mato grosso

Inclusão de atividade remunerada na CNH pode ser feita pelo MT Cidadão

Publicados

em


Os cidadãos que desejam incluir atividade remunerada em sua habilitação podem solicitar o serviço diretamente pelo aplicativo MT Cidadão. A abertura do requerimento para atividade remunerada (EAR), que antes era realizada somente presencialmente, agora pode ser iniciada de forma online, sem necessidade de deslocamento até as unidades do Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso (Detran-MT).

O serviço é o terceiro mais procurado na Diretoria de Habilitação, ficando atrás da renovação de CNH e da abertura de processo para a primeira habilitação. De janeiro a outubro deste ano, mais de 6 mil processos para inclusão de atividade remunerada foram abertos em todo o Estado. A procura maior é por motoristas das categorias C, D e E. 

Para fazer a inclusão de atividade remunerada na habilitação, basta realizar o download do aplicativo MT Cidadão no smartphone, fazer o cadastro inicial, acessar o menu “serviços”, clicar na aba “documentos”, em seguida “CNH” e por fim em “atividade remunerada”. 

Será solicitado dados como: endereço, telefone para contato e confirmação dos dados pessoais. Feito isso, basta aguardar a chegada da CNH em casa, caso tenha marcado essa opção. O prazo para a entrega dos Correios é de 10 dias para Cuiabá e 15 dias para o interior. Se optar pela retirada em alguma unidade do Detran, o prazo é de 5 dias. 

Antes, a inclusão de atividade remunerada só poderia ser requerida durante o processo para primeira habilitação ou no momento da renovação da CNH. Agora, a atividade remunerada pode ser incluída na CNH a qualquer momento, sendo necessário o condutor passar por uma avaliação psicológica em clínica psicológica credenciada pelo Detran-MT indicada no aplicativo.  

O diretor de Habilitação do Detran-MT, Alessandro de Andrade, ressalta que o órgão vem digitalizando os serviços visando a comodidade e a praticidade dos cidadãos, além de reduzir a necessidade de deslocamento das pessoas até as unidades do Detran-MT.

‘‘Tornamos o Detran mais acessível, com a possibilidade de iniciar os processos pelo celular, sem sair de casa. Diminuímos a logística da população para que não seja necessário o deslocamento até as nossas unidades em busca de serviços presencialmente’’, falou.

MT Cidadão

Além da inclusão de atividade remunerada na habilitação, também estão disponíveis no aplicativo os seguintes serviços:

– Renovação da CNH;

– Emissão do Licenciamento;

– Abertura do processo de transferência de propriedade;

– Primeiro emplacamento;

– Mudança de município;

– Segunda via do CRV;

– Troca para placa Mercosul;

– Inclusão de financiamento;

– Baixa de financiamento;

– Requerimento para condutor PCD;

– Emissão de certidão do condutor;

E muitos outros.

(Com supervisão da jornalista Lidiana Cuiabano) 

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Propaganda

mato grosso

Empaer testa capim kurumi como alternativa para produtores de leite

Publicados

em


Conhecido pelo valor nutritivo, o capim kurumi é a nova aposta da Empresa Mato-grossense de Pesquisa Assistência e Extensão Rural (Empaer) e vem sendo testado junto a produtores de leite da agricultura familiar de Juara, Terra Nova do Norte e Nova Bandeirantes. A equipe técnica segue na produção de mudas e avaliação do potencial nutritivo da cultivar, que pretende junto com o capiaçu ser uma das alternativas de baixo custo e auxiliar os produtores, principalmente durante o longo período de estiagem.

O técnico da Empaer em Terra Nova do Norte, Rodrigo Cezar Ribeiro, explica que quanto maior a produção de leite, maior a demanda energética e proteica. Independente das estações do ano, a alimentação dos animais devem ser uma constante e no caso do período de entressafra, quando a chuva diminui é quando o pasto e o cocho necessitam de uma redobrada atenção.

Ele destaca que as mudas de BRS Kurumi foram fornecidas o ano passado pela Embrapa Agrossilvipastoril de Sinop, multiplicadas e plantadas no sitio Nonoai do senhor João Luis da Rosa, na comunidade Quinta Agrovila.  Na propriedade, em uma área de 1 hectare, a cultivar foi desenvolvida conforme planejado e no dia 20 de novembro será realizado o primeiro pastejo e a avaliação do potencial produtivo do Kurumi com a produção das matrizes leiteiras que irão consumir o pasto.

Rodrigo frisa que insumos para produção da ração como a soja e o milho tiveram um grande aumento nos últimos anos. “Na teoria, o capim produz 20% de proteína bruta e, por este motivo, está sendo plantado na propriedade com a intenção de reduzir custos de produção, principalmente com a alimentação”, destaca.

Ainda em Terra Nova do Norte, 100 produtores já receberam as mudas de kurumi, mas a meta é chegar a 160, o mesmo público atendido nos últimos dois anos com capiaçu.

Trabalho semelhante dos técnicos da Empaer em Nova Bandeirantes, Luma Regina Maldaner e Eder José Barreiros, que vêm atendendo produtores dos Projetos de Assentamento de Japuranã e Japuranomann junto ao Programa REM.

Luma Maldaner destaca que as mudas foram trazidas do escritório regional de Juara através de um produtor. “Em Nova Bandeirantes, nós trabalhamos em parceria com a Secretaria de Agricultura, Meio Ambiente e Saneamento. Elas foram plantadas em uma área de 1 hectare no viveiro municipal e serão doadas posteriormente aos produtores da cidade”.

De acordo com Luma, o objetivo é buscar novas alternativas que sejam de baixo custo. O próximo passo será gradear a área para o plantio. “Temos bons exemplos de produtores dos estados de Goiás e da região sul país que o kurumi é uma boa alternativa por ser de pastejo. Em contrapartida, com o capiaçu de silagem. Duas boas alternativas para o produtor da agricultura familiar”.

Mudas sendo mutiplicadas para serem distribuidas e plantadas                              Foto: Empaer 

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana