esportes

Máquina de gols: Cano decide outra vez e ganha elogios até da Fifa

Publicado


.

O bom momento do argentino Germán Cano pelo Vasco transcendeu os limites da Série A do Campeonato Brasileiro. A Fifa, entidade máxima do futebol mundial, destacou a fase do atacante em postagem nas redes sociais, chamando-o de “máquina de gols” e indagando se ele seria o primeiro estrangeiro a terminar a competição brasileira como artilheiro.

No último domingo (6), Cano balançou as redes pela quinta vez neste Brasileiro, definindo a vitória vascaína sobre o Athletico-PR, em São Januário, por 1 a 0. Ele é o vice-artilheiro da Série A, com um gol (e um jogo disputado) a menos que o atacante Thiago Galhardo, do Internacional. Na temporada, o argentino tem 14 gols em 21 partidas.

A fase goleadora de Cano segue o roteiro das últimas duas temporadas da carreira do atacante no Independiente Medellín. Pelo time colombiano, ele marcou 77 gols em 112 jogos. Em 2019, foram 41 bolas na rede (35 delas pelo campeonato nacional) em 47 exibições. Uma média de 0,9 gols por partida.

A vitória diante do Furacão levou o Vasco a 14 pontos, na quarta posição da Série A, a três pontos do líder Internacional, que tem um jogo a mais. O cruzmaltino é o melhor time carioca até o momento na competição. O Athletico, por sua vez, é o 16º colocado, com sete pontos, e não vence há seis partidas.

O Rubro-Negro paranaense só não entrou na zona de rebaixamento porque o rival Coritiba perdeu em casa para o Atlético-MG, por 1 a 0, também no domingo, com gol do atacante Eduardo Sasha. O Coxa é o 17º, com os mesmos sete pontos do Athletico, mas, superado pelo saldo de gols. O Galo, com 15 pontos, é o terceiro.

Quem começa a ficar para trás na briga pelo título é o Grêmio. Em Goiânia, o Tricolor chegou ao sexto jogo sem vitória pelo Brasileirão ao empatar com o Atlético-GO, por 1 a 1. O meia Edson colocou o Dragão a frente, mas o atacante Isaque empatou para os gaúchos, que ocupam o 14º lugar, com oito pontos. Os goianos, com seis pontos, completaram sete partidas sem ganhar e estão na 18º posição, no Z-4.

Rival atleticano, o Goiás sofreu a quarta derrota na Série A, em seis jogos – a equipe tem duas partidas a menos que os demais times. Em Recife, o Esmeraldino foi superado pelo Sport, por 2 a 1. O atacante Leandro Barcia e o meia Marquinhos marcaram para o Leão, que agora é o nono, com 10 pontos. O atacante rubro-negro Elton, contra, descontou para o clube de Goiânia.

Veja os jogos da nona rodada do Brasileirão, no horário de Brasília.

Quarta-feira (9)

17h30 – Athletico-PR x Botafogo

18h – Fortaleza x Sport

18h – Goiás x Coritiba

19h15 – São Paulo x Red Bull Bragantino

21h30 – Fluminense x Flamengo

21h30 – Santos x Atlético-MG

Quinta-feira (10)

19h15 – Corinthians x Palmeiras

19h15 – Internacional x Ceará

19h15 – Bahia x Grêmio

21h – Vasco x Atlético-GO

 

Confira a classificação da Série A do Campeonato Brasileiro.

 

Edição: Lílian Beraldo

Comentários Facebook
publicidade

esportes

Juventude encerra participação no Brasileiro de Aspirantes

Publicado


O Juventude se despediu do Campeonato Brasileiro de Aspirantes na semifinal da competição. Atuando na tarde desta quinta-feira (14) a equipe alviverde foi superada pelo Ceará pelo placar de 1 a 0, no CT Cidade Vozão, em Itaitinga-CE. O gol da vitória cearense saiu aos 12 minutos do primeiro tempo com Rafael Carvalhaes.
O jogo
Precisando reverter a vantagem do Ceará, que venceu o primeiro jogo semifinal por 2 a 0, o Juventude adotou uma postura ofensiva desde o início do confronto. Aos cinco minutos duas grandes oportunidades, com Kelvin e Nicolas, que pararam em belas defesas de André Luiz. Em rápido contra-ataque, os donos da casa abriram o placar com Rafael Carvalhaes, que tocou na saída de William.
O gol não abalou o time alviverde, que insistiu pressionando em busca de diminuir a desvantagem. Após cobrança de falta de Marcos Vinícios, Nicolas concluiu por cima. Em outro levantamento na área, Kelvin desviou e a bola foi pela linha de fundo. Antes do intervalo da partida, William defendeu uma cobrança de pênalti.
No segundo tempo o panorama seguiu o mesmo. O Ju manteve a bola sob seu controle, mas parava na forte marcação do time cearense. Aos três minutos, Marcos Vinícios foi lançado na área e bateu rasteiro para firme defesa de André Luiz. Na última tentativa alviverde Nicolas levantou na área para Gilmar, que dividiu com o goleiro, e não conseguiu marcar.

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Agronegocio

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana