ENTRETENIMENTO

Maria Zilda diz que Maitê Proença só pensa em dinheiro: “Só faz live se pagarem’

Publicado


source
Maria Zilda e Maitê Proença
Reprodução

Maria Zilda e Maitê Proença


Maria Zilda Bethlem continua com a língua ferina. Durante uma conversa com Carolina Ferraz na noite desta segunda-feira (14), a atriz duvidou quando a apresentadora do ‘Domingo Espetacular’, da Record, falou sobre a movimentação dos artistas para ajudar os trabalhadores do meio por conta da pandemia do coronavírus. Carol revelou que Maitê Proença, por exemplo, estaria doando toda a renda de um monólogo para ajudar a classe artística.

“Acho muito difícil porque a Maitê é uma pessoa que gosta muito de dinheiro, inclusive ela só faz live se pagarem. Não estou criticando, não estou julgando porque cada um faz o que quiser da sua vida”.

Tentando colocar panos quentes na conversa, Carolina deu uma amenizada. “Independente ser ou não por dinheiro. No caso desta peça, deste monólogo, eu soube que estava, sim, sendo revertida. Uma parte ou inteira… sei lá. É uma atitude legal”.

Ver essa foto no Instagram

14/09/2020

Uma publicação compartilhada por Maria zilda bethlem (@mariazildabethlem) em 14 de Set, 2020 às 5:50 PDT


Fonte: IG GENTE

Comentários Facebook
publicidade

ENTRETENIMENTO

Ana Furtado é a madrinha da campanha de 2020 do Outubro Rosa

Publicado


source
Ana Furtado é a madrinha da campanha Outubro Rosa
Divulgação/FundaçãoLaçoRosa

Ana Furtado é a madrinha da campanha Outubro Rosa


A apresentadora Ana Furtado foi escolhida como a madrinha da campanha 2020 do Outubro Rosa, que já começa nesta quinta-feira (1) com a iluminação do Cristo Redentor, às 18h e, em seguida, uma live com a cantora Maria Rita e apresentação de Adriane Galisteu, direto do Hotel Fasano

A Fundação Laço Rosa, reconhecida nacionalmente pela luta para diminuir as desigualdades de acesso e tratamento do câncer, está à frente de mais uma campanha, que neste ano tem o tema #DoarSalva.

“A pandemia escancarou a fratura exposta que vivemos diariamente na saúde brasileira e acordou a sociedade para a importância do terceiro setor no dia a dia do país. Nunca antes na história do Brasil tivemos tantas doações financeiras ajudando as pontas mais vulneráveis e esse é um movimento que não tem mais volta. Doar precisa estar na cultura da população porque vimos que #doarsalva”, explica Marcelle Medeiros, presidente da Fundação Laço Rosa.

Fonte: IG GENTE

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Agronegocio

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana