BRASIL E MUNDO

Iraque: explosão de tanque de oxigênio em hospital mata 82 pessoas

Publicados

em


Um incêndio causado pela explosão de um tanque de oxigênio em um hospital que trata pacientes com covid-19 em Bagdá, no Iraque, matou pelo menos 82 pessoas e obrigou algumas a pularem do prédio em chamas pelas janelas, disseram testemunhas e autoridades neste domingo.

Enquanto as equipes de resgate vasculhavam o prédio carbonizado, o primeiro-ministro Mustafa al-Kadhimi culpou a negligência e suspendeu seu ministro da Saúde, Hassan al-Tamimi. Será realizado um inquérito sobre o incêndio, ocorrido no sábado (24), no hospital Ibn Khatib.

Cerca de 110 pessoas ficaram feridas, disse o porta-voz do Ministério do Interior, Khalid al-Muhanna. A maioria dos mortos e feridos eram pacientes.

Já dizimado pela guerra e por sanções econômicas, o sistema de saúde do Iraque tem encontrado dificuldades para lidar com a crise do novo coronavírus, que matou 15.257 pessoas e infectou mais de 1 milhão.

As forças de segurança isolaram o hospital, que fica na área da ponte Diyala na capital iraquiana, onde destroços carbonizados e vidros estilhaçados se espalharam pelo chão.

Conforme as chamas se espalhavam no sábado, parentes dos pacientes lutavam para salvar seus entes queridos, com alguns conseguindo tirá-los do perigo.

“Levei meu irmão para a rua. Depois voltei e subi até o último andar, que não estava pegando fogo. Encontrei uma menina sufocando, tinha cerca de 19 anos. Ela estava prestes a morrer”, disse Ahmed Zaki à Reuters.

“Peguei ela nos ombros e desci correndo. Os médicos pulavam em direção aos seus carros. Muita gente pulou. E continuei subindo dali, peguei algumas pessoas e desci de novo.”

Comentários Facebook
Propaganda

BRASIL E MUNDO

VÍDEO: homem põe fogo na casa da ex com ela e o filho do casal dentro no RJ

Publicados

em


source
Damião Lucas Matias de Moraes, de 28 anos, foi preso por tentativa de feminicídio
Divulgação

Damião Lucas Matias de Moraes, de 28 anos, foi preso por tentativa de feminicídio

Um homem identificado como Damião Lucas Matias de Moraes, de 28 anos, nesta terça-feira (27), colocou fogo na casa da ex-companheira com ela e o filho do casal dentro, em Imbiriê, Duque de Caxias, na Baixada Fluminense (RJ). A vítima registrou na câmera do celular o momento que ele começa a ação. Veja abaixo. O homem foi preso na última terça-feira (26) por tentativa de feminicídio.

A vítima relatou ao delegado Marcos Santana Gomes, titular da 62ªDP (Imbariê), que Damião, por não aceitar o término do relacionamento, que ocorreu há cerca de um mês, vinha lhe ameaçando através de áudios dizendo que iria queimá-la viva.

“No dia do crime ele entrou na casa com um galão de gasolina, obrigou a vítima a sentar no sofá da sala e lançou o combustível no cômodo e ateou fogo no sofá embebido de gasolina”, disse o delegado.

A jovem de 23 anos gravou o momento em que ele começa a execução do crime. Na gravação, a qual O DIA teve acesso, ela faz menção ao filho que estava em casa e o cheiro de gasolina derramada no local.

“Não tem volta, tá decidido”, iniciou Damião. “Precisa fazer isso?”, questionou ela. “Você não tem ninguém mais. Eu não tenho família”, disse o homem. “Aí você vai fazer isso comigo e com teu filho? Olha o cheiro, você vai acabar botando fogo na casa, cara. Para com isso”, pediu a vítima.

A perícia concluiu que Damião arrombou a porta para entrar na casa e que o foco do incêndio é o sofá, local onde a vítima ficou sentada a mando do homem.

De acordo com a polícia, a jovem sofreu algumas queimaduras e disse que só escapou com a ajuda de vizinhos, que viram a casa pegando fogo. A criança, de 2 anos, que estava dormindo no quarto, não se feriu. O caso está sendo investigado pela 62ªDP (Imbariê).

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana