Novo Coronavírus

Mato Grosso registra 117.299 casos; 83,4% dos infectados estão recuperados

Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, 255 internações em UTIs públicas e 283 em enfermarias públicas. A taxa de ocupação está em 60,71% para UTIs adulto e em 32% para enfermarias adulto.

Publicado

A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) notificou, até a tarde desta quarta-feira (23.09), 117.299 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados 3.336 óbitos em decorrência do coronavírus no Estado.

Foram notificadas 1.299 novas confirmações de casos de coronavírus no Estado. Dos 117.299 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 15.263 estão em isolamento domiciliar e 97.938 estão recuperados.

Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, 255 internações em UTIs públicas e 283 em enfermarias públicas. Isto é, a taxa de ocupação está em 60,71% para UTIs adulto e em 32% para enfermarias adulto.

Dentre os dez municípios com maior número de casos de Covid-19 estão: Cuiabá (22.916), Várzea Grande (8.765), Rondonópolis (8.520), Lucas do Rio Verde (5.353), Sorriso (4.956), Sinop (4.844), Tangará da Serra (4.785), Primavera do Leste (3.810), Cáceres (2.630) e Campo Novo do Parecis (2.615).

A lista detalhada com todas as cidades que já registraram casos da Covid-19 em Mato Grosso pode ser acessada por meio do Painel Interativo da Covid-19, disponível neste link.

O documento ainda aponta que um total de 93.872 amostras já foram avaliadas pelo Laboratório Central do Estado (Lacen-MT) e que, atualmente, restam 582 amostras em análise laboratorial.

Cenário nacional

Na última terça-feira (22), o Governo Federal confirmou o total de 4.591.604 casos da Covid-19 no Brasil e 138.108 óbitos oriundos da doença. No levantamento do dia anterior, o país contabilizava 137.272 óbitos e 4.558.068 casos confirmados de pessoas infectadas pelo coronavírus.

Até o fechamento deste material, o Ministério da Saúde não divulgou os dados atualizados de quarta-feira (23).

Recomendações

Atualmente, não existe vacina para prevenir a infecção pelo novo coronavírus. A melhor maneira de prevenir a infecção é evitar ser exposto ao vírus. Os sites da SES e do Ministério da Saúde dispõem de informações oficiais acerca do novo coronavírus. A orientação é de que não sejam divulgadas informações inverídicas, pois as notícias falsas causam pânico e atrapalham a condução dos trabalhos pelos serviços de saúde.

O Ministério da Saúde orienta os cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o novo coronavírus. Entre as medidas estão:

– Lavar as mãos frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos. Se não houver água e sabão, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool;
– Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas;
– Evitar contato próximo com pessoas doentes;
– Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo;
– Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
publicidade

mato grosso

Recadastramento de servidores ativos começa dia 1º de novembro

Publicado


O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Planejamento e Gestão, começa no próximo dia 1º de novembro a atualização cadastral periódica dos servidores ativos e empregados públicos do Estado. Este ano o recadastramento obrigatório será realizado através do Portal do Servidor e estará interligado à ferramenta Banco de Talentos disponibilizada em março deste ano a todos os órgãos do Executivo. A Instrução Normativa que regulamenta a decisão foi publicada nesta quarta-feira (28) no Diário Oficial.

O recadastramento segue até 15 de dezembro e quem não atualizar os dados terá o salário suspenso até a efetiva regularização cadastral. Outra novidade este ano é que algumas informações utilizadas pelos sistemas Aplic do Tribunal de Contas do Estado e Social do Governo Federal também serão solicitadas. Cerca de 50 mil servidores e empregados públicos ativos deverão se recadastrar.

Também serão solicitadas confirmação e atualização de dados pessoais e dos dependentes, documento de identificação e comprovante de endereço legíveis, confirmação de dados acadêmicos, de capacitação e informações funcionais, bem como a indicação por meio da matrícula da chefia imediata ou do responsável pela unidade de Gestão de Pessoas para validação do vínculo funcional.

Vale lembrar que para acessar o Portal do Servidor, o servidor deverá estar com e-mail atualizado no Sistema Estadual de Gestão de Pessoas (Seap). Caso contrário, a atualização deverá ser solicitada na setorial de Gestão de Pessoas do órgão de origem.

A inserção de dados falsos na atualização cadastral será apurada mediante procedimento disciplinar, mantida a possibilidade de aplicação das demais penalidades previstas em lei. O descumprimento da obrigação da atualização cadastral periódica, acarretará a suspensão do pagamento da remuneração do servidor público inadimplente até a efetiva regularização cadastral.

Banco de Talentos

O Banco de Talentos constitui-se numa ferramenta de gestão estratégica de pessoas que possibilita conhecer as competências dos servidores e realizar cruzamentos desses perfis com a necessidade dos diversos órgãos e entidades através de um sistema de banco de dados com informações pessoais e profissionais dos servidores públicos estaduais.

De acordo com o titular da Seplag, Basílio Bezerra, a utilização dessa ferramenta auxilia no melhor aproveitamento do potencial do profissional. “Ao alinharmos o perfil dos servidores, seus conhecimentos, qualificação profissional, suas habilidades, e suas atitudes com o perfil necessário em cada setor, facilitaremos os processos de realocação de servidores e compatibilização do perfil profissional com as atividades a serem desenvolvidas. Por isso é importante que o servidor preencha os campos com suas informações profissionais”.   

Essas informações poderão ser usadas no processo de movimentação de pessoal entre órgãos, ficando disponível para consulta das secretarias, empresas e autarquias interessadas em determinado tipo de perfil funcional. E também serão usadas no redimensionamento da força de trabalho.

O Banco de Talentos está entre as ações voltadas para o desenvolvimento profissional do Estado. Ele faz o mapeamento do perfil de trabalho de todos os servidores públicos estaduais levando em conta seus conhecimentos e habilidades para atividades estratégicas e específicas.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Agronegocio

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana