartilhamento em redes sociais e facilita o acesso aos dados.

O painel será´ atualizado às 16h e ficara´ disponível para consulta diariamente a partir das 17h, neste link: http://www.saude.mt.gov.br/painelcovidmt/

Cenário nacional

Nesta segunda-feira (10), o Governo Federal confirmou 3.057.470 casos da Covid-19 no Brasil e 101.752 óbitos oriundos da doença. No levantamento do dia anterior, o país contabilizava 101.049 óbitos e 3.035.422 casos confirmados de pessoas infectadas pelo coronavírus.

Recomendações

Atualmente, não existe vacina para prevenir a infecção pelo novo coronavírus. A melhor maneira de prevenir a infecção é evitar ser exposto ao vírus. Os sites da SES e do Ministério da Saúde dispõem de informações oficiais acerca do novo coronavírus. A orientação é de que não sejam divulgadas informações inverídicas, pois as notícias falsas causam pânico e atrapalham a condução dos trabalhos pelos serviços de saúde.

O Ministério da Saúde orienta os cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o novo coronavírus. Entre as medidas estão:

– Lavar as mãos frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos. Se não houver água e sabão, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool;

– Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas;

– Evitar contato próximo com pessoas doentes;

– Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo;

– Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
publicidade

mato grosso

Governo abre licitação para recuperar Trincheira Jurumim em Cuiabá

Publicado


O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra), abriu processo licitatório para a contratação de empresa de engenharia para a restauração do pavimento e recuperação da estrutura de concreto da Trincheira Jurumirim, localizada na Avenida Miguel Sutil, em Cuiabá.

A construção da Trincheira Jurumirim, idealizada para Copa do Mundo de 2014, foi entregue e liberada para o tráfego naquele ano, apesar de a obra não estar totalmente concluída, com 97,8% dos serviços executados. Na época, faltavam serviços complementares de paisagismo, mas o contrato foi encerrado em razão de embaraços jurídicos e administrativos.

No entanto, foram diagnosticadas falhas no pavimento posteriormente à entrega da obra e a Sinfra teve que fazer um levantamento técnico dos problemas existentes ao longo da estrutura, de acordo com o secretário-adjunto de Obras Especiais da Sinfra, Isaac Nascimento Filho.

Com esse diagnóstico de engenharia pronto, a obra está sendo retomada para conclusão e entrega em definitivo ao Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT).   O valor do orçamento estimado para a execução das melhorias em 1,32 quilômetro de extensão da trincheira, entre os bairros Jardim Leblon e Bosque da Saúde, é de R$ 14,2 milhões.

“As correções tratarão não só as patologias no pavimento ao longo de toda a trincheira, mas também as infiltrações e problemas com as juntas de dilatação na parte superior, ou seja, nas pistas marginais também. Assim que fizermos essas correções poderemos entregar a obra 100% para o DNIT”, esclareceu.

O secretário explicou ainda que todos os investimentos com as melhorias na trincheira serão custeados, neste primeiro momento, pelo Estado, para finalizar o quanto antes essa obra. Porém, o Estado vai buscar ressarcimento junto à construtora responsável, em razão de as melhorias serem necessárias devido à má execução do projeto.

Licitação

Conforme o edital de licitação, o processo será na modalidade concorrência pública, do tipo menor preço. A sessão pública de abertura das propostas será realizada no dia 1º de dezembro, às 9h, na sala de reuniões da própria Sinfra. A licitação também é transmitida em tempo real pelo canal do Youtube da Sinfra.

Tanto o projeto executivo, quanto demais documentações complementares, assim como o edital, encontram-se disponíveis no site da Sinfra para consulta. Eventuais esclarecimentos de dúvidas quanto ao edital poderão ser solicitados, preferencialmente, via e-mail [email protected], até cinco dias anteriores à sessão pública.

Outras melhorias

Além da trincheira Jurumirim, o Governo do Estado vai recuperar mais uma obra idealizada para a Copa do Mundo de 2014: a trincheira do Complexo Viário do Tijucal, em Cuiabá. Serão realizados serviços de restauração, com reparos pontuais no pavimento e a substituição de drenos das cortinas que apresentem algum tipo de comprometimento em sua eficiência.

Os serviços serão executados em um prazo de até 30 dias e todo o projeto de restauração será executado como parte do contrato firmado em 2012, na ordem de R$ 32 milhões. Desse modo, o Estado não terá custos adicionais com a execução das melhorias de infraestrutura.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Agronegocio

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana