MULHER

Horóscopo do dia: previsões para 20 de abril de 2021

Publicados

em


source
Mandala
Marcelo Dalla

As mandalas do horóscopo do dia são desenhadas pelo astrólogo Marcelo Dalla


ÁRIES 

Continue a contar com mais disposição. A Lua começa a crescer em Leão: você pode contar com calor, motivação e espontaneidade. Conte também com coragem para novas iniciativas. Aproveite para esclarecer mal entendidos, tirar dúvidas, interagir com mais afeto e colocar os assuntos em dia. Mas hoje a Lua faz aspectos desafiadores, pedindo cuidado redobrado com a pressa, a comunicação impulsiva e a inquietação excessiva. Flexibilidade, ponderação, tranquilidade e prudência são os antídotos.


TOURO  

É tempo de brilho, exuberância, visibilidade e reconhecimento de seus talentos. Com a Lua em Leão, Sol Mercúrio e Vênus em seu signo, aproveite para valorizar seus dons e talentos. Aproveite para divulgar seu trabalho e fazer bons contatos. Vale investir em sua expressividade, seu magnetismo, seu potencial para seduzir e atrair oportunidades. Continue atento para promover mudanças e inovações. Urano segue em seu signo e vai ganhar força nos próximos dias, é tempo de promover uma verdadeira reinvenção pessoal. 

GÊMEOS 

Vale desacelerar e tomar cuidado com mal entendidos pela manhã. Imprevistos e falhas podem ocorrer, é bom deixar de lado atitudes controladoras. Com flexibilidade, aproveite para desfazer confusões, tirar dúvidas, repensar projetos. A Lua segue em Leão, é tempo de abrir seu coração! Sorrisos, gentileza e diplomacia estão em evidência. Procure fazer algo criativo, ou que seja do seu agrado também. Continue a finalizar assuntos. Após seu aniversário seguirá mais leve, confiante, vitalizado e energizado.

CÂNCER 

Você pode expressar-se com mais brilho e confiança. A Lua segue agora em Leão, dinamizando o período. Um convite para tomar iniciativas com mais garra e alegria, distribuir elogios com mais generosidade. Tudo o que possa estimular a criatividade está favorecido, é bom pensar diferente. O objetivo agora é deixar para trás velhas crenças limitantes e situações aprisionadoras. Tudo para que possa seguir mais leve, confiante e equilibrado. Aproveite para dialogar de coração aberto com quem ama e trabalhar em colaboração. 

LEÃO 

Tarefas criativas e prazerosas estão beneficiadas, você fica mais expansivo com a Lua em seu signo. Aproveite para dar bom dia à vida e celebrar os bons momentos. Bom período para ativar novas conquistas. Pela manhã a pressa pode provocar mal entendidos, prefira desacelerar para conectar-se com seu coração e sua intuição, cultivar a fé e o entusiasmo. Conte com mais inspiração e sensibilidade. Você pode realizar o que deseja, mas não se esqueça de ser generoso, de ajudar quem o ajudou um dia. 

VIRGEM 

Você viu?

Aproveite para brilhar com a Lua em Leão. Capriche no visual, promova divulgações, contatos, reúna agora o necessário para completar sua tarefa ou realizar seu projeto. Porém, evite a pressa. Prefira organizar-se, alinhar interesses, abrir-se para pensar diferente e assimilar novos conceitos. É importante agora refletir sobre como pode promover inovações práticas em sua vida.

LIBRA 

Bom período para iniciativas gerais. A Lua segue em Leão: seja espontâneo e não espere acontecer, tome você mesmo a atitude. No trabalho, privilegie as atividades relacionadas à liderança e criatividade. Você pode estudar para buscar horizontes mais amplos e até mesmo enxergar soluções que não lhe ocorriam antes. Continue aberto para revisões, mudanças, ajustes e alterações em seus planos, ciente de que tudo é pra melhor. Mas Lua e Vênus pedem hoje cuidado com a carência. Mantenha os pés no chão!

ESCORPIÃO 

Bom dia cultivar criatividade, autoconfiança e autoestima. A Lua segue em Leão: você pode aproveitar para fazer-se admirado e admirar as pessoas com as quais está envolvido. Esteja ciente de que só completará a tarefa com a ajuda dos colaboradores. Com o Sol no signo oposto, as parcerias e a vida social continuam em destaque, mantenha-se aberto para bons contatos. É tempo de ajustar projetos com mais flexibilidade e abertura para assimilar novos ingredientes. Prefira a parte da tarde para os assuntos mais importantes.

SAGITÁRIO 

Conte com mais dinamismo e entusiasmo. A Lua segue em Leão, inspirando mais energia para avançar e conquistar. Mas pela manhã, é preciso controlar a impulsividade e adoçar as palavras. Esteja atento para mal entendidos, melhor evitar discussões. Prefira estar de coração aberto para elogiar, ouvir, ser ouvido. Desfazer-se do excesso de bagagem também é importante, o desnecessário deve ser descartado. Se você tomou demais para si no passado, esteja aberto para devolver algo em troca. 

CAPRICÓRNIO 

A Lua segue no festivo Leão, todos estão mais sensíveis aos elogios e à admiração. Aproveite, capriche na apresentação pessoal e distribua sorrisos! Pela manhã há risco de mal entendidos, mas no período da tarde o clima melhora e tudo se agiliza. Vale apostar em sua criatividade e em seus talentos. Saturno e Urano avisam: as novidades que introduzir em sua vida tem grandes chances de vir para ficar. Se a responsabilidade pesar demais, delegue tarefas. De coração aberto, com certeza consegue colaboração, apoio e ajuda.

AQUÁRIO 

Esteja aberto para expandir sua rede de contatos e fazer novos amigos. Com a Lua em Leão, todos estão mais calorosos. Fica mais fácil cultivar um objetivo positivo, uma boa intenção, praticar um ato generoso em prol de quem precisa. Mas atenção pela manhã: ao trocar informações, mantenha-se flexível e disposto a mudar de opinião se for preciso. Cuidado com imprudências, evite cobranças e atitudes controladoras. No período da tarde o clima melhora, novas ideias e insights estão em pauta.

PEIXES 

Você pode contar com mais confiança para encaminhar seus projetos. Novos aprendizados, mudanças e adaptações podem permitir avanços. Esteja aberto para assimilar novas ideias. O Sol segue em Leão: é tempo de confiar em seu potencial, seus dons e seus talentos, para que possa trabalhar com mais amor e consciência. O desafio é equilibrar o tempo que se dedica aos projetos e assuntos profissionais com os assuntos relacionados ao lar e às pessoas que ama, que também pedem sua atenção. 

Fonte: IG Mulher

Comentários Facebook
Propaganda

MULHER

Introdução alimentar: quando incluir alimentos na dieta do bebê

Publicados

em


source

Alto Astral

Introdução alimentar: quando incluir alimentos na dieta do bebê
Reprodução: Alto Astral

Introdução alimentar: quando incluir alimentos na dieta do bebê

Uma dúvida comum entre pais e mães é a partir de quando os alimentos podem ser introduzidos na vida dos filhos, especialmente porque algumas iguarias são amplamente conhecidas por causarem as temidas reações alérgicas .

Segundo experts no assunto, a questão da introdução alimentar é mais simples do que parece, visto que é de extrama importância os bebês terem contato com os alimentos sólidos o quanto antes. Assim, Patrícia Terrível, pediatra humanizada e neonatologista, explica que a introdução alimentar pode ser feita a partir dos seis meses.

Isso porque, como pontua Gabriela Justamante Händel Schmitz, doutora em Ciência dos Alimentos pela Universidade de São Paulo, “quanto mais cedo o organismo tiver contato com alimentos variados, menor a chance de ser desenvolvida uma alergia alimentar”.

Schmitz ainda complementa dizendo que “a partir dos seis meses, quando se introduz a papinha salgada, o bebê deve começar a comer todos os tipos de alimentos, inclusive aqueles potencialmente alergênicos”. Ela explica que um dos fatores de risco à alergia alimentar é justamente a ausência de contato com algumas comidas nessa fase da vida.

A médica corrobora a fala e afirma que a janela imunológica do bebê ocorre entre o sexto e oitavo mês. Por isso, de acordo com ela, essa é a fase na qual “precisamos oferecer os alimentos de potencial alergênico, como ovo, trigo (glúten), peixes e crustáceos, oleaginosas (amendoim e castanhas), e frutas, como banana e morango”.

introdução alimentar
Ao introduzir alimentos na dieta do bebê, não deixe as frutas de lado. / Shutterstock

Mas pode comer de tudo?

“Devem ser evitados alimentos industrializados, principalmente os que contém muito açúcar ou gordura, que não contribuem para a formação de uma microbiota equilibrada e podem conter substâncias que potencialmente induzem à alergia, como conservantes e corantes químicos”, afirma Schmitz. De acordo com a Sociedade Brasileira de Alergia e Imunopatologia (ASBAI), as reações adversas aos conservantes, corantes e aditivos alimentares são raras, mas não devem ser menosprezadas.

Schmitz ainda acrescenta que “obviamente, para essa fase da vida, existem alimentos proibidos, mas por outras razões”. Alguns exemplos destacados pela especialista são o açúcar (seja branco, mascavo, cristal ou demerara), até 2 anos de idade, e o mel, até 1 ano. Ela explica que a restrição do açúcar é devido aos riscos do desenvolvimento de obesidade e doenças correlacionadas, e também porque a criança pode acabar dando preferência a alimentos doces e deixar de lado os salgados, que fazem parte das principais refeições. Já o mel, pelo risco de conter esporos de Clostridium botulinum – bactéria cuja toxina desencadeia a chamada doença do botulismo infantil. A microbiota intestinal dos bebês, ainda em formação, não é capaz de impedir a germinação dos esporos dessa bactéria.

Você viu?

A pediatra complementa, afirmando: “tudo que for natural é recomendado e indicado”. Segundo ela, se veio da terra está liberado. Terrível ainda destaca a importância de sempre oferecer os 5 grandes grupos para os bebês: arroz ou tubérculos, hortaliças verdes, hortaliças coloridas, leguminosas e proteínas.

Alergias

A doutora em Ciência dos Alimentos explica que “uma alimentação variada, preferencialmente in natura, tem uma influência importante na formação de uma microbiota intestinal equilibrada”. Essa, por sua vez, tem um papel relevante no mecanismo de tolerância aos alimentos potencialmente alergênicos. “A microbiota intestinal atua como uma barreira, evitando a passagem das proteínas alimentares [as responsáveis pela alergia] para a corrente sanguínea, reduzindo a chance de uma reação alérgica”, explica.

Schmitz destaca que se os pais notarem qualquer reação alérgica no bebê durante a introdução de alimentos novos, além de procurarem ajuda médica imediatamente, devem suspender o alimento o qual eles suspeitam que possa ter causado a alergia. Vale lembrar que a reação alérgica pode ocorrer independentemente da quantidade ingerida do alimento.

Vale salientar que os sintomas de uma reação podem ser locais, como coceira, vômito, dor abdominal e náusea, ou sistêmicos, como urticária, queda da pressão arterial, edema de glote e anafilaxia. “Há casos severos em que o bebê não pode nem tocar ou inalar o cheiro do alimento alergênico, mas esses são mais raros”, afirma Schmitz.

Ainda segundo a doutora da USP, os alimentos que mais causam alergias na população são: leite, ovos, trigo, soja, peixe, crustáceos, amendoim, castanhas e gergelim. Além disso, há cada vez mais casos de crianças alérgicas a frutas. Entretanto, a literatura científica mostra que a alergia alimentar é mais comum em crianças (8%) em relação aos adultos (5%).

Com isso, Terrível ressalta que é muito importante seguir sempre as orientações médicas e estar atento aos sinais de prontidão do bebê – como controle de cabeça e pescoço, sustentação de tronco, sentar-se sem apoio e sem tombar, levar comidas e objetos a boca, movimentos voluntários de língua e lábios e demonstração de interesse quando vê pessoas comendo – antes da introdução alimentar.

Consultoria: Gabriela Justamante Händel Schmitz, doutora em Ciência dos Alimentos pela Universidade de São Paulo e ex-pesquisadora do Centro de Pesquisa em Alimentos (Food Research Center – FoRC), e Patrícia Terrível, pediatria humanizada, neonatologista e idealizadora do projeto Corrente de Amor pelo SUS.

Fonte: IG Mulher

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana